Matérias | Política


Olha ele

Bolsonaro fala com Moraes e divulga manifesto da paz

Temer aconselhou Bolsonaro a divulgar manifesto e buscar harmonia entre poderes

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]

Temer intermediou conversa entre Bolsonaro e Alexandre de Moraes (Foto: Agência Brasil)

Jair Bolsonaro, presidente do Brasil, e o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, conversaram por telefone na tarde desta quinta-feira. O contato foi intermediado pelo ex-presidente Michel Temer, que é amigo de Moraes e que já prestou alguns serviços ao presidente da República.

A conversa rolou após o presidente Bolsonaro falar, no feriado da Independência, que não cumpriria mais as decisões de Moraes. As declarações causaram uma crise institucional, com ameaça ...

 

Já possui cadastro? Faça seu login aqui.

Quer continuar lendo essa e outras notícias na faixa?
Faça seu cadastro agora mesmo e tenha acesso a
10 notícias gratuitas por mês.

Cadastre-se aqui



Bora ler todas as notícias e ainda compartilhar
as melhores matérias com sua família e amigos?

Assine agora mesmo!


A conversa rolou após o presidente Bolsonaro falar, no feriado da Independência, que não cumpriria mais as decisões de Moraes. As declarações causaram uma crise institucional, com ameaça de golpe no Brasil.

“Dizer a vocês que, qualquer decisão do senhor Alexandre de Moraes, este presidente não mais cumprirá. A paciência do nosso povo já se esgotou, ele tem tempo ainda de pedir o seu boné e ir cuidar da sua vida. Ele, para nós, não existe mais”, declarou Bolsonaro a apoiadores.



Com a crise institucional instaurada, Bolsonaro recorreu a Temer. O ex-presidente orientou o atual ocupante do cargo a fazer uma “Declaração à Nação” – um manifesto pra pacificar os poderes.

Na “Declaração à Nação”, que o leitor confere na íntegra ao lado e que foi divulgada na página da internet do Palácio do Planalto, Bolsonaro diz que não teve “intenção de agredir quaisquer dos poderes (...). As pessoas que exercem o poder não têm o direito de ‘esticar a corda’, a ponto de prejudicar a vida dos brasileiros e sua economia”.

O presidente alega que há discordâncias em relação as decisões de Alexandre de Moraes no inquérito das fake news, que investiga a divulgação de conteúdo falso na internet por militantes bolsonaristas, que devem “ser resolvidas por medidas judiciais que serão tomadas de forma a assegurar a observância dos direitos e garantias fundamentais previsto no Art 5º da Constituição Federal”.


Sobre a fala no feriado de Sete de Setembro, Bolsonaro alega que agiu no “calor dos acontecimentos”. “Quero declarar que minhas palavras, por vezes contundentes, decorreram do calor do momento e dos embates que sempre visaram o bem comum”, diz.

 

 

Declaração à Nação

 


No instante em que o país se encontra dividido entre instituições é meu dever, como Presidente da República, vir a público para dizer:

1. Nunca tive nenhuma intenção de agredir quaisquer dos Poderes. A harmonia entre eles não é vontade minha, mas determinação constitucional que todos, sem exceção, devem respeitar.

2. Sei que boa parte dessas divergências decorrem de conflitos de entendimento acerca das decisões adotadas pelo Ministro Alexandre de Moraes no âmbito do inquérito das fake news.

3. Mas na vida pública as pessoas que exercem o poder, não têm o direito de “esticar a corda”, a ponto de prejudicar a vida dos brasileiros e sua economia.


4. Por isso quero declarar que minhas palavras, por vezes contundentes, decorreram do calor do momento e dos embates que sempre visaram o bem comum.

5. Em que pesem suas qualidades como jurista e professor, existem naturais divergências em algumas decisões do Ministro Alexandre de Moraes.

6. Sendo assim, essas questões devem ser resolvidas por medidas judiciais que serão tomadas de forma a assegurar a observância dos direitos e garantias fundamentais previsto no Art 5º da Constituição Federal.

7. Reitero meu respeito pelas instituições da República, forças motoras que ajudam a governar o país.

8. Democracia é isso: Executivo, Legislativo e Judiciário trabalhando juntos em favor do povo e todos respeitando a Constituição.

9. Sempre estive disposto a manter diálogo permanente com os demais Poderes pela manutenção da harmonia e independência entre eles.


10. Finalmente, quero registrar e agradecer o extraordinário apoio do povo brasileiro, com quem alinho meus princípios e valores, e conduzo os destinos do nosso Brasil.  DEUS, PÁTRIA, FAMÍLIA

Jair Bolsonaro | Presidente da República federativa do Brasil




Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×






44.200.136.171

Últimas notícias

ITAJAÍ

Morre o seu Brasil, dono da antiga fábrica de biscoitos Brasil

LANÇAMENTO

Itajaí ganha concessionária de carros elétricos

ELEIÇÕES 2022

Confira quanto cada candidato da região recebeu do fundão eleitoral

Itajaí

Menor é acusado de tentar estuprar o primo de 7 anos

Futebol Amador

Acpecn perde em casa e é eliminado do Catarinense amador

Catarinense

Itajaí Vôlei vence Brusque e assume a liderança

Série C

Atlético Itajaí vence o Canoinhas e segue no G4

Segue o líder

Marinheiro goleia o Nação e volta para a liderança

Olha a chance

Concurso para a Polícia Científica de SC tem 196 vagas; salário inicial é de R$ 6 mil                                         

ELEIÇÕES 2022

Foco na saúde e na pesca: propostas de Márcio Dedé



Colunistas

JotaCê

Moisés diz que bandidos estão lhe atacando

Clique diário

A vibe de Cabeçudas

Coluna Esplanada

A tinta da impunidade

Canal 1

Parabéns! Record comemora hoje 69 anos de vida

Direito na mão

INSS convoca segurados para novo “pente-fino”: aposentadorias, auxílios e benefícios por incapacidade estão na mira de corte

Coluna Exitus na Política

A órbita eleitoral

Jackie Rosa

Show de Armando

Na Rede

Confira as notícias que foram destaque nas redes do DIARINHO

Gente & Notícia

Moeda exclusiva de BC

Coluna do Janio

Aposta alta

Coluna do Ton

Fiori

Via Streaming

“Estrelas Além do Tempo”

Coluna Fato&Comentário

Arnaldo Brandão: centenário do escritor de Itajaí

Vinicius Lummertz

SC: propostas para o debate sobre o futuro

Artigos

Marco do sesquicentenário do município destruído

Instituto Ion | Informando e Inovando

Um ano de Informando e Inovando

Coluna Tema Livre

Cuidado com os candidatos



TV DIARINHO


- Saiba como consultar o local de votação para o próximo domingo - Lei estadual vai proibir salgadinhos ...



Podcast

Minuto DIARINHO - 26/09/2022

Publicado 26/09/2022 16:31



Especiais

ELEIÇÕES 2022

Confira quanto cada candidato da região recebeu do fundão eleitoral

Pesquisa DIARINHO

Preço da carne pode variar até 145%

Cidade histórica

São Chico tem o charme de 518 anos

Preços baixos

Atacarejos se multiplicam em Itajaí e disputam consumidor mais exigente

SE LIGA!

DIARINHO lança espaço de economia popular para ajudar você nas compras



Blogs

A bordo do esporte

Hans Hutzler é o Fita-Azul da Refeno navegando em solitário

Blog do JC

Velho massifica na cachola de comissionados

Blog do Ton

Zezé Di Camargo & Luciano aterrissam em outubro no Expocentro BC

Blog Doutor Multas

5 golpes comuns que você deve ficar atento ao comprar um carro

Blog da Jackie

Spring Party

Blog da Ale Francoise

Tá com tosse aí?

Blog Clique Diário

Pirâmides Sagradas - Grão Pará SC I

Bastidores

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado



Entrevistão

Décio Nery de Lima

"Vou retomar os investimentos que o Bolsonaro negou para Santa Catarina”

Jorginho Mello

"O candidato do presidente Bolsonaro é o Jorginho Mello”

Odair Tramontin

“O Partido Novo defende a privatização de tudo que for possível”

Jorge Bornhausen

“As urnas são absolutamente seguras. Até hoje ninguém descobriu fraude. É história de quem está pensando que pode perder”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯








Jornal Diarinho© 2022 - Todos os direitos reservados.
Mantido por Hoje.App Marketing e Inovação