Matérias | Geral


ITAJAÍ

Porto espera resposta do governo Lula sobre pedido de grana para dívida da dragagem

Superintendência pediu ajuda de R$ 50 milhões ao governo federal. Dinheiro garante a dragagem até o fim do ano

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]

Previsão é que conta seja dividida, com contrapartidas do porto e também da prefeitura (Foto: João Batista)


O pedido de R$ 50 milhões feito pela Superintendência do Porto de Itajaí ao governo federal para garantir a continuidade do serviço de dragagem no canal portuário do rio Itajaí-açu poderá ser atendido em partes pelo Ministério dos Portos. A proposta que será apresentada ao município prevê a divisão da conta, com contrapartidas que seriam cumpridas pela autoridade portuária e pela prefeitura. O porto espera a resposta oficial do governo Lula para o pedido.


O contrato do porto com a empresa holandesa Van Oord, responsável pela dragagem, vale até dezembro de 2024. No momento, o serviço segue normalmente, mas a empresa já alertou que pode interromper ...

 

Já possui cadastro? Faça seu login aqui.

OU

Quer continuar lendo essa e outras notícias na faixa?
Faça seu cadastro agora mesmo e tenha acesso a
10 notícias gratuitas por mês.

Cadastre-se aqui



Bora ler todas as notícias e ainda compartilhar
as melhores matérias com sua família e amigos?

Assine agora mesmo!


O contrato do porto com a empresa holandesa Van Oord, responsável pela dragagem, vale até dezembro de 2024. No momento, o serviço segue normalmente, mas a empresa já alertou que pode interromper o trabalho a partir de maio por falta de pagamento. Segundo o porto, há uma dívida de R$ 11 milhões com a empresa.



A dragagem tem um custo mensal de quase R$ 7 milhões. É o custo fixo do porto, representando cerca de 70% do orçamento total. Com o terminal de contêineres parado há quase um ano e meio, a superintendência viu a arrecadação despencar e a dívida com a empresa aumentar, colocando em risco a continuidade da dragagem e as operações em outros terminais privados.

A proposta da Secretaria Nacional de Portos é cobrir parte da dívida e dividir os custos do serviço. Haveria contrapartidas de obrigação do porto pra que o município consiga pagar a conta. O Ministério dos Portos não respondeu ao DIARINHO até o fechamento da matéria qual seria o valor da ajuda e quais ações o porto de Itajaí deverá cumprir para garantir a liberação do dinheiro.


A superintendência informou que ainda não teve uma resposta oficial do pedido, que está em análise, mas considera “provável” uma ajuda financeira do governo federal. Ainda tá sendo prevista uma ajuda vinda dos cofres da prefeitura.

 


“A inépcia do poder público municipal em um tema de fundamental importância para Itajaí novamente nos assombra. Sem a dragagem, ficaremos sem capacidade alguma de operar cargas até mesmo em Navegantes ”

Presidente  do Sindicato das Empresas de Comércio Exterior de Santa Catarina (Sinditrade)

Rogério Marin

 

Fiesc faz pressão em Brasília


Enquanto isso, os empresários  alertam para a situação de risco no porto, tanto em relação ao impasse com a dragagem quanto pela demora na retomada da movimentação de contêineres. Nesta semana, a Fiesc enviou ofício ao vice-presidente Geraldo Alckmin (PSB), à Antaq, ao Ministério dos Portos e à bancada federal catarinense pedindo uma reunião emergencial para discutir uma solução.

Em Itajaí, o Sindicato das Empresas de Comércio Exterior de Santa Catarina (Sinditrade) também acompanha a situação. O presidente da entidade, Rogério Marin, comenta que o risco de paralisação da dragagem traz “grande preocupação” para o setor e para a economia. Rogério tem tratado do tema com autoridades municipais e estaduais pra resolver o problema. “A inépcia do poder público municipal em um tema de fundamental importância para Itajaí novamente nos assombra. Sem a dragagem, ficaremos sem capacidade alguma de operar cargas até mesmo em Navegantes, e com isso clientes que levamos (literalmente) décadas para atrair para o complexo portuário Itajaí-Navegantes irão embora, para não mais voltar”, critica.

