Colunas


JotaCê

Por Coluna do JC -

JC é colunista político do Diarinho, o jornal que todo mundo lê, até quem diz que não. A missão do socadinho escriba é disseminar a discórdia, provocar o tumulto e causar o transtorno, para o bem da coletividade.

Todo mundo na Gororoba!


(foto: divulgação)


O candidato a deputado federal Márcio Dedé (União Brasil) 

 

Bora virar assinante para ler essa e todas as notícias do portal DIARINHO? Usuários cadastrados têm direito a 10 notícias grátis.


Esqueci minha senha




Se você ainda não é cadastrado, faça seu cadastro agora!


 







 





 

É hoje!

Neste sábado retorna, depois de uma interrupção de duas edições devido à pandemia de coronavírus, o já tradicional encontro da política catarinense que se tornou a Gororoba do JC. Esta edição promete! E já estou ansioso por antecipação para saudar a todos da melhor forma possível e que tenhamos uma festa à altura das outras.

 

14 edições

São já 14 edições e quero começar agradecendo a todos que acreditaram em mim e neste evento lá no começo, porque havia muita dúvida de todos, inclusive minha, se seria ou não bem aceito e frequentado um evento com essas características. Pois foi um sucesso desde a primeira edição, e por isso cabe aqui todo o agradecimento a quem prestigiou. Namastê!

Espaço de política

Agradecimento especial à Samara Toth Vieira, a superpoderosa dona do DIARINHO nosso de cada dia, que permite este espaço de política, de políticos e de quem gosta de polícia, dentro do jornal. Uma página dedicada aos acontecimentos e bastidores da tão demonizada política, mas que é, ao mesmo tempo, fundamental para que o país se desenvolva enquanto pátria e enquanto nação.

Comemoração

Desde o começo, a ideia da Gororoba era de ser um encontro para celebração da política e de políticos, com suas diferentes cores, ideologias, ideias, contradições, um lugar de encontro das diferenças, e, ainda por cima, festivo. Tem sido assim, e nesta edição a expectativa é de que seja uma festa ainda mais marcante devido ao momento político-eleitoral.

Encontro de diferenças

O que o Brasil precisa neste momento tão grave é, na opinião desse socadinho escriba, exatamente isto: o encontro das diferenças. O diálogo democrático que leve o país de volta para o caminho do desenvolvimento econômico e humano. As eleições vão ser a voz do povo, e nos dirão quem governará e legislará o país a partir de 1º de janeiro do ano que vem.

Prafrentemente

Que seja respeitado o resultado e respeitados os ganhadores e perdedores. Que depois das eleições se pense só no Brasil e no brasileiro, esse ser humano tão batalhador, alegre e que é, infelizmente, massacrado em seu dia a dia por uma elite cada vez mais impiedosa, massacrado por perdas constantes de direitos e garantias… Enfim, não vou ficar enumerando nossas perdas diárias.

Tudo o que poderíamos ser

E se pede tão pouco: saúde, educação, segurança e trabalho. E respeito, né? O brasileiro precisa ser respeitado, precisa ser tratado com dignidade nos balcões dos serviços públicos, nos comércios, nos bancos, em todo lugar. A política de ódio tem que ser banida deste país. Esta é a primeira coisa. Depois tem que se implantar no Brasil uma política de bem-estar social PARA TODOS.

Parece difícil, mas não é

Basta querer. E a política é o grande espaço para pôr essa roda em movimento. O desemprego, a pobreza, a violência, a falta de cuidados com saúde e a falta de educação são consequências da ineficiência da política produzida por maus políticos. Então, não venham demonizar a política. Porque quem demoniza a política quer se ver livre de uma das maneiras mais eficazes e decisivas de termos um país melhor.

Privatizar?

Quem demoniza a política não quer pagar impostos, não quer que os mais pobres tenham seus direitos mínimos respeitados, não quer pagar salários decentes, não quer que os preços e as tarifas tenham algum tipo de controle, e por aí vai.

Ladainha

A ladainha da privatização é só isso: uma ladainha. Uma ideia vendida a todos de que se as empresas públicas, pagas e construídas com o nosso dinheiro, forem privatizadas, vão oferecer melhores produtos por melhores preços. Isso é um mito.

