Matérias | Especial


ELEIÇÕES 2022

Confira quanto cada candidato da região recebeu do fundão eleitoral

Partidos em SC receberam quase R$ 194 milhões. Em alguns casos, dinheiro foi usado para pagar amigos e parentes

João Batista [editores@diarinho.com.br]

Jorge Seif Júnior tem a campanha mais "gorda" e já recebeu R$ 2,5 milhões (foto: divulgação)


A prestação de contas de campanha e valores recebidos por candidatos da região já desperta críticas tanto pelo volume de dinheiro quanto pelo uso dos recursos - a maior parte vinda dos fundos eleitoral e partidário. Em Itajaí, há candidatos que pagaram despesas de serviços que foram prestados por familiares ou amigos, conforme documentos apresentados no registo de campanha junto ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE). Os gastos também chamam a atenção pela grandeza. Há dois candidatos a deputado federal pela região que receberam mais de R$ 1 milhão cada um: Ana Paula Lima (PT) e Osvaldo Mafra (Solidariedade). Já a candidatura ao Senado de Jorge Seif (PL), que é apoiado pelo presidente Jair Bolsonaro e pelo empresário Luciano Hang, é a mais rica de todas: já recebeu mais de R$ 2,5 milhões.

A legislação não proíbe a contratação de familiares dos candidatos para trabalhar na campanha, mas os pagamentos devem respeitar princípios constitucionais, como moralidade, impessoalidade e economia. Os gastos com os prestadores de serviço, sejam pessoas físicas ou jurídicas, devem ser comprovados e estarem dentro de valores de mercado. Eventuais irregularidades podem levar à desaprovação das contas e punições cíveis ou criminais.

O candidato a deputado federal pelo Podemos Clayton Batschauer pagou R$ 20 mil para a coordenadora de campanha na região da Amfri, Dany Alves, e R$ 3 mil para o ex-presidente do Sindicato da Estiva de Itajaí, Saul Airoso da Silva, também para serviço de coordenação. Além dos amigos, na prestação de conta aparece a própria esposa de Clayton, Rafaela Batschauer, que recebeu R$ 10 mil por serviços advocatícios da campanha.



No total, o candidato recebeu R$ 155 mil de recursos do fundo eleitoral, repassados pelo partido, dos quais R$ 141.039, 25 já foram gastos com pagamento para cerca de 40 fornecedores, entre empresas e pessoas físicas. Clayton falou ao DIARINHO que a prestação está “absolutamente” dentro da lei.

“Agimos sempre com extrema honestidade e transparência, mostramos verdadeiramente todos os nossos atos. Quem realiza nossos serviços, coordena nossos trabalhos em diversas áreas recebe sem nenhum problema, pois são todos ali pessoas sérias que tem minha total confiança para gerir os recursos recebidos da melhor forma possível”, defendeu.

No caso do candidato a deputado estadual Fabrício Marinho (Cidadania), chamou a atenção o valor recebido da direção nacional do partido: R$ 362.222,22. O valor, com origem no fundo eleitoral, representa o 4º maior repasse para candidatos ao mesmo cargo na região. Fabrício já teve R$ 246 mil de gastos na campanha, incluindo pagamentos para apoiadores.


Fabrício ressaltou que não tem familiar remunerado na campanha e que o pagamento de apoiadores é prática legal, prevista na legislação. “Eu trabalho estritamente na lei. Meus pagamentos são todos em conta de campanha. Não tenho nada a esconder”, afirmou.

Prestação de contas

Os candidatos e partidos devem apresentar prestações de contas parciais e finais à Justiça Eleitoral. A prestação de contas parcial aconteceu neste mês, devendo constar as movimentações financeiras do início da campanha. Até 30 dias depois do primeiro turno, deve ser apresentada a prestação de contas final. No segundo turno, o prazo é 20 dias após a votação.

Todas as prestações de contas são analisadas e julgadas pela Justiça Eleitoral depois das eleições. O tribunal verifica a origem dos recursos, forma de utilização das verbas vindas do fundo partidário e do fundo eleitoral e se o total de gastos com a campanha está dentro dos limites financeiros estabelecidos na legislação. A plataforma “Você Vê – Recursos Públicos de Campanha”, do TRE-SC, reúne dados para consulta.

