Colunas


Coluna do JC

Por Coluna do JC -

JC é colunista político do Diarinho, o jornal que todo mundo lê, até quem diz que não. A missão do socadinho escriba é disseminar a discórdia, provocar o tumulto e causar o transtorno, para o bem da coletividade.

Crise no PDT


Charge Pirão D’água

O vereador Eduardo Zanatta (PDT) estaria fazendo beiço para a vinda do ex-prefeito-ave, Edson Periquito (MDB), para a sigla, conforme notícias que afloraram pela Dubai brasileira e já foram publicadas nesse espaço. Perdigueiro da coluna avisa que não há nenhum interesse do nobre edil em sair do partido, o que teria ocasionado uma crise interna.

 

Bora virar assinante para ler essa e todas as notícias do portal DIARINHO? Usuários cadastrados têm direito a 10 notícias grátis.


Esqueci minha senha




Se você ainda não é cadastrado, faça seu cadastro agora!


 







 





 

Pedincho

Tudo começou quando o prefeito pop star, Fabrício Oliveira (Podemos) não deu ouvidos para a executiva para trazer o ex-presidente da sigla, Allan Schroeder, para o primeiro escalão no seu segundo mandato.

Goela abaixo

O estopim da gurizada dos seguidores dos preceitos brizolistas foi o real motivo para romper com o governo. Perdigueiro lamenta que hoje o PDT da city decida tudo em três caras, e o restante que aceite.

Presidente

Há uma reclamação geral dos pedetistas que o presidente atual, Rodrigo Talevi, não preside. Comissionado no gabinete do vereador Patrick Machado, Talevi e mais uns que decidem tudo e o presidente só acata. O fato é que os pedetistas fabricistas, que fizeram votos para elegerem os dois vereadores do PDT, que realmente estão insatisfeitos com a saída abrupta.

Sem chances

A polêmica da vinda de Pirica para os brizolistas da cidade é que o ex-prefeito psitacídeo tiraria definitivamente a chance do partido formar um nome novo para compor em 2024, inclusive prejudicando o próprio Allan Schroeder, que sonha acordado que será prefeito da city em 2025.

Vai esquentar

O fato é que forças internas dos trabalhistas já estão se articulando, pois sabem que o presidente estadual, Maneca Dias, andou engabelando a gurizada que comanda o partido na city e que o ex-prefeito Edson Periquito deverá ser anunciado nos próximos dias como membro do partido na Dubai. Há quem diga que Talevi e sua turma não tem coragem de encarar o velho de frente.

Força Luzia

A coluna emana energia positiva à ex-prefeita de Camboriú, a loira Luzia Coppi Mathias (PSDB) e à sua família desejando a pronta recuperação de sua filha Maysa, internada para exames após sofrer um mal súbito na última sexta-feira. Fé e orações para plena recuperação são os votos do escriba!

Chegou gritando

A presidente da casa do povo do outro lado da vala, em Navega City, Adriana Macarini (PL), adentrou pelas portas do legislativo dengo-dengo, ontem, falando em alta voz para todo mundo ouvir, que ninguém poderia falar que ela estava ali às 11 horas da manhã pois teria arrumado um jeito de ser esse o horário de saída de coordenadora da Educação da prefa de Navegantes.

Lá e acolá

Adriana gritou pra todo mundo ouvir, inclusive alguns eleitores que estavam do lado de fora. Eles comentaram à meia boca, que o prefeito Libardoni Top, ops, Fronza (DEM), deve ter dado um jeitinho pra ela estar em dois lugares. O fato é que Adriana é a presidente e fiel escudeira do prefeito. E não vai ser o horário que vai impedir essa lealdade.

Quem pode, pode...

Por outro lado, os linguarudos de plantão descascam que este entre e sai não acrescenta em nada. O povão paga salário da vereadora, acrescido de 50%, e mais salário de coordenadora da Educação, para alguém que gosta de usar a otoridade para poder se beneficiar...

Acertão

O vereador do Cidadania da Dubai Brasileira, Gelson Rodrigues, nomeou Clediani da Silva Kuhnen, esposa do prefeito da capital da pedrada e ex-do tiro ao vereador, Camboriú, Elcio Bisturi Kuhnen (MDB), para um carguinho em seu gabinete. A troca de favores se deu pelo apoio do Cidadania lá na city da pedra. E, pode mirar, também, apoio na eleição de 2022. O fato não é ilegal, mas bem imoral.

Tem o irmão

O prefeito da cidade-mãe, Camboriú, Elcio, tem a expertise em garantir vaga para parentes na cola de aliados. O irmão Evandro Rafael Kuhnen é nomeado no gabinete de um vereador do MDB na city camburiana.

Não manja nada

Na Dubai, partidários do vereador Gelson Merísio, ops, Rodrigues, mostraram grande contrariedade com a nomeação, até porque Clediani nada tem a ver com a política em BC, e não manja nada. O pessoal do Cidadania ficou no hora veja.