Exemplo

E a Petrobras é um dos exemplos: uma empresa que era 100% nacional, criada para que tivéssemos independência em relação aos combustíveis, que desenvolveu uma tecnologia de ponta na extração de petróleo em alto mar e que, aos poucos, desde FHC, vem sendo privatizada. Agora privatizaram a distribuição. O resultado é o preço que pagamos na bomba, que garante o lucro dos investidores em detrimento do custo de vida da população.

Coach

Mas estou parecendo um pregador, um mentor, um coach. Chega de pregar. E, ademais, o que estou dizendo é o óbvio ululante, o óbvio que não é dito pela grande imprensa porque, no fundo, salvo raras exceções, ela está a serviço das elites brasileiras (olha a teoria da conspiração kkk). Enfim. Vamos em frente. O convite é para uma festa.

Apoiadores

Quero agradecer aos patrocinadores do evento: Rancho Esplendor - antiguidades; Altitude Máxima – cabanas; Like – marketing político; Coringa – sistemas inteligentes de segurança; Koedermann – consultores associados; Pebolim – sport bar; Eco Litoral – engenharia e meio ambiente; Mega – comunicação visual e Buffet Dujuon – festas e eventos.   

Sejam todos bem-vindos!

É hoje a 14ª Gororoba do JC. Um lugar para se conversar sobre o Brasil e o brasileiro, para afinar discursos, para polir arestas, para construção dos caminhos que nos levarão a um futuro promissor. E um lugar de celebração e diversão. E de um pouco de fofoca também. Porque ninguém é de ferro. Vamos a luta! Até daqui há pouco.


Comentários:

Deixe um comentário:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.

Leia mais

JotaCê

Anna na presidência da Câmara?

JotaCê

Reitor não quer ser prefeito

JotaCê

Construtor pode ser candidato a prefeito

JotaCê

Vereador de BC chama ministro do STF de “Hitler”

JotaCê

Marcelo e Décio juntos em Brasília

JotaCê

Ju cede à pressão

JotaCê

Eleições 2024 nos bastidores empresariais de Itajaí

JotaCê

Parados no ponto

JotaCê

Vereadores de BC contra Xandão

JotaCê

Candidato à Barca

JotaCê

Colombo tá no “aquecimento”?

JotaCê

Eleições 2024 já estão em debate em Itajaí

JotaCê

História do Marieta ainda vai render

JotaCê

Jorginho quer harmonia entre os três poderes

JotaCê

Faltou o Angioletti, cobram leitores

JotaCê

João Martins dá nos dedos da pastora

JotaCê

Xepa está pistola com a Conasa

JotaCê

Investimento

JotaCê

Penha agora tem prefeita

JotaCê

Aguardem a Barca



Blogs

A bordo do esporte

Araruama (RJ) confirma calendário de regatas de 2023

Blog do JC

Quadrangular 71 anos

Blog Doutor Multas

Fumar e dirigir dá multa?

Blog do Ton

Festa The Box comemora 5 anos neste fim de semana em Balneário Camboriú

Blog da Ale Francoise

Os poderes da Spirulina!

Blog da Jackie

Spring Party

Blog Clique Diário

Pirâmides Sagradas - Grão Pará SC I

Bastidores

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado



Entrevistão

Alvim Sandri

"Levei a vida que a minha mãe ensinou: fé em Deus e andar certo

Marcelo Sodré

"A hora que entrar o contrato de arrendamento essa agonia se dissipa. As empresas vêm pra fazer o porto continuar crescendo”

James Winter

“Só vai haver desemprego e demissão em massa se não tiver carga aqui no Porto de Itajaí”

Décio Lima

"Hoje, de R$ 97 bilhões que são arrecadados pelo governo federal em Santa Catarina, apenas R$ 7 bilhões voltam”

TV DIARINHO

Entrevistão com Alvin Sandri



Podcast

Entrevistão com Alvin Sandri

Publicado 03/12/2022 10:10


Especiais

Pesquisa de preços

Bora conferir as pechinchas da semana pra garantir o churrasco do jogo do Brasil

OLHO NA DOSE

Pesquisa de preço mostra onde bebidas quentes são mais baratas

Na Estrada com o DIARINHO

Maravilhas naturais fazem de Bombinhas o Caribe catarinense

Itajaí

Do imóvel popular ao de altíssimo padrão são as apostas da Lotisa

Alto padrão

Procave agrega valor e exclusividade



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯








Jornal Diarinho© 2022 - Todos os direitos reservados.
Mantido por Hoje.App Marketing e Inovação