 

Fiesc cobra soluções urgentes para os portos

A situação crítica no porto de Itajaí motivou a manifestação da Fiesc ao governo federal pra que ações nos portos catarinenses sejam tratadas em reunião emergencial. Em ofício ao vice-presidente e ministro de Indústria e Comércio, Geraldo Alckmin, o presidente da entidade, Mário Cezar de Aguiar, alertou que as dificuldades para embarque e desembarque nos portos afetam a cadeia logística e o comércio exterior.


Ele destaca que a dificuldade do Porto de Itajaí em atender as condições mínimas de navegação e a manutenção da dragagem pode comprometer as operações de um dos complexos portuários mais importantes da América do Sul. A outra preocupação é a paralisação das operações no terminal peixeiro. “Entendemos que é preciso uma atenção especial da Antaq e do Ministério de Portos e Aeroportos”, diz.

Outras medidas são cobradas pra que Santa Catarina tenha condições logísticas de competitividade no mercado internacional. No rio Itajaí-açu e na Baía da Babitonga, a entidade destaca a necessidade de aumentar o calado pra que os terminais possam receber navios gigantes num futuro próximo. No complexo de Itajaí, a profundidade mínima é de 13,5 metros, permitindo hoje cargueiros de até 350 metros de comprimento.

A atual operação-padrão de auditores e técnicos agropecuários do Ministério da Agricultura, que rola desde fevereiro por reajustes salariais, também estaria comprometendo as operações portuárias e o recebimento de matérias-primas, paralisando linhas de produção de algumas empresas exportadoras.

 

Vinda de Lula a Itajaí ainda é incerta

Visita de Lula já foi desmarcada duas vezes (foto: Ricardo Stuckert/PR)
Visita de Lula já foi desmarcada duas vezes (foto: Ricardo Stuckert/PR)

 

A arrendatária provisória do Porto de Itajaí, a Mada Araújo, diz que mantém a expectativa de retomar a movimentação de contêineres a partir de maio. No momento, a empresa diz que aguarda o alfandegamento do terminal pela Receita Federal.

Com a volta das operações, é previsto que o presidente Lula da Silva venha a Itajaí. A visita, além de marcar a retomada do porto, serviria pra assinatura do convênio de delegação da autoridade portuária por mais 25 anos.

Lula também deve tratar do andamento do edital de arrendamento definitivo do porto, por 35 anos, que está em fase de consulta pública e tem previsão de lançamento até o final do ano.

A visita de Lula em Itajaí ainda não tem data definida e já foi desmarcada duas vezes. A assessoria do porto informou que o superintendente Fábio da Veiga fez nesta semana contato com o ministro dos Portos, Sílvio Costa Filho, tratando da agenda.

A presença do presidente na cidade tinha sido marcada em 15 de dezembro de 2023, o que não ocorreu. Na ocasião, seria assinado o contrato de arrendamento provisório. A visita acabou ficando pra janeiro e depois passou pra abril ou maio. A expectativa é que a data seja marcada só após a volta das operações no porto.

 




Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×






44.222.189.51

Últimas notícias

AEGEA

Obras de esgotamento sanitário da Águas de Bombinhas avançam pelo bairro José Amândio

ECONOMIA

Programa de incentivo ao setor de eventos valerá até 2026

Olho no bolso 

Pedágio entre Santa Catarina e Paraná fica mais caro; confira os valores  

CAMBORIÚ

Trio é preso com quase 30 kg de maconha no bairro Santa Regina

SE LIGA!

Ruas do loteamento São Pedro terão sentido único

ITAJAÍ

Abastecimento é normalizado no bairro Fazenda após mais de 12h de manutenção 

JOGOS

Elenco por dinheiro: seu guia para o slot Big Bass Splash

ITAJAÍ

Noivo em surto destrói casa, moto e agride mulher 

SOLIDARIEDADE

Campeão de MMA perde as cordas vocais e precisa de ajuda

ITAJAÍ 

Corpo de homem encontrado no rio Itajaí-açu é de morador do Santa Regina



Colunistas

JotaCê

Aniversariante visita o colunista

Coluna Esplanada

Verbas para o sul

Ideal Mente

*Que país é este?*

Direito na mão

Aposentadoria para PCD: entendendo as regras e benefícios para quem tem redução de capacidade para o trabalho

Show de Bola

Começou a Segundona

Coluna Exitus na Política

Viver de pedras, desejar esponjas

Na Rede

Acidente com ônibus escolares, expedição de surfistas para o RS e mais: se liga nos destaques do DIARINHO na internet 

Coluna do Ton

Vibes da Turquia

Mundo Corporativo

Líderes espiritualizados em tempos difíceis ainda é possível?

Histórias que eu conto

Armação da infância 3

Coluna Fato&Comentário

Associativismo comunitário em Itajaí: o começo

Via Streaming

Tudo pelo dinheiro

Artigos

O combate ao abuso e à exploração de crianças e adolescentes é um compromisso coletivo

Jackie Rosa

Niver da Chris

Gente & Notícia

Níver da Margot

Foto do Dia

“O mar, quando quebra na praia”

Coluna Existir e Resistir

Designação geral sobre o fim do mundo



TV DIARINHO


O vídeo é impressionante, mas é falso. Não existe megaprojeto de prédio de 1200 metros de altura para ...



Podcast

Vídeo de megaprojeto de Elon Musk pra BC é falso

Publicado 28/05/2024 16:13



Especiais

ALERTA

Itajaí, Ilhota e Porto Belo lideram ‘ranking’ de moradores vivendo em áreas de risco

DENÚNCIA

Vendedores denunciam serem forçados a vender cartão do Itaú em esquema milionário

NA ESTRADA

Pôr do sol de tirar o fôlego é atração o ano inteiro na praia de Armação

RIO GRANDE DO SUL

A história de luta de um quilombo que resiste às enchentes em Porto Alegre

DADOS INÉDITOS

Em meio ao lixo das chuvas no Rio Grande do Sul, catadores não conseguem trabalhar



Blogs

A bordo do esporte

Vela oceânica: Barco Brasil disputa regata Ubatuba Ilhabela com convidados

Blog do JC

Pai Atanásio diz que governo ainda tem maioria

Blog da Jackie

Sasha Meneghel

Blog da Ale Francoise

A pílula da felicidade

Blog do Ton

Amitti Móveis inaugura loja em Balneário Camboriú

Gente & Notícia

Warung reabre famoso pistão, destruído por incêndio, com Vintage Culture em março

Blog Doutor Multas

Como parcelar o IPVA de forma rápida e segura

Blog Clique Diário

Pirâmides Sagradas - Grão Pará SC I

Bastidores

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado



Entrevistão

Marisa Zanoni Fernandes

"Balneário Camboriú não precisa de capitão, fantoches, seres iluminados, ungidos. Precisa de pessoas comprometidas com a democracia”

Vilfredo e Heloísa Schurmann

"Nós reciclamos só 6% no Brasil. Na Europa já é 50%. A própria China já está com 35% de reciclagem” (Vilfredo)

João Paulo

"Essa turma que diz defender a família ajudou a destruir a boa convivência em muitas famílias. Na defesa de um modelo único, excludente"

Entrevistão Peeter Grando

“Balneário Camboriú não precisa de ruptura, mas de uma continuidade”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯








MAILING LIST

Cadastre-se aqui para receber notícias do DIARINHO por e-mail

Jornal Diarinho© 2024 - Todos os direitos reservados.
Mantido por Hoje.App Marketing e Inovação