Dinheiro público e doações privadas


Entre as fontes de financiamento de campanha previstas na legislação estão doações financeiras em dinheiro de pessoas físicas, bem como recursos próprios do candidato. Já os recursos públicos são do Fundo Especial de Financiamento de Campanha, chamado de “fundo eleitoral” ou “fundão”, e do fundo partidário. Em 2022, o fundo eleitoral conta com R$ 4,9 bilhões, e o partidário é de R$ 1,1 bilhão.

No caso do fundo eleitoral, o TRE explica em nota que 2% são distribuídos de forma igual para todos os diretórios registrados no TSE. Outros 35% vão para partidos que têm, no mínimo, um deputado federal, 48% para quem tem representantes na Câmara dos Deputados conforme a proporção das bancadas, e 15% conforme o número de senadores do partido no Senado.

A maneira como os recursos são divididos internamente é decidida pelos próprios partidos, que devem informar os critérios à Justiça Eleitoral. A única exigência é quanto ao cumprimento da cota proporcional de gênero para candidatas mulheres. No fundo partidário, a distribuição é feita com 5% entre todos os diretórios nacionais e os 95% restantes conforme o número de deputados federais.

 


Dinheiro público e doações privadas

Entre as fontes de financiamento de campanha previstas na legislação estão doações financeiras em dinheiro de pessoas físicas, bem como recursos próprios do candidato. Já os recursos públicos são do Fundo Especial de Financiamento de Campanha, chamado de “fundo eleitoral” ou “fundão”, e do fundo partidário. Em 2022, o fundo eleitoral conta com R$ 4,9 bilhões, e o partidário é de R$ 1,1 bilhão.

No caso do fundo eleitoral, o TRE explica em nota que 2% são distribuídos de forma igual para todos os diretórios registrados no TSE. Outros 35% vão para partidos que têm, no mínimo, um deputado federal, 48% para quem tem representantes na Câmara dos Deputados conforme a proporção das bancadas, e 15% conforme o número de senadores do partido no Senado.

A maneira como os recursos são divididos internamente é decidida pelos próprios partidos, que devem informar os critérios à Justiça Eleitoral. A única exigência é quanto ao cumprimento da cota proporcional de gênero para candidatas mulheres. No fundo partidário, a distribuição é feita com 5% entre todos os diretórios nacionais e os 95% restantes conforme o número de deputados federais.

 

Partidos em Santa Catarina receberam quase R$ 194 milhões


União Brasil lidera o repasse com R$ 22,7 milhões

União Brasil lidera o repasse com R$ 22,7 milhões

 

Em Santa Catarina, os partidos somaram receita de quase R$ 194 milhões. Do total, 86% são recursos públicos de financiamento, distribuídos para 28 siglas. O União Brasil lidera o repasse de verba, com R$ 22,7 milhões.

Na região da Amfri, as receitas de 58 candidatos a deputado estadual somam R$ 4,7 milhões. Lidera a lista de gastos a candidata Anna Carolina Martins (PSDB), vereadora de Itajaí, com R$ 767 mil em recursos, 91% do fundo eleitoral e o restante do fundo partidário. Estão entre os primeiros o ex-secretário de Itajaí, Thiago Morastoni (Podemos), e o vice-prefeito de Balneário, Carlos Humberto (PL).

 

ENTENDA...

- Para deputado federal, 34 candidatos da região somam R$ 8,7 milhões em receitas.

- Entre os dois candidatos ao Senado, a campanha de Jorge Seif Jr. (PL) é a mais abonada, com R$ 2,5 milhões.

-  De oito candidatos a deputados na região, não há dados disponíveis na prestação de contas no site do TRE-SC.

 

Ana Paula Lima (PT) e Osvaldo Mafra (SD) receberam mais de R$ 1 milhão, cada um, pras campanhas

Ana Paula Lima (PT) e Osvaldo Mafra (SD) receberam mais de R$ 1 milhão, cada um, pras campanhas

CONTAS DOS CANDIDATOS DA REGIÃO

Senador

TOTAL: R$ 3.061.614,22

(* Soma dos valores dos fundos eleitoral e partidário mais doações privadas)

Jorge Seif Jr. (PL)

R$ 2.561.614,22

Balneário Camboriú

Hilda Deola (PDT)

R$ 500.000,00

Itajaí

Receitas dos partidos em SC

Total: R$ 193.851.646,10

Recursos públicos (86,30%): R$ 167.294.033,02

 

Recursos privados (13,70%): R$ 26.557.613,08

 

Recursos públicos por partido:

Partido

Valores

UB

R$ 22.794.800,00

PL

R$ 21.094.997,14

PSD

R$ 20.348.260,00

MDB

R$ 16.452.608,61

PP

R$ 14.957.937,50

PSB

R$ 11.650.795,97

PT

R$ 11.626.276,87

Podemos

R$ 8.670.000,00

PSDB

R$ 7.143.572,53

Republicanos

R$ 6.998.381,94

Cidadania

R$ 6.195.384,11

PDT

R$ 3.540.020,00

PSOL

R$ 3.049.293,42

Solidariedade

R$ 3.030.000,00

PTB

R$ 2.258.470,00

Avante

R$ 1.697.500,00

Patriota

R$ 1.325.000,00

PC do B

R$ 1.271.641,25

DC

R$ 804.725,56

PSC

R$ 753.000,00

PV

R$ 699.987,70

Pros

R$ 600.000,00

Rede

R$ 140.006,08

PRTB

R$ 108.810,01

UP

R$ 44.000,00

PSTU

R$ 26.000,00

PCO

R$ 12.000,00

Novo

R$ 564,33

 

Deputado Estadual

TOTAL: R$ 4.790.776,83

(* Soma dos valores dos fundos eleitoral e partidário mais doações privadas)

Candidato

Valor

Cidade

Anna Carolina Martins (PSDB)

R$ 767.678,00

Itajaí

Thiago Morastoni (Podemos)

R$ 457.841,06

Itajaí

Carlos Humberto Silva (PL)

R$ 436.398,14

Balneário Camboriú

Fabrício Marinho (Cidadania)

R$ 362.222,22

Itajaí

Ana Paula da Silva (Podemos)

R$ 270.150,00

Bombinhas

Lucas Gotardo (Novo)

R$ 257.791,83

Balneário Camboriú

Emerson Stein (MDB)

R$ 206.000,00

Porto Belo

Edson Renato Dias (Republicanos)

R$ 182.510,00

Balneário Camboriú

Wancarlos Wolinger Corsani (UB)

R$ 152.000,00

Navegantes

Arlindo Cruz (PSD)

R$ 131.500,00

Balneário Camboriú

Marisa Zanoni (PT)

R$ 123.000,00

Balneário Camboriú

Rosa Maria Tesser (PP)

R$ 110.000,00

Balneário Piçarras

Márcio Antônio Pereira (PSDB)

R$ 105.500,00

Camboriú

Paula Giovanna dos Santos (PP)

R$ 100.000,00

Balneário Camboriú

Maurílio Moraes (PP)

R$ 84.900,00

Itajaí

Luis Olavo Nandi (UB)

R$ 73.000,00

Balneário Camboriú

Altamir Montibeller (Republicanos)

R$ 71.200,00

Camboriú

Julcemar Ferreira (PSB)

R$ 69.609,93

Itajaí

Ciça Müller (PDT)

R$ 65.610,00

Balneário Camboriú

Victor Nascimento (PL)

R$ 65.112,23

Itajaí

Cléo Comunello (PT)

R$ 56.400,00

Itajaí

Jhenniffer Breenstup (Republicanos)

R$ 50.000,00

 

Ari Berndt (Republicanos)

R$ 40.000,00

Balneário Camboriú

Jefferson Schmidt (Patriota)

R$ 36.000,00

Balneário Camboriú

Silvio Cardoso Junior (PTB)

R$ 35.000,00

Camboriú

Silvana Walger (PL)

R$ 33.998,14

Itajaí

Otto Quintino (Republicanos)

R$ 33.800,00

Itajaí

Airton Luís Eichelberger (SD)

R$ 30.000,00

Barra Velha

Emilene Jacomelli (Republicanos)

R$ 30.000,00

Itajaí

Osmar Teixeira (SD)

R$ 30.000,00

Itajaí

Igor Araújo (Podemos)

R$ 20.300,00

Balneário Camboriú

Cleber Torra Torra (PDT)

R$ 20.000,00

Balneário Camboriú

Neli Custódio (PSC)

R$ 20.000,00

Ilhota

Léo Cabral Mattos (Patriota)

R$ 18.000,00

Barra Velha

André de Oliveira (Novo)

R$ 17.196,53

Itapema

Levi Elias Vicente (PTB)

R$ 16.000,00

Balneário Camboriú

Biano Souza (SD)

R$ 15.000,00

Penha

Jussara Guimarães (DC)

R$ 13.100,00

Navegantes

Vilma Lea Rebello (DC)

