Matérias | Geral


Itajaí

Quadro histórico de Walter Smykalla passa por restauração em Navegantes

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]

Uma tela de quatro metros de largura por 1,6 metro de altura pintada pelo artista Walter Smykalla em 1987 passou por restauração no ateliê Ventos do Norte. A pintura retrata Navegantes a partir do morro da Cruz, em Itajaí, onde o artista chegou a morar. A restauração começou em janeiro e foi finalizada neste mês. O quadro ficava no hall principal da prefeitura de Navegantes. Ainda não se sabe se ficará no mesmo lugar ou terá novo destino. O trabalho foi feito pelo conservador e restaurador Oyama Achcar, junto com a artista plástica Tânia Gollnick, que tocam o ateliê no bairro Gravatá. Eles já trabalharam em outras restaurações na região, como a do chafariz Luigi Collares, no mercado Público de Itajaí, e a escultura do coelho da praça da igreja Matriz de Itajaí. Segundo o restaurador, a tela de Smykalla foi pintada em acrílico com muita delicadeza e riqueza de detalhes. A pintura mostra o rio Itajaí-açú em primeiro plano, com o casario e igreja matriz de Navegantes numa cidade ainda enfeitada por muito verde. Barcos e o canal de acesso ao porto também foram retratados com cuidado pelo artista. “Esta tela foi esboçada no Morro da Cruz e Sr. Walter levava os esboços para casa e construía a pintura”, comenta Oyama. No processo de restauração envolveu diversas intervenções. O quadro passou por limpeza com pinceis, retirada de cupins na armação de madeira, com a troca das partes estragadas, remoção de grampos enferrujados e uso de agentes químicos pra retirada de pontos de ferrugem na borda da pintura. A tela foi retirada da moldura e colocada numa “cama” especialmente montada pra ela. Foram feitas costuras em pontos com rasgos e tratamento no quadro contra a ação de cupins e outros insetos, além do reentelamento pra proteger o tecido original da pintura. A restauração na imagem ainda envolveu a reparos em camadas com desprendimento, com a aplicação de massa de nivelar especial pra telas acrílicas. Por último, a tela recebeu verniz de proteção e agora aguarda a vistoria pra retirada pelo município. “Todas as intervenções foram pensadas isoladamente, passaram por testes para o melhor desempenho do trabalho, respeitando o princípio da reversibilidade, seguindo os critérios das cartas de restauro e principalmente o respeito a mais essa bela obra do artista Walter Smykalla”, afirma Oyama. Natural de Curitiba, Smykalla morou em Itajaí e Balneário Camboriú entre o final dos anos 1950 e a década 1990. Ele teve uma segunda passagem por Itajaí em 2013, quando morou no asilo Dom Bosco. O pintor tem 79 anos e atualmente vive num asilo em Taubaté, em São Paulo, onde continua pintando e está escrevendo sua autobiografia. O artista tem cerca de 500 telas produzidas, além de murais e afrescos em igrejas. O trabalho de restauração dos artistas foi pago pela prefeitura de Navegantes, em contrato de R$ 7,5 mil. 




Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×






34.225.194.102

Últimas notícias

Caninana

Acidente entre carro e bike deixa ciclista em estado grave   

ESTUPIDAMENTE GELADA

Atacadões apostam em diversidade de marcas e descontos pra venda de cerveja

Beleza

Heaven Salão faz alerta sobre as tendências de corte do verão 2023

Fora de casa

Barra segura o empate com o Joinville

Rio Itajaí-Açu

Procissão em homenagem a Nossa Senhora foi pouco movimentada

Catarinense

Marinheiro vence o Camboriú debaixo de calorão

CIS de Itajaí

Centro de Testagem de covid tem novo horário de atendimento

BALNEÁRIO

Câmeras flagram homem furtando IPhone

Sábado de festa

Praça do Matadouro é entregue à comunidade

Tarde de sáBado

Incêndio destrói caminhão em Ilhota



Colunistas

JotaCê

Achutti embarca no governo e assume educação de BC

Coluna Esplanada

O BNDES hermano

Coluna Exitus na Política

Chiclete mascado embaixo do banco

Na Rede

Se liga no que foi destaque no DIARINHO nesta semana

Coluna do Ton

Seis Aninhos

Gente & Notícia

FÉRIAS

Foto do Dia

Olha a multidão!

Canal 1

Para ex-diretora da Globo, drama do humor também passa pela renovação

Direito na mão

Qual aposentadoria paga mais?

Coluna do Janio

Vitória para a história

Via Streaming

“Falando a real” aborda terapia e luto

Jackie Rosa

Niver do Armandinho

Clique diário

O pôr do sol!

Artigos

Escultura Santa Ceia de Ervin C. Teichmann, prevista para a Igreja Matriz, está sendo oferecida a Itajaí pelo filho do escultor

Vinicius Lummertz

Turismo, para um Feliz Ano Novo

Coluna Fato&Comentário

Menino Jesus, São Nicolau, velho pom-pom e Papai Noel



TV DIARINHO


ROUBO DE  CARGA DE FRANGO: A Polícia Civil prendeu um bando na quarta-feira acusado de roubo de carga ...





Especiais

ESTUPIDAMENTE GELADA

Atacadões apostam em diversidade de marcas e descontos pra venda de cerveja

MESMA VIBE

Cinco atrações de Alicante que têm tudo a ver com Itajaí

Cinturão verde ameaçado

Inundações colocam em risco produção de hortaliças em Itajaí

Alta temporada

Preços disparam nos supermercados e provocam a indignação de consumidores

Pesquisa de preços 

Sorvetes apresentam diferença de até 50,62% nos principais supermercados



Blogs

A bordo do esporte

Barcos e lanchas compartilhadas seguem tendência de mercado

Blog do JC

Racha

Blog da Ale Francoise

Benefícios do chá de funcho

Blog Doutor Multas

Fumar e dirigir dá multa?

Blog do Ton

Festa The Box comemora 5 anos neste fim de semana em Balneário Camboriú

Blog da Jackie

Spring Party

Blog Clique Diário

Pirâmides Sagradas - Grão Pará SC I

Bastidores

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado



Entrevistão

Volnei Morastoni

“Não sei quem inventou que eu tava com câncer. Eu tive um problema de estafa física e mental”

David Fernandes “LaBarrica”

"Meu sonho é ser prefeito de Balneário Camboriú”

Evandro Neiva

"Vila da Regata de Itajaí vai atrair mais de meio milhão de visitantes

Luíza Moreira

"Meu avô tinha uma marca de ferro na coxa. Hoje em dia eu me revolto ainda por causa da escravidão, porque ainda tem muito preconceito”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯








Jornal Diarinho© 2022 - Todos os direitos reservados.
Mantido por Hoje.App Marketing e Inovação