Matérias | Geral


Semasa denuncia fraude no laudo divulgado pela OAB que “condena” a água de poços da Brava

A Aresc, agência reguladora de serviços públicos de SC, atestou que água dos poços da Brava é mesmo potável

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]

O diretor Geral do Semasa, Diego Antônio da Silva, registrou uma notícia crime nesta sexta-feira pedindo que a polícia Civil investigue supostas fraudes no laudo apresentado pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), seccional de Itajaí, e que colocou em xeque a qualidade da água captada numa antiga fábrica de água mineral na praia Brava, em Itajaí. A água, captada de poços artesianos numa propriedade particular, está sendo clorada e depois distribuída pelo Semasa aos itajaienses desde o início da crise de abastecimento. A diretoria do Semasa concedeu uma entrevista coletiva à imprensa, na noite dessa sexta-feira, pra denunciar indícios de fraudes no laudo divulgado pela OAB. O laudo apresentado pela OAB aponta índices de coliformes fecais acima do permitido, o que tornaria a água imprópria para consumo, mas não deixa claro onde a água supostamente contaminada foi coletada. A amostra de água teria sido entregue por “populares” , segundo a entidade, mas não informa como, onde ou quando foi coletada. Para a equipe do Semasa, o laudo não examinou a água dos poços da Brava e foi fraudado para uma armação com fins meramente políticos. Durante a entrevista à imprensa a equipe do Semasa apresentou laudos recém-divulgados pela agência Reguladora de Serviços Públicos de Santa Catarina (Aresc), que fiscaliza o Semasa, e que dão conta que a água coletada nos poços da praia Brava não tem contaminação por chorume ou coliformes fecais. A OAB denunciou que o local poderia estar sendo contaminado pelo chorume do cemitério Parque dos Crisântemos. Pelo laudo da agência, contudo, a água dos poços é potável. “Não é só o Semasa e o laudo do laboratório cadastrada e credenciado pelo Semasa para fazer testagens frequentes que dizem que a água dos poços da Brava é potável. Quem está falando isso é agência reguladora do estado de Santa Catarina. Isso traz à tona essa fake news de grupos de WhatsApp que muito preocupou a cidade nos últimos dias,” disse o diretor de Saneamento do Semasa, Vitor Valente, durante a entrevista à imprensa. Vitor ainda frisou que a água coletada no local passa pelo processo de cloragem antes de ser distribuída nos postos de coleta da cidade. Segundo a notícia-crime, o Semasa recebeu com surpresa o laudo divulgado pela OAB sobre a qualidade da água. Isso porque ele teria sido feito justamente no mesmo laboratório que já atestou que a água da antiga fábrica de água mineral K2, onde tem sido coletada a água, é potável. Quando o Semasa questionou o laudo apresentado pela OAB e assinado pela DJ Saneamento, a direção do laboratório informou ao Semasa que aquela coleta de água examinada no laudo da OAB não foi feita pelos técnicos do laboratório. O teste, segundo o laboratório informou ao Semasa, foi feito a pedido de clientes particulares que trouxeram amostras até o laboratório e depois enviaram áudios de WhatsApp solicitando que o responsável pelo pedido de testagem fosse a “OAB”. O empresário Jorge Luiz Isolani, proprietário da DJ Saneamento, contou ao Semasa que o material foi entregue por um cliente em dois recipientes, sendo um comum litro de água e o outro com 150 ml de água. O maior estava escrito “poço” e o menor “caixa Nossa Senhora das Graças”. O recipiente menor, segundo Jorge, tinha resquícios de cloro e estava potável. O cliente pediu, então, pra colher material do vidro maior e fazer a análise somente daquele recipiente. Segundo Jorge, o cliente solicitante não soube informar o local exato da coleta daquela amostra de água. O diretor do Semasa, Diego da Silva, ainda relatou na notícia-crime, que o solicitante informou ao laboratório que a “água era de um poço existente na Brava”. Solicitante participa de campanha de opositor ao prefeito Volnei O diretor Diego também narrou à polícia que o cliente que solicitou as análises da água sem origem esclarecida pra DJ Saneamento seria o conhecido Deco. Ele também solicitou, através de áudios de WhatsApp (anexados à denúncia), que a empresa informasse no laudo que o pedido de teste foi da ordem dos Advogados do Brasil (OAB) de Itajaí, afirmando que a entidade seria, na realidade, a verdadeira solicitante. O pedido foi feito por um número de WhatsApp. Só que o laudo do laboratório já teria sido cadastrado em nome do comerciante e ex-candidato a vereador Francisco de Assis Reinaldo da Silva, o Ceará do Celular, que segundo as redes sociais é apoiador da coligação do candidato Robison Coelho (PSDB). Ceará teria levado as amostras ao laboratório. O número do telefone que manteve contatos através de mensagem com o laboratório seria da empresa Wave Cleaner do Brasil. A empresa ganhou as manchetes de jornais durante a pandemia quando foi autuada pela vigilância Sanitária e investigada pelo ministério Público, acusada de falsificação de álcool em gel. A Wave é do mesmo grupo econômico da empresa Canaveral, também com sede Itajaí. Diante do que chama de indícios de que houve armação de um laudo fraudado, o diretor do Semasa fez a notícia-crime à polícia Civil pedindo que investigue supostas irregularidades no laudo divulgado pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). Diego também enviou cópia da notícia-crime ao presidente da OAB estadual, Rafael de Assis Horn, para tomar ciência do ocorrido. O proprietário da DJ saneamento foi arrolado como testemunha do caso. As conversas de WhatsApp entre o laboratório e solicitante dos exames foram transcritas em ata notarial e entregues à polícia. Se limitou a encaminhar a denúncia Em nota, a subseção da OAB em Itajaí, informou que recebeu a denúncia acompanhada de um laudo sobre a qualidade da água distribuída para a população da cidade. “Cumprindo o seu papel institucional, também levando em consideração a gravidade do fato e bem estar da comunidade, a entidade encaminhou a denúncia e o documento aos órgãos competentes para apuração dos fatos”, afirmou a OAB. Sobre as denúncias do Semasa, a OAB diz que a “subseção de Itajaí tomou conhecimento das acusações infundadas contra a instituição e seu presidente através da imprensa. Repudia veementemente todas as acusações e informa que cumpriu o seu dever de levar ao conhecimento dos órgãos competentes a denúncia recebida para apuração”, disse a entidade. A OAB ainda diz que tomará as medidas necessárias administrativas e judiciais cabíveis. O DIARINHO não teve retorno do empresário André Gustavo Sandri Silva, o conhecido Deco, sobre o pedido ao laboratório sobre a troca de nomes de solicitantes no laudo da água. Ele não respondeu à reportagem pelo Whatsapp. Francisco de Assis Reinaldo da Silva, o Ceará do Celular, que aparece no laudo como o real solicitante da análise ao laboratório, também não respondeu as mensagens da reportagem. O comerciante Ceará foi candidato a vereador em 2012 pelo PP. Em vídeo publicado no Facebook na última quinta-feira, Francisco aparece pedindo votos pra uma candidata a vereadora do PSL e pra coligação do candidato a prefeito Robison Coelho (PSDB). Para o diretor do Semasa, a divulgação do laudo fake foi intencional e quis causar pânico num assunto tão grave como o abastecimento de água. “Acredito que tenha cunho político essa denúncia. Sei que o Deco é filho do Zé Grandão, o proprietário da empresa Canaveral, mas a polícia é quem vai investigar e esclarecer tudo.” Cícero Zucco, chefe de gabinete do vereador Robison Coelho (PSDB) e que atua na coordenação da campanha do candidato a prefeito, também foi ouvido pela reportagem, e refutou qualquer motivação política. Ele afirmou que o laudo divulgado pela OAB jamais foi usado na campanha política de Robison. “Nem tivemos acesso ao documento. Vamos esperar a investigação da denúncia para depois nos manifestarmos a respeito,” completou.




Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×






44.200.86.95

Últimas notícias

SOLIDARIEDADE

Campeão de MMA perde as cordas vocais e precisa de ajuda

ITAJAÍ 

Corpo de homem encontrado no rio Itajaí-açu é de morador do Santa Regina

ALERTA

Itajaí, Ilhota e Porto Belo lideram ‘ranking’ de moradores vivendo em áreas de risco

Centro de Itajaí

Demolições de construções históricas são suspensas por falta de autorização

FRIACA

Itajaí libera abrigo de inverno para moradores de rua na Barra do Rio; saiba como acionar serviço

Patrimônio cultural

Porto Belo tem Festa do Divino no feriado

MÚSICA NO MUSEU 

Coral Villa-Lobos faz apresentação gratuita nesta quarta em Itajaí 

Contrata-se

Itajaí tem mais de 20 vagas na indústria e comércio náuticos; veja como participar da seleção

ITAJAÍ

Urgente: Encanamento se rompe e corta abastecimento de água no bairro Fazenda

PROMOÇÃO 

Últimos dias do sorteio de prêmios do mês das mães na Viacredi; veja como participar



Colunistas

JotaCê

Aniversariante visita o colunista

Coluna Esplanada

Verbas para o sul

Ideal Mente

*Que país é este?*

Direito na mão

Aposentadoria para PCD: entendendo as regras e benefícios para quem tem redução de capacidade para o trabalho

Show de Bola

Começou a Segundona

Coluna Exitus na Política

Viver de pedras, desejar esponjas

Na Rede

Acidente com ônibus escolares, expedição de surfistas para o RS e mais: se liga nos destaques do DIARINHO na internet 

Coluna do Ton

Vibes da Turquia

Mundo Corporativo

Líderes espiritualizados em tempos difíceis ainda é possível?

Histórias que eu conto

Armação da infância 3

Coluna Fato&Comentário

Associativismo comunitário em Itajaí: o começo

Via Streaming

Tudo pelo dinheiro

Artigos

O combate ao abuso e à exploração de crianças e adolescentes é um compromisso coletivo

Jackie Rosa

Niver da Chris

Gente & Notícia

Níver da Margot

Foto do Dia

“O mar, quando quebra na praia”

Coluna Existir e Resistir

Designação geral sobre o fim do mundo



TV DIARINHO


O vídeo é impressionante, mas é falso. Não existe megaprojeto de prédio de 1200 metros de altura para ...



Podcast

Vídeo de megaprojeto de Elon Musk pra BC é falso

Publicado 28/05/2024 16:13



Especiais

ALERTA

Itajaí, Ilhota e Porto Belo lideram ‘ranking’ de moradores vivendo em áreas de risco

DENÚNCIA

Vendedores denunciam serem forçados a vender cartão do Itaú em esquema milionário

NA ESTRADA

Pôr do sol de tirar o fôlego é atração o ano inteiro na praia de Armação

RIO GRANDE DO SUL

A história de luta de um quilombo que resiste às enchentes em Porto Alegre

DADOS INÉDITOS

Em meio ao lixo das chuvas no Rio Grande do Sul, catadores não conseguem trabalhar



Blogs

Blog do JC

Pai Atanásio diz que governo ainda tem maioria

Blog da Jackie

Sasha Meneghel

A bordo do esporte

Mata o Velho, regata divertida de ILCA no YCSA

Blog da Ale Francoise

A pílula da felicidade

Blog do Ton

Amitti Móveis inaugura loja em Balneário Camboriú

Gente & Notícia

Warung reabre famoso pistão, destruído por incêndio, com Vintage Culture em março

Blog Doutor Multas

Como parcelar o IPVA de forma rápida e segura

Blog Clique Diário

Pirâmides Sagradas - Grão Pará SC I

Bastidores

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado



Entrevistão

Marisa Zanoni Fernandes

"Balneário Camboriú não precisa de capitão, fantoches, seres iluminados, ungidos. Precisa de pessoas comprometidas com a democracia”

Vilfredo e Heloísa Schurmann

"Nós reciclamos só 6% no Brasil. Na Europa já é 50%. A própria China já está com 35% de reciclagem” (Vilfredo)

João Paulo

"Essa turma que diz defender a família ajudou a destruir a boa convivência em muitas famílias. Na defesa de um modelo único, excludente"

Entrevistão Peeter Grando

“Balneário Camboriú não precisa de ruptura, mas de uma continuidade”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯








MAILING LIST

Cadastre-se aqui para receber notícias do DIARINHO por e-mail

Jornal Diarinho© 2024 - Todos os direitos reservados.
Mantido por Hoje.App Marketing e Inovação