Matérias | Geral


Itajaí

"Não negocio com grevista", diz Periquito

Médicos e dentistas fazem greve em frente ao posto central

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]

O prefeito Edson Periquito (PMDB) promete ser mão de ferro com a greve dos médicos e dentistas do Balneário Camboriú iniciada ontem e sem prazo pra terminar. Ele afirma que não irá negociar com a categoria enquanto estiverem paralisados e ainda cortou arregos da galera. Enquanto Periquito dá uma de durão, os grevistas começam a se organizar. Ontem, eles passaram o dia em frente ao posto da rua 1500. De branco, carregavam cartazes e faixas nas mãos.

“Não negocio com grevista. Enquanto permanecerem em greve tudo que tínhamos construído até agora volta ao zero. Terão o mesmo tratamento dos outros servidores”, ameaça o prefeito-ave. Peri afirma que recebeu a categoria cinco vezes, apresentou o plano de Cargos e Salários e prometeu até dar arrego de diminuição nos horários de trampo. Com a greve, o prefeito ficou fulo da vida e cortou todas as molezas.

Periquito conta que as rodadas de negociações acabaram na terça-feira e, apesar de ter atendido a categoria, notou que não chegaram a um consenso. Com isso, acredita que não adianta mais gastar ...

 

Já possui cadastro? Faça seu login aqui.

Quer continuar lendo essa e outras notícias na faixa?
Faça seu cadastro agora mesmo e tenha acesso a
10 notícias gratuitas por mês.

Cadastre-se aqui



Bora ler todas as notícias e ainda compartilhar
as melhores matérias com sua família e amigos?

Assine agora mesmo!


“Não negocio com grevista. Enquanto permanecerem em greve tudo que tínhamos construído até agora volta ao zero. Terão o mesmo tratamento dos outros servidores”, ameaça o prefeito-ave. Peri afirma que recebeu a categoria cinco vezes, apresentou o plano de Cargos e Salários e prometeu até dar arrego de diminuição nos horários de trampo. Com a greve, o prefeito ficou fulo da vida e cortou todas as molezas.

Periquito conta que as rodadas de negociações acabaram na terça-feira e, apesar de ter atendido a categoria, notou que não chegaram a um consenso. Com isso, acredita que não adianta mais gastar saliva com a galera do jaleco branco. “Só converso mediante o poder judiciário, Ministério Público ou se eles finalizarem a greve”, alfineta.



O prefeito informa que o tão esperado plano ainda não foi encaminhado pra câmara de vereadores, pois deve ser analisado de perto pela turma da Contabilidade, pra garantir que o aumento nos salários não irá quebrar os cofres públicos. O homem-pássaro relembra que o salário da categoria está defasado há mais de 10 anos e só ele bolou o tal plano de melhorias. O documento será encaminhado pra câmara no dia 15, uma semana antes dos vereadores saírem em recesso. “A câmara pode fazer sessões extraordinárias pra aprovar ainda este ano”, sugere.

Prontos pra greve

Sem medo da cara feia do prefeito, médicos e dentistas falam que tão prontos pra seguir de braços cruzados. As duas categorias pedem reajuste salarial e a apresentação do plano de Cargos e Salários por parte da prefeitura. Eduardo Figueiredo, do sindicato dos Médicos de Santa Catarina, garante que a greve é legal, já que a galera de jaleco branco tem o direito de lutar por melhores salários. Hoje os dotores ganham R$ 1700 ao mês, mas eles pedem um salário de quase R$ 3,3, e não R$ 2,5 como foi divulgado ontem pelo DIARINHO.


O doutor Eduardo dá um exemplo de como a categoria médica é injustiçada. Ele diz que os médicos que atendem o Programa de Saúde da Família (PSF), que não entraram em greve, recebem R$ 3700, bem diferente da realidade do restante dos médicos. “E é um médico que sai da faculdade e não faz especialização”, compara.

Marcelo Athayde, líder dos dentistas, comenta que agora a luta dos médicos e profissionais da saúde bucal é a mesma. Ontem, primeiro dia de greve, o dentista contou que o movimento teve bastante apoio. Pra sexta-feira, terceiro dia de paralisação, tá marcada uma manifestação em frente da prefa. A concentração será às 14h no alto da Dinamarca.

Povão dá com a cara na porta

Enquanto os grevistas e o governo não se acertam, quem sofre é o povão. Na manhã de ontem, um mini-ônibus com pacientes de Bombinhas pintou no postinho da 1500, mas a galerinha teve que voltar com o rabinho entre as pernas porque ninguém foi atendido devido à paralisação. O motorista e alguns passageiros ficaram cabreiros com a greve e saíram buzinando.

Quem também passou apuros foi a zeladora Terezinha Martins dos Santos, 45. Hipertensa, a senhora precisa de uma receita médica para tomar o remédio Lozertan e busca o papéli de seis em seis meses no postinho da rua 1500. Ontem à tarde, quando chegou no posto, deu com o nariz na porta. “Não consegui pegar porque não tem médico”, contou indignada, sentada no meio-fio. Terezinha afirma que irá acordar cedo hoje pra bater no posto dinovo. Ela garante que fará a via-sacra todos os dias até encontrar um médico que lhe dê a receita. “Sem o remédio eu morro”, afirma.





Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×






3.230.143.213

Últimas notícias

Futebol

Palmeiras bate o Vitória em Salvador

Estreia

Corinthians e Atlético-MG ficam no 0 a 0

Futebol

Em jogo de pênaltis polêmicos, Flamengo vence o Atlético-GO

Brasileirão

Vasco estreia com vitória contra o Grêmio

BALNEÁRIO CAMBORIÚ

Bebê é resgatado com queimaduras de incêndio em BC

DESTAQUE 

Catarinense é capa da Vogue Brasil

Luto

Balneário Piçarras perde a ministra da eucaristia Norma Albano

Base forte

Itajaí fica com o bronze na Taça Sul de handebol da categoria cadete

Missão no exterior

Comitiva bolsonarista articula com os EUA punições ao Brasil

Assaltos à mão armada

Bandidos atacam vítimas na saída de supermercados da região



Colunistas

Coluna Esplanada

Insatisfação na Eletrobras

JotaCê

Coronel Pavan tem novo aliado deputado

Na Rede

Agroboy mais gato dos EUA, última casinha de BC e romance no ar: confira os destaques das redes do DIARINHO

Histórias que eu conto

Armação da infância I

Coluna do Ton

Parabéns Ale

Mundo Corporativo

Dicas para líderes desorientados e equipes perdidas

Via Streaming

Um lugar ao sol

Gente & Notícia

Neia capitaneou noite só para elas

Foto do Dia

Pintura ensolarada

Ideal Mente

A importância da comunicação no cuidado

Show de Bola

Final do Catarinense

Direito na mão

Revisão da aposentadoria: oportunidade de aumentar o valor mensal

Coluna Exitus na Política

Janelas fechadas

Jackie Rosa

Simplesmente Gisele

Coluna Fato&Comentário

Coleção bicentenário: a construção da Matriz

Coluna Existir e Resistir

Bloquinho do Sebastião Lucas resgatando e revivendo os saudosos carnavais

Empreender

Balneário Camboriú atrai cada vez mais clientes do eixo sudeste

Artigos

Aniversário da praça dos Correios



TV DIARINHO






Especiais

Missão no exterior

Comitiva bolsonarista articula com os EUA punições ao Brasil

NA ESTRADA COM O DIARINHO

6 lugares imperdíveis para comprinhas, comida boa e diversão em Miami

Elcio Kuhnen

"Camboriú vive uma nova realidade"

140 anos

Cinco curiosidades sobre Camboriú

CAMBORIÚ

R$ 300 milhões vão garantir a criação de sistema de esgoto inédito 



Blogs

Blog do JC

A mesmice

Blog da Jackie

Catarinense na capa da Vogue

A bordo do esporte

Fórmula E: Alemão vence na Itália e assume a ponta do Mundial dos Carros Elétricos

Blog da Ale Francoise

Lanchinho do bem!

Blog do Ton

Amitti Móveis inaugura loja em Balneário Camboriú

Gente & Notícia

Warung reabre famoso pistão, destruído por incêndio, com Vintage Culture em março

Blog Doutor Multas

Como parcelar o IPVA de forma rápida e segura

Blog Clique Diário

Pirâmides Sagradas - Grão Pará SC I

Bastidores

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado



Entrevistão

Entrevistão Ana Paula Lima

"O presidente Lula vem quando atracar o primeiro navio no porto”

Carlos Chiodini

"Independentemente de governo, de ideologia política, nós temos que colocar o porto para funcionar”

Osmar Teixeira

"A gestão está paralisada. O cenário de Itajaí é grave. Desde a paralisação do Porto até a folha sulfite que falta na unidade de ensino”

Omar Tomalih

“Balneário Camboriú hoje é o município que está com o maior controle, com o menor número de notificações de casos de dengue”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯








MAILING LIST

Cadastre-se aqui para receber notícias do DIARINHO por e-mail

Jornal Diarinho© 2024 - Todos os direitos reservados.
Mantido por Hoje.App Marketing e Inovação