Matérias | Geral


ITAJAÍ

Hospital Marieta é denunciado por negar realização de laqueadura

Hospital alega que não tem habilitação para o procedimento, mas recusa estaria ligada à gestão religiosa da unidade

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]

Defensoria de Itajaí abriu nove ações na justiça, só neste ano, pra garantir laqueaduras a gestantes de risco (foto: joão batista)

O hospital Marieta Konder Bornhausen, em Itajaí, é denunciado por negar atendimento pra realização de laqueaduras por motivos religiosos. No primeiro semestre deste ano, a defensoria Pública de Itajaí já ajuizou nove ações contra o município pra garantir o direito das mulheres à cirurgia de esterilização permanente durante o parto. Devido à recusa do hospital, as pacientes são encaminhadas pra fazer o procedimento em cidades vizinhas.

A alegação do hospital é que a unidade não teria habilitação do SUS para fazer a cirurgia. Para defensoria Pública, no entanto, a portaria, que trata do credenciamento dos hospitais, não traz nenhum impedimento pra que o Marieta faça a habilitação, havendo motivação religiosa por trás da recusa, conforme relatos de pacientes e funcionários do hospital.

Uma das denúncias foi feita por Luciane Alves Honorato, de 30 anos, e mãe de quatro filhos, todos de parto por cesárea. Conforme matéria do portal Catarinas, a moradora tenta, desde o nascimento do segundo filho, fazer a cirurgia de laqueadura, mas o Marieta, que possuiu a única maternidade que atende pelo SUS em Itajaí, dificulta o acesso ao direito garantido pela lei do planejamento familiar.



Na primeira tentativa, Luciane foi orientada a não fazer a laqueadura em razão da idade e porque não tinha o consentimento do marido. Aos 28 anos, após ter se divorciado e entrado em um novo relacionamento, ela engravidou e tentou a realização da laqueadura no dia no parto, mas esbarrou na burocracia.

Mesmo se faltasse documentos, a cirurgia é indicada para casos como o da moradora, diante do histórico de cesáreas anteriores que colocam em risco a vida das mulheres a cada nova gestação. Um ano e três meses após a terceira cesariana, Luciane voltou a engravidar, apesar de tratamento anticoncepcional. O próprio corpo da moradora teria rejeitado o medicamento.

Na última tentativa pra fazer a laqueadura durante o parto, Luciane foi atrás de toda a documentação necessária, contando com a ajuda de uma enfermeira. O procedimento foi consentido pelo marido, com o documento sendo autenticado em cartório, e entregue para a assistente social do centro de Referência em Saúde da Criança e da Mulher (Crescem) de Itajaí.


A unidade é responsável pelo acompanhamento de gestantes em gravidez de risco e faz o encaminhamento de serviços como laqueaduras. Luciane conseguiu o ofício do Crescem, que autorizava a realização da laqueadura, a tempo de entrar no hospital, no mês passado. Na sala de parto do Marieta, no entanto, a equipe médica não teve liberação da coordenação pra fazer o procedimento por ser contra as normas do hospital. Luciane passou por uma nova cesárea e teve a laqueadura negada.

Moradoras de Itajaí são encaminhadas pra hospitais de Penha e Camboriú

A prefeitura de Itajaí esclarece que não possui gerência sobre a administração do hospital Marieta, que é uma unidade regionalizada, privada e que, atualmente, não possui habilitação do ministério da Saúde para realizar cirurgias de laqueadura.

Para ser habilitado, segundo o município, o hospital interessado, e com capacidade para receber os procedimentos, solicita ao gestor municipal a autorização e este encaminha o processo para o ministério da Saúde.

“Até o momento, o Município não recebeu pedido de autorização do Marieta. Além disso, não há dispositivos em lei que obriguem o hospital a realizar estas cirurgias, que são exclusivamente eletivas”, informa.


Nos últimos dez anos, 223 mulheres moradoras de Itajaí fizeram a laqueadura, mas todas fora da cidade. Os hospitais de Camboriú e de Penha são os conveniados com a prefeitura pra fazer o procedimento às interessadas. Os pedidos podem ser feitos nos postos de saúde, que encaminham as pacientes para o Crescem, que dá início aos trâmites burocráticos para a cirurgia.

Irmãs católicas que gerem hospital não aceitam esterilização

O hospital Marieta é administrado pelo instituto das Pequenas Missionárias de Maria Imaculada, com sede em São José dos Campos (SP), e responsável pela gestão de cinco hospitais no país. A cirurgia de laqueadura não é feita há, pelo menos, dez anos no Marieta porque as irmãs católicas não permitem o procedimento, conforme relatos de pacientes e funcionários.

Oficialmente, em nota, o hospital não confirma a motivação religiosa pra recusa do atendimento. A unidade dá a entender que a laqueadura é um procedimento mais simples que pode ser realizado em outros hospitais da região, mas não respondeu sobre a necessidade comprovada da cirurgia em situação de risco.


“O Hospital Marieta é referência em procedimentos de alta complexidade em diferentes especialidades médicas, inclusive gestação de alto risco. Desta forma, pela capacidade de atendimento, procedimentos mais simples são realizados em outras unidades hospitalares da região”, justifica.

Em 2008, quando o conselho Municipal de Saúde já questionava o hospital sobre a negação dos procedimentos, a própria congregação, responsável pelo Marieta, admitiu a questão religiosa na decisão. A entidade respondeu que, “no fiel cumprimento das disposições canônicas, não pode exercer atividades relacionadas com a esterilização planejada para evitar a gravidez”.

A falta de habilitação pro procedimento não obriga o hospital a fazer a cirurgia, dificultando a punição do hospital pela justiça e a garantia do acesso ao serviço em Itajaí, mesmo em caso de risco à saúde da paciente. A prefeitura afirma que os critérios seguidos pelo município, para oferta de cirurgia de laqueadura, são os mesmos da lei 9.263/1996, que regulamenta o direito do planejamento familiar.




Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×






3.235.172.123

Últimas notícias

ARTE

Artista plástico Rico Mendonça faz exposição em BC

mercado

Omoda e Jaecoo têm data para chegar ao Brasil

“Aedes do Bem”

Escola em Itajaí adota tecnologia da e-Control no combate à dengue

Gigantão

Marcílio Dias faz “Dia do Sócio” com torneio de futebol e show de pagode

Acidente feio

Motorista acerta porradaço em fachada de prédio de luxo na orla de Itapema

ENQUETE

Qual sua opinião sobre a possível visita de Lula a Itajaí?

ITAJAÍ

Conveniência do Cidade Nova é flagrada pela PM vendendo drogas

ITAJAÍ

Homem condenado a 30 anos de prisão por estuprar criança é preso

ITAJAÍ

Carro de empresa de segurança capota em Cordeiros

evolução

Venda e fabricação de veículos crescem em março



Colunistas

Histórias que eu conto

Armação da infância I

Coluna do Ton

Parabéns Ale

Mundo Corporativo

Dicas para líderes desorientados e equipes perdidas

JotaCê

Anna diz que não será candidata a prefeita

Coluna Esplanada

Lista suja da escravidão

Gente & Notícia

Neia capitaneou noite só para elas

Foto do Dia

Pintura ensolarada

Via Streaming

Pobres Criaturas

Ideal Mente

A importância da comunicação no cuidado

Show de Bola

Final do Catarinense

Direito na mão

Revisão da aposentadoria: oportunidade de aumentar o valor mensal

Coluna Exitus na Política

Janelas fechadas

Na Rede

Confira as notícias que foram destaque nas redes do DIARINHO

Jackie Rosa

Simplesmente Gisele

Coluna Fato&Comentário

Coleção bicentenário: a construção da Matriz

Coluna Existir e Resistir

Bloquinho do Sebastião Lucas resgatando e revivendo os saudosos carnavais

Empreender

Balneário Camboriú atrai cada vez mais clientes do eixo sudeste

Artigos

Aniversário da praça dos Correios



TV DIARINHO


Ana Paula Lima tem uma convicção na vida desde os 23 anos: fazer parte do Partido dos Trabalhadores. ...





Especiais

NA ESTRADA COM O DIARINHO

6 lugares imperdíveis para comprinhas, comida boa e diversão em Miami

Elcio Kuhnen

"Camboriú vive uma nova realidade"

140 anos

Cinco curiosidades sobre Camboriú

CAMBORIÚ

R$ 300 milhões vão garantir a criação de sistema de esgoto inédito 

Legado de amor

Dona Maricotinha, aos 95 anos, tem a vida pautada pela família, religião e dedicação ao próximo



Blogs

Blog do JC

Palavra é tudo!

Blog da Ale Francoise

Lanchinho do bem!

A bordo do esporte

Lola Cars na Fórmula E

Blog da Jackie

Os Fort’s e os Koch’s

Blog do Ton

Amitti Móveis inaugura loja em Balneário Camboriú

Gente & Notícia

Warung reabre famoso pistão, destruído por incêndio, com Vintage Culture em março

Blog Doutor Multas

Como parcelar o IPVA de forma rápida e segura

Blog Clique Diário

Pirâmides Sagradas - Grão Pará SC I

Bastidores

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado



Entrevistão

Entrevistão Ana Paula Lima

"O presidente Lula vem quando atracar o primeiro navio no porto”

Carlos Chiodini

"Independentemente de governo, de ideologia política, nós temos que colocar o porto para funcionar”

Osmar Teixeira

"A gestão está paralisada. O cenário de Itajaí é grave. Desde a paralisação do Porto até a folha sulfite que falta na unidade de ensino”

Omar Tomalih

“Balneário Camboriú hoje é o município que está com o maior controle, com o menor número de notificações de casos de dengue”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯








MAILING LIST

Cadastre-se aqui para receber notícias do DIARINHO por e-mail

Jornal Diarinho© 2024 - Todos os direitos reservados.
Mantido por Hoje.App Marketing e Inovação