Matérias | Reclamações


Itajaí

Funcionária do hotelão chique denuncia que está sendo humilhada pela direção do empreendimento

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]

A auxiliar de serviços gerais Jaciara Teixeira Santos, 28 anos, procurou o DIARINHO pra denunciar o que considera um assédio moral dentro do chicoso hotel Infinity Blue, no Balneário Camboriú. Ela afirma que foi rebaixada de cargo injustamente e estaria sofrendo humilhações depois que assumiu a vice-presidência da comissão Interna de Prevenção de Acidentes (Cipa).


Jaciara conta que foi contratada há sete meses como auxiliar de serviços gerais, mas suou a camisa e conseguiu ser promovida a garçonete do restaurante. Só que nunca assumiu o cargo. Embora tenham ...

 

Bora virar assinante para ler essa e todas as notícias do portal DIARINHO? Usuários cadastrados têm direito a 10 notícias grátis.


Esqueci minha senha




Se você ainda não é cadastrado, faça seu cadastro agora!


 







 






Jaciara conta que foi contratada há sete meses como auxiliar de serviços gerais, mas suou a camisa e conseguiu ser promovida a garçonete do restaurante. Só que nunca assumiu o cargo. Embora tenham pego a carteira de trampo pra modificar a função, na prática ela foi mandada pra fazer a limpeza dos banheiros da área externa do hotelão.

A trabalhadora afirma que tentou conversar com a diretoria do Infinity Blue, mas não conseguiu resolver o problema. Afirma que faz o seu trampo e passa o resto do dia chupando o dedo, querendo exercer a função dentro do restaurante. “Sou motivo de humilhação e chacota entre os outros funcionários”, reclama.

O caso é investigado pelo sindicato da categoria. A presidente, Olga Ferreira, limita-se a dizer que a investigação é feita pela assessoria jurídica do sindicato. Ela afirma que o normal é fazer um acordo entre a empresa e a funcionária. “A situação é delicada e não vamos comentar até estar tudo resolvido”, disse.

Por meio de assessoria de comunicação, o administrador do hotelão chicoso, Rubens Spernau, disse ter ficado surpreso com a denúncia. O galego disse que está à disposição pra receber a garçonete e conversar sobre o assunto. Pra ele, a pendenga pode ser um grande mal entendido.

O advogado João José Martins explica que assédio moral é qualquer humilhação de patrão contra empregado. Seja soltar xingamentos até repreender o sujeito na frente de clientes. “Tivemos casos de patrão chamar empregado de burro e até cuspir na cara”.

Continua depois da publicidade



Todas as denúncias devem ser provadas por meio de imagens ou testemunhas. Com a prova, o funcionário deve buscar a dona justa do trabalho.

Continua depois da publicidade






Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×





18.207.132.226

TV DIARINHO


Confira os destaques desta quinta-feira



Podcast

Minuto DIARINHO 26/05/2022

Publicado 26/05/2022 20:32



Especiais

Existir para resistir

1ª Virada Afro-Cultural revela uma Itajaí negra e multifacetada

febre entre jovens

Uso de Cigarros eletrônicos acende alerta

Revitalização

Nova orla da Brava está em fase de projeto

Praia Brava

Novo acesso, através de Cabeçudas, será urbanizado

Praia Brava

Duplicação da Osvaldo Reis deve facilitar ligação com BC



Blogs

A bordo do esporte

Velejadora Renata Bellotti será timoneira do Phytoervas 4Z em Ilhabela (SP)

Blog do JC

Vereador diz que políticos de Navegantes sempre pegaram uma coisinha no Ferry Boat

Blog do Ton

Sunset party inspirada na Riviera Francesa estreia em Balneário Camboriú neste sábado, dia 28

Blog Doutor Multas

Um guia para iniciantes para apostar no futebol 2022

Blog da Ale Francoise

Enema de café e suas funções

Blog Clique Diário

Itajaí - Navio - Panorama

Bastidores

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado

Blog da Jackie

BALNEÁRIO FASHIOW foi SHOW



Entrevistão

José Evaldo Koch

“O hortifruti é nosso berço”

Laerte Jacomel

"Estamos buscando o que todo mundo busca: paz de espírito”

Édison Carlos

“100 milhões de brasileiros não têm coleta de esgoto”

Walter Orthmann

"Quero ser útil enquanto eu puder”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯








Jornal Diarinho© 2022 - Todos os direitos reservados.
Mantido por Hoje.App Marketing e Inovação