Matérias | Geral


Itajaí

Faculdades da região são reprovadas pelo MEC

Já a maior universidade da região, a peixeira Univali, passou raspando na análise do governo federal

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]

As faculdades da região não têm muito do que se orgulhar. Pelo menos é isso que mostrou o resultado do índice Geral de Cursos (IGC), divulgado pelo ministério da Educação (MEC). Nenhuma tirou nota máxima (cinco) e, pra completar, duas ainda foram reprovadas: a faculdade do Litoral Catarinense, da Maravilha do Atlântico, e a Sinergia, de Navega, tiraram nota dois e vão ficar sob supervisão do ministério, juntamente com outras 11 instituições de ensino superior da Santa & Bela. As diretorias das duas faculdades que tiraram as notinhas vermelhas responderam que já corrigiram as falhas.

O resultado corresponde aos anos de 2008, 2009 e 2010, e cada ano representa uma área que foi avaliada. O diretor da faculdade Sinergia, João Matos, explica que a avaliação da facul foi ruim no ano de 2008, por causa de algumas broncas que já foram resolvidas. “O MEC avaliou nossos cursos em 2008, e tivemos alguns problemas, principalmente com relação a laboratórios de informática. Mas isto é passado, pois já fizemos um novo laboratório e a faculdade, que hoje possui cerca de 900 alunos, já conseguiu até autorização do ministério para implantar novos cursos”, sisplica o bagrão.

Na faculdade do Litoral Catarinense, mesmo após apresentar uma nota ruinzona, a diretora Alessandra Porto Lardizabal acredita que a avaliação do MEC é positiva pras universidades. “Apresentamos ...

 

Já possui cadastro? Faça seu login aqui.

Quer continuar lendo essa e outras notícias na faixa?
Faça seu cadastro agora mesmo e tenha acesso a
10 notícias gratuitas por mês.

Cadastre-se aqui



Bora ler todas as notícias e ainda compartilhar
as melhores matérias com sua família e amigos?

Assine agora mesmo!


O resultado corresponde aos anos de 2008, 2009 e 2010, e cada ano representa uma área que foi avaliada. O diretor da faculdade Sinergia, João Matos, explica que a avaliação da facul foi ruim no ano de 2008, por causa de algumas broncas que já foram resolvidas. “O MEC avaliou nossos cursos em 2008, e tivemos alguns problemas, principalmente com relação a laboratórios de informática. Mas isto é passado, pois já fizemos um novo laboratório e a faculdade, que hoje possui cerca de 900 alunos, já conseguiu até autorização do ministério para implantar novos cursos”, sisplica o bagrão.

Na faculdade do Litoral Catarinense, mesmo após apresentar uma nota ruinzona, a diretora Alessandra Porto Lardizabal acredita que a avaliação do MEC é positiva pras universidades. “Apresentamos uma nota ruim em uma avaliação de 2009, mas fizemos uma reformulação da metodologia de ensino desde então. Em agosto deste ano, os avaliadores do MEC retornaram aqui e tiramos nota quatro em uma nova avaliação. Acredito que isso mostra que a avaliação ajuda as instituições a descobrir falhas e corrigí-las”, opina a diretora.



Como funciona

A análise do MEC leva em conta a estrutura dos cursos e resultado de provas dos alunos. De acordo com o pessoal do ministério, as instituições com notas um e dois vão passar por supervisão do governo federal. Elas podem ser alvo de medidas que vão desde o arquivamento de pedidos de abertura de novos cursos até o descredenciamento. A maior universidade da região, a Univali, passou arrastando na provona, com nota três.





Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×






44.192.15.251

TV DIARINHO


Uma mulher, de identidade ainda não informada, morreu em um incêndio em Itajaí. O fogo começou por volta ...





Especiais

Caso Ilha de Marajó

Vereadora de Navegantes está entre os políticos que impulsionaram fake news sobre exploração sexual infantil

TURISMO

Japaratinga: vale a pena se hospedar no melhor resort do Brasil?

VIAGEM NO TEMPO

Museu do Carro traz nostalgia e diversão sobre o universo automotivo

NOVOS TEMPOS

SC é pioneira na promoção da mobilidade elétrica

PLANEJAMENTO URBANO

Camboriú vai investir mais de R$ 60 milhões em mobilidade



Blogs

Blog do JC

Mudou

A bordo do esporte

Thiago Pereira e Swim Floripa levam Troféu José Finkel para Floripa

Blog da Jackie

Verão, calor, quentura e mormaço

Gente & Notícia

Warung reabre famoso pistão, destruído por incêndio, com Vintage Culture em março

Blog da Ale Francoise

Intestino preso, use todos os dias

Blog do Ton

Medicina Estética

Blog Doutor Multas

Como parcelar o IPVA de forma rápida e segura

Blog Clique Diário

Pirâmides Sagradas - Grão Pará SC I

Bastidores

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado



Entrevistão

Entrevistão Adão Paulo Ferreira

"Porto sozinho não serve para nada. Ele precisa ter navios, linhas"

Irmã Simone

"Aqui nós atendemos 93% SUS”

Eduardo Rodrigues Lima

"A Marinha já fez 27 mil abordagens a embarcações no Brasil inteiro”

Edison d’Ávila

"O DIARINHO serve como uma chamada à consciência da cidade”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯








MAILING LIST

Cadastre-se aqui para receber notícias do DIARINHO por e-mail

Jornal Diarinho© 2024 - Todos os direitos reservados.
Mantido por Hoje.App Marketing e Inovação