Cancelado

Bombou durante todo o fim de semana a notícia da suspensão da Live “Roda Bixa”, evento de estreia da Série “Criança Viada Show”. O evento, que seria patrocinado pela Lei Aldir Blanc, uma espécie de auxílio emergencial para o setor cultural, traria uma roda de conversas com artistas homossexuais que falariam sobre seus traumas na infância.

Pesou a mão

O projeto foi selecionado para receber 10 mil reales de recursos públicos. A ideia, que tem um propósito justo e legítimo, acabou apelando ao escolher o título para os trabalhos, confundindo a cabeça do povão.

Polêmica

Se o objetivo era chamar a atenção, conseguiram, pois até o filho do Presidente da República Carlos Bolsonaro (Republicanos) e o secretário Nacional de Cultura, Mário Frias, repercutiram o cancelamento do evento em suas redes.

Apoio

O governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB), se posicionou contrário ao cancelamento da live do projeto de Itajaí. Ele disponibilizou as redes sociais da secretaria de Cultura do estado para promover o evento.  Mais polêmica...

Beto ponderado

Na city peixeira o primeiro a se manifestar foi o devoto vereador Beto Cunha (PSDB) que embora seja fervoroso na defesa das “bandeiras da família”, divulgou um vídeo ponderado, condenando a escolha do título e defendendo que os “transtornos decorrentes de abusos na infância deveriam ser tratados por profissionais e não expostos na forma como se pretendia e com uso de dinheiro público”.

Galera cristã venceu

No mesmo embalo o vereador revoga-tudo Adriano Klawa (PSL) manifestou-se contrário a realização do evento. Após a manifestação dos edis,  o prefeito barbudinho Volnei Morastoni (MDB) também fez seu pronunciamento nas redes, afirmando que destituiu o Conselho responsável pela seleção do projeto e determinou a suspensão da live. Para justificar a medida se anunciou como autoridade máxima da cidade, prefeito, e também como pediatra.

E aí?

O debate sobre os traumas de infância decorrentes de preconceitos contra a sexualidade de cada um é um tema importante e necessário, mas a escolha de um título chamativo e de dúbia interpretação acabou prejudicando o trabalho. Até entre os defensores da liberdade de expressão e ativistas culturais não se fechou consenso sobre o projeto e seu título. Complicado.

Candidatas laranjas

Os partidos políticos precisam preencher 30% das candidaturas com mulheres. Na Santa & Bela Catarina, o vereador Sidney Sabel (DEM), de Joinville, foi cassado por conta dessa prática. Outro edil da capital da flores, Osmar Vicente (PSC), também enfrenta processo na dona justa eleitoral.

Vontade própria

O advogado e ex-Juiz eleitoral do pleno do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) de Santa Catarina, Wilson Pereira Junior, o Tiji, tem defendido que as candidaturas das mulheres devem ser espontâneas e não para preencher vagas. Corretíssimo.

Não votou nem em si

Na casa do povo da Dubai brasileira, o buxixo é forte nos corredores sobre a situação do vereador André Meirinho (PP). Tudo porque a ex-candidata a vereadora Edilanda Andrade teria supostamente entrado nessa história de candidata laranja, na eleição de novembro de 2020. A mulher não fez um voto e ainda teria relatado que fez campanha para o Marcelo Lazzaropi, ops, Lazzaroni (PSD).

Cai a torre

Com essa situação, configurado o amargor desse suco de laranja, cairia André e desaba toda a torre do PP com os suplentes e entraria o PTB no legislativo. Durante a campanha, recebi na choupana dezenas de candidatas e comentei na coluna a alegria de ver representantes da ala feminina no processo democrático.

Uma pena

Infelizmente, tem mulheres que se sujeitam a participar na condição de laranjas. Defendo uma maior participação das mulheres na política. São a maior parte da população e do eleitorado. Precisam participar e convencer mais mulheres da importância de estar na política.

Esqueceram de mim...

Outro que não estaria nada satisfeito com administração dos altos da Dinamarca é o ex-vereador Roberto Bem Claro de Souza Júnior (Podemos), que assistiu de longe a posse da ex-vereadora pra mais de metro, Juliethe Nitz (PL), como nova mandachuva da secretaria do Idoso. Ele chegou a dizer a interlocutores próximos  “esqueceram de mim”. Acho que já vi esse filme antes.


Comentários:

Deixe um comentário:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.

TV DIARINHO

O que dizem especialistas, gestores e agentes políticos sobre a cidade que está sendo planejada para ...



Podcast

Minuto DIARINHO 18/06/2021

Publicado 18/06/2021 20:40


Especiais

Mundo da pesca

Oceanógrafo criou raízes, mesmo que aquáticas

Urbanismo

Desafio da praia Brava é crescer mantendo as características de paraíso

Economia

Atividade pesqueira requer atenção especial

Bom momento

Construção civil ganha destaque na economia

Itajaí do rio e do mar

Empresas dos setores náutico e naval reforçam economia



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