Matérias | Geral


Itajaí

Do leitor

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]

Do leitor

“Tenho certeza de que estás mostrando para os eleitores as barbaridades que acontecem em BC. As rádios não reclamam mais da sujeira que a cidade está. No passado, sempre reclamavam da Ambiental ...

 

Já possui cadastro? Faça seu login aqui.

Quer continuar lendo essa e outras notícias na faixa?
Faça seu cadastro agora mesmo e tenha acesso a
10 notícias gratuitas por mês.

Cadastre-se aqui



Bora ler todas as notícias e ainda compartilhar
as melhores matérias com sua família e amigos?

Assine agora mesmo!


“Tenho certeza de que estás mostrando para os eleitores as barbaridades que acontecem em BC. As rádios não reclamam mais da sujeira que a cidade está. No passado, sempre reclamavam da Ambiental. Qual a minha surpresa? Estão alugando caminhão da mesma empresa pra recolher o lixo. Reclamam que estava muito caro e não tinha estrutura, mas alugam veículo da mesma empresa. A administração Edson Piriquito está a cada dia mais desastrosa, e quem perde é a população”.

Pois é...



... pois bem. Muita gente mistura alhos com bugalhos tentando levar o debate para o campo político. Quem critica o governo é oposição. Não se dá a chance aos cidadãos moradores de BC também pensar e se manifestarem. A manifestação é uma crítica ao governo que partiu de um cidadão preocupado com a cidade e não pensando em quem comanda o governo. Na prática, a prefeitura não dá respostas às demandas da população. Muitas ações e intervenções públicas revelaram-se desastrosas e não preciso aqui fazer uma retrospectiva de tudo que aconteceu em BC este ano.

No deserto

Respondi ao leitor que estava de saco cheio de discursar no deserto, mas vou levando. Levando não para servir de palanque a qualquer oposição partidária ao governo. Eu critico aqui – por texto e imagem – o que entendo como errado para a cidade. E quero mais que se faça certo, como torço que dê certo a ciclofaixa – que, espero, seja transformada em ciclovia o mais rápido possível. Procuro exercer minha cidadania. Só isso.


Ranzinza

Como o meu meio é o do jornalismo, exerço minha cidadania escrevendo. Dia desses, vi um debate no Facebook perguntando se todo jornalista é ranzinza. Eu digo que todos deveriam ser ranzinzas. Só não é quem está na zona de conforto. Eu sou ranzinza!

Ciclofaixa I

Feito o desabafo de final de ano, vamos conjugar o verbo ranzinzar. A ciclofaixa já está criando divergências. Vi um comentário de uma biker reclamando das pessoas que correm e os skatistas utilizando a área da ciclofaixa. Fiquei de cara. Bikers, corredores, rollers, skatistas têm mesmo é que se unir e mostrar às autoridades o quanto é importante aquele espaço. Convivam em harmonia e tolerância para, quem sabe, reivindicar um espaço maior para os sem-carros na beira-mar.

Ciclofaixa II


Dá para perceber que aquele corredor criado é um paliativo para uma cidade sem espaços. Uma improvisação que deve ser vivida intensamente. Um espaço de lazer, desacelerado. Então, se bikers, corredores, rollers e skatistas tiverem esta compreensão, tem tudo para dar certo. E para que isso possa acontecer, a prefeitura tem que democratizar a sinalização que está sendo implantada. Sem exclusividades.

Ciclofaixa III

O governo pode nem se dar conta, mas a implantação do corredor livre de carros na Atlântica foi seu grande feito até aqui. Talvez eles entendam como uma encheção de saco de quem anda de bicicleta. Mas a ciclofaixa representa muito mais do que isso. Com aquele espaço, a rotina da Atlântica será diferente de todos os tempos que BC se conhece como gente. Pela primeira vez, as pessoas podem ver a praia e não carros estacionados; as pessoas ficarão livres daqueles ridículos exibicionistas com seus sons de carro no talo - eu disse no talo - e as pessoas acabarão pensando duas vezes se para frequentar a praia central será uma boa ir de carro. Enfim, existem mais coisas boas para acontecer. Será uma questão de mudança de hábitos.

Ciclofaixa IV


Digo que talvez o governo não se dê conta porque protelou o que pode para criar o corredor. Foi uma pregação de mentiras com promessas vazias que começou antes da temporada passada e prosseguiu por todo o ano de 2013 até que, na boca da temporada, finalmente entregam à população o que eles chamam de ciclovia.




Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×






35.168.110.128

TV DIARINHO


Entrevistão com Douglas Costa Beber  - Diretor Geral da Emasa



Podcast

Avalie o que importa

Publicado 13/08/2022 09:56



Especiais

ENTREVISTA

Duda Salabert “Quando uma travesti é eleita, a sociedade inteira avança”

Brasil

Quem está destruindo as unidades de conservação do cerrado

Saúde

Salsicha, hambúrguer e nugget: pesquisa identifica agrotóxicos em alimentos

famoso

Garçom há 30 anos, Claudinho ama BC

Diversidade religiosa

Mestre Marne quebrou tabus para defender a fé nos orixás



Blogs

A bordo do esporte

Maquete eletrônica do Salão Náutico Salvador com o Grand Pavois

Blog da Ale Francoise

Tá com tosse aí?

Blog Doutor Multas

Bafômetro pega vape: verdade ou mito? Entenda de uma vez por todas

Blog do JC

Desencantou

Blog do Ton

Blumenau ganhará o primeiro lounge bar em formato rooftop

Blog Clique Diário

Pirâmides Sagradas - Grão Pará SC I

Bastidores

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado

Blog da Jackie

BALNEÁRIO FASHIOW foi SHOW



Entrevistão

Douglas Costa Beber

"Somos a cidade mais saneada de Santa Catarina e uma das mais saneadas do Brasil”

Gabriela Kelm do Nascimento

“A maioria entende que o calçadão da Hercílio Luz deve permanecer porque foi um ganho para a cidade ”

Normélio Weber

"O Hermeto Pascoal vai estar ali. O Toquinho vai estar aqui. O Brasileirão, de Curitiba... Vai estar Chico César...”

Cláudio Werner

“O nosso clube é um formador de atleta olímpico”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯








Jornal Diarinho© 2022 - Todos os direitos reservados.
Mantido por Hoje.App Marketing e Inovação