R$ 13.100,00

Itajaí

Adalberto Pereira (DC)

R$ 11.100,00

Camboriú

Charles Benassi (DC)

R$ 11.100,00

Itajaí

Vanderlei da Silva Costa (PDT)

R$ 11.075,00

Penha

Alex Sandro Gonzaga Stein (Psol)

R$ 10.357,75

Itajaí

Cassiana Bueno (Patriota)

R$ 10.000,00

Balneário Piçarras

Joaquim Chiniski (Patriota)

R$ 10.000,00

Itajaí

Jonas dos Santos Rosa (SD)

R$ 10.000,00

Balneário Camboriú

Jorge Vieira (Patriota)

R$ 10.000,00

Itajaí

Leonilce Góis (Patriota)

R$ 10.000,00

Itajaí

Renato Henrique Openkoski (PDT)

R$ 10.000,00

Camboriú

Rogério Piloto (Patriota)

R$ 10.000,00

Itajaí

Silvia Mendonça (Patriota)

R$ 10.000,00

Itajaí

Gilson Vieira (Psol)

R$  9.759,76

Navegantes

Marcos Angioletti (PTB)

R$  8.600,00

Ilhota

Mirna Bublitz (PTB)

R$ 8.180,00

Navegantes

Jaqueline da Silva Porto Vanzeler (Psol)

R$ 8.158,71

Balneário Camboriú

Julio César Bento Filho (PSC)

R$ 7.840,00

Navegantes

Fabrício Favoretto (Novo)

R$  3.207,53

Itajaí

Noé Hoepers (PSC)

R$ 1.480,0

Penha

 

Sem dados disponíveis:

Samoel Luciano Elias (PRTB)

 

Itajaí

Frank Lôbo (PV)

 

Itapema

Márcia Hasse (PV

 

Itapema

Adriana Kruger (PRTB)

 

Penha

Gustavo Henrique Machado (PRTB)

 

Penha

Cláudio Melchioretto (PSC)

 

Luiz Alves

Deputado federal

Total: R$ 8.792.558,53

(* Soma dos valores dos fundos eleitoral e partidário mais doações privadas)

Candidato

Valor

Cidades

Ana Paula Lima (PT)

R$ 1.170.234,00

Itajaí

Osvaldo Mafra (SD)

R$ 1.050.000,00

Itajaí

Jane Steffen (UB)

R$ 870.000,00

Camboriú

Jorge Goetten (PL)

R$ 667.500,00

Itajaí

Marcos Kurtz (Podemos)

R$ 528.273,53

Balneário Camboriú

Márcio “Dedé” Gonçalves (UB)

R$ 492.000,00

Itajaí

Onir Mocellin (Republicanos)

R$ 424.356,33

Itajaí

Sadi Ribeiro (Avante)

R$ 415.200,00

Barra Velha

Kita Xavier (Podemos)

R$ 388.619,33

Balneário Camboriú

Evandro Eredes dos Navegantes (PSDB)

R$ 330.600,00

Penha

Marcelo Werner (PSC)

R$ 316.500,00

Itajaí

Dileta Corrêa Silva (PTB)

R$ 232.900,00

Balneário Camboriú

Adriano Pivotto (Podemos)

R$ 192.500,00

Itapema

Luiz Carlos Vieira (PT)

R$ 182.678,75

Itapema

Rutinéia Quinzen (Republicanos)

R$ 180.000,00

Camboriú

Taíse Bodemüller (SD)

R$ 170.000,00

Balneário Camboriú    

Izaías dos Santos (Avante)

R$ 164.500,00

Camboriú

Clayton Batschauer (Podemos)

R$ 155.000,00

Itajaí

Paulo Sérgio Feres Alves (UB)

R$ 152.520,00

Itapema

Luciana Sobota (PSB)

R$ 115.052,94

Camboriú

Milton Antônio da Silva (PSDB)

R$ 113.000,00

Camboriú

Paulo Coral (Republicanos)

R$ 102.500,00

Balneário Piçarras

Josué Pereira (MDB)

R$ 72.934,00

Camboriú

Marcelo Achutti (MDB)

R$ 54.100,00

Balneário Camboriú

Allan Schroeder (PDT)

R$ 35.000,00

Balneário Camboriú

Patrick Dauer (Patriota)

R$ 40.100,00

Itajaí

Shirley Mendonça (SD)

R$ 40.000,00

Barra Velha

Tatyana Bortolaz (PTB)

R$ 34.880,00

Barra Velha

Josiane Heineck (PTB)

R$ 26.680,00

Camboriú

Samuel Chang (Podemos)

R$ 21.981,51

Itajaí

Thiago Bomediano (PTB)

R$ 20.900,00

Balneário Camboriú

Jony Brasil (PL)

R$ 14.898,14

Itapema

Fran Àgata (PDT)

R$ 11.075,00

Itajaí

Ervino Macedo (PDT)

R$ 6.075,00

Itajaí

 

Sem dados disponíveis:

Cris Alves (Pros)

 

Balneário Camboriú

Suellen Dayane Ramos (SD)

 

Bombinhas

 




Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×






44.197.198.214

Últimas notícias

Verão

Itajaí libera mesas e cadeiras de bares nas praias, mas cobrança é proibida

ITAJAÍ

Praia do Atalaia será palco de torneio solidário de surfe

THIAGO SILVA

Capitão da seleção brasileira tem iate fabricado em Itajaí

Porto de Itajaí

Prefeito Volnei considera vetar a renovação com a APM Terminals

Novas caras

Marcílio Dias confirma sete contratações para o Catarinense

ITAJAÍ

Morre o João dono da antiga banca LoJoão

Serra de Guaratuba

Tráfego na BR 376 é liberado em uma pista

Liga Nacional

Handebol Itajaí perde com gol irregular; equipe quer anulação do jogo

NATAL 2022

Vaticano fará carreata iluminada com Papai Noel em quatro cidades de Santa Catarina

Vazamentos

Índices de perdas da Águas de Camboriú chega a 17,9% nos últimos meses



Colunistas

JotaCê

Zanatta e Boulos juntos em Brasília

Coluna Esplanada

Desafino no backstage

Gente & Notícia

Marina Itajaí é Bandeira Azul

Canal 1

Humorístico da Band tinha tudo para dar errado. E deu

Clique diário

Pé na areia

Direito na mão

Quem pode pedir a revisão da vida toda?

Foto do Dia

Dia de chuva

Coluna do Janio

Apresentação do Marinheiro

Coluna Exitus na Política

A liberdade do tempo

Na Rede

Confira o que bombou nas redes sociais do DIARINHO

Via Streaming

“Rainha de Katwe”

Jackie Rosa

Mulherada reunida

Vinicius Lummertz

SC do futuro: nas BRs, 2023 pode ser pior do que 2022

Coluna do Ton

Mãe & Filha

Coluna Fato&Comentário

Alvim Sandri: "História de vida", aos 99 anos

Artigos

Não queremos viver numa pátria dominada pela bandidagem



TV DIARINHO


Confira as principais notícias desta quarta-feira no DIARINHO: - Homem que matou amigo durante churrasco ...





Especiais

Pesquisa de preços

Bora conferir as pechinchas da semana pra garantir o churrasco do jogo do Brasil

OLHO NA DOSE

Pesquisa de preço mostra onde bebidas quentes são mais baratas

Na Estrada com o DIARINHO

Maravilhas naturais fazem de Bombinhas o Caribe catarinense

Itajaí

Do imóvel popular ao de altíssimo padrão são as apostas da Lotisa

Alto padrão

Procave agrega valor e exclusividade



Blogs

A bordo do esporte

Adeus ao juiz de vela Dionysio Sulzbeck

Blog do JC

Quadrangular 71 anos

Blog Doutor Multas

Fumar e dirigir dá multa?

Blog do Ton

Festa The Box comemora 5 anos neste fim de semana em Balneário Camboriú

Blog da Ale Francoise

Os poderes da Spirulina!

Blog da Jackie

Spring Party

Blog Clique Diário

Pirâmides Sagradas - Grão Pará SC I

Bastidores

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado



Entrevistão

Alvim Sandri

"Levei a vida que a minha mãe ensinou: fé em Deus e andar certo

Marcelo Sodré

"A hora que entrar o contrato de arrendamento essa agonia se dissipa. As empresas vêm pra fazer o porto continuar crescendo”

James Winter

“Só vai haver desemprego e demissão em massa se não tiver carga aqui no Porto de Itajaí”

Décio Lima

"Hoje, de R$ 97 bilhões que são arrecadados pelo governo federal em Santa Catarina, apenas R$ 7 bilhões voltam”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯








Jornal Diarinho© 2022 - Todos os direitos reservados.
Mantido por Hoje.App Marketing e Inovação