Colunas


Artigos

Por Artigos -

Saneamento é saúde


A Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental (ABES) divulgou, na última semana, o ranking nacional da Universalização do Saneamento 2021. E para orgulho de todos nós, Balneário Camboriú é a cidade catarinense a constar na lista dos municípios rumo à universalização.

O ranking é um instrumento de avaliação do setor de saneamento básico no Brasil e que identifica a proximidade dos municípios de atingirem à universalização desses serviços. Utiliza como indicadores os percentuais da população da cidade atendidos por abastecimento de água, coleta e tratamento de esgotos, coleta e destinação adequada de resíduos sólidos.

Balneário Camboriú chegou a esse estágio pelo compromisso que tivemos nos últimos anos de subverter a lógica de muitos governantes de que obra embaixo da terra não traz retorno. Ao contrário, tivemos como orientação o cálculo de que cada R$ 1 investido em saneamento básico reduz em R$ 4 a necessidade de recursos para a saúde, por exemplo, com diminuição das internações por dengue, leptospirose, diarreias e hepatite A, principalmente entre crianças e idosos.

Hoje estamos com 98% da população de Balneário Camboriú atendida por serviços de coleta de esgoto. Em poucos meses vamos chegar a 100%, universalizando todos os serviços de saneamento ambiental. É claro que não foi o nosso governo o único responsável por chegarmos a esses números. Assim como não é a última martelada responsável por fixar o prego na parede. Mas durante os primeiros quatro anos do nosso governo, com determinação e empenho da nossa equipe da Emasa, demos um outro tom, colocamos mais velocidade e qualidade nos serviços.

Mas não é só na saúde que os impactos são sentidos quando se investe em saneamento básico. O meio ambiente também agradece. Hoje temos todas as nossas praias com balneabilidade, inclusive com inéditas duas praias com a Bandeira Azul nos último três anos. Distinção concedida pela Fundação para a Educação Ambiental (FEE) àquelas com melhores estrutura e balneabilidade.

Balneário Camboriú, assim como uma parte significativa do Estado de Santa Catarina, tem sua economia também fundada no turismo. E os investimentos em saneamento básico refletem também nesse setor. A questão ambiental é cada vez mais um diferencial para as pessoas decidirem por um destino. Logo, investir em saneamento básico também é estimular a economia.

* Fabrício Oliveira é prefeito reeleito de Balneário Camboriú


Comentários:

Deixe um comentário:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.

Leia mais

Artigos

Não queremos viver numa pátria dominada pela bandidagem

Artigos

Marco do sesquicentenário do município destruído

Artigos

“Um furacão chamado depressão “

Artigos

OAB MUDA

Artigos

Os limites constitucionais da atuação da guarda municipal, segundo o STJ

Artigos

Parabéns, Navegantes!

Artigos

Cenas para mudar o cenário

Artigos

Sobre a preservação da caixa d’água

Artigos

Onde há defensoria há justiça e cidadania

Artigos

Poeta mensageiro

Artigos

Reforma trabalhista é injustamente atacada

Artigos

Justiça Fiscal

Artigos

2022, um novo tempo para o turismo e para SC

Artigos

Um tributo à verdade

Artigos

A ‘sombra’ do Judiciário no Executivo – o caso da Praia Brava

Artigos

Inflação preocupa

Artigos

Colocando os pingos de grãos nos is

Artigos

Construindo pontes

Artigos

O Dia Estadual da Defensoria Pública

Artigos

Amigo é um lugar



Blogs

Blog do JC

Quadrangular 71 anos

A bordo do esporte

Volta ao Mundo Globe40 parte para a Argentina

Blog Doutor Multas

Fumar e dirigir dá multa?

Blog do Ton

Festa The Box comemora 5 anos neste fim de semana em Balneário Camboriú

Blog da Ale Francoise

Os poderes da Spirulina!

Blog da Jackie

Spring Party

Blog Clique Diário

Pirâmides Sagradas - Grão Pará SC I

Bastidores

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado



Entrevistão

Alvim Sandri

"Levei a vida que a minha mãe ensinou: fé em Deus e andar certo

Marcelo Sodré

"A hora que entrar o contrato de arrendamento essa agonia se dissipa. As empresas vêm pra fazer o porto continuar crescendo”

James Winter

“Só vai haver desemprego e demissão em massa se não tiver carga aqui no Porto de Itajaí”

Décio Lima

"Hoje, de R$ 97 bilhões que são arrecadados pelo governo federal em Santa Catarina, apenas R$ 7 bilhões voltam”

TV DIARINHO

Entrevistão com Alvin Sandri



Podcast

Entrevistão com Alvin Sandri

Publicado 03/12/2022 10:10


Especiais

OLHO NA DOSE

Pesquisa de preço mostra onde bebidas quentes são mais baratas

Na Estrada com o DIARINHO

Maravilhas naturais fazem de Bombinhas o Caribe catarinense

Itajaí

Do imóvel popular ao de altíssimo padrão são as apostas da Lotisa

Alto padrão

Procave agrega valor e exclusividade

Itajaí

Mercado da Brava continua em crescimento



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯








Jornal Diarinho© 2022 - Todos os direitos reservados.
Mantido por Hoje.App Marketing e Inovação