Matérias | Geral


Itajaí

Tudo pronto para o dia de homenagens

Cemitérios, familiares e vendedores ambulantes estão preparados para o dia dos entes queridos que já não estão entre nós

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]


O sábado será de movimento intenso nos cemitérios da região por causa do dia dos Finados. A data foi criada pela igreja católica para homenagear os mortos. Flores, velas e muita oração fazem parte do dia destinado a lembrar quem partiu mas permanece presente na vida de familiares e amigos. Durante toda a semana, as prefas deram os retoques finais nos cemitérios. Os de Balneário Camboriú, Camboriú, Itajaí e Navegantes montaram esquema diferenciado para organizar o trânsito. Os ambulantes também aproveitam a data para faturar.


Como faz todo dia primeiro de novembro, o operário Olavo Alencar Mudenez, 65 anos, foi ao cemitério da Barra, em Balneário Camboriú, limpar o túmulo da mãe, Maria Machado, que morreu aos 89 anos ...

 

Já possui cadastro? Faça seu login aqui.

OU

Quer continuar lendo essa e outras notícias na faixa?
Faça seu cadastro agora mesmo e tenha acesso a
10 notícias gratuitas por mês.

Cadastre-se aqui



Bora ler todas as notícias e ainda compartilhar
as melhores matérias com sua família e amigos?

Assine agora mesmo!


Como faz todo dia primeiro de novembro, o operário Olavo Alencar Mudenez, 65 anos, foi ao cemitério da Barra, em Balneário Camboriú, limpar o túmulo da mãe, Maria Machado, que morreu aos 89 anos, em 2004. “Não é porque faleceu que vou me esquecer dela”, fala o operário. Ele conta que dona Maria foi mãe de 22 filhos, e que de toda a família resta apenas ele.



Já o zelador Ivo Rohrbacher, 53, não passa um mês sem dar um trato no túmulo do pai, Alfredo, que morreu em 2006 também aos 89 anos. “Finados é quando a maioria vem, mas o certo é vir sempre”, opina. Ivo aproveitou a sexta-feira para limpar o túmulo novamente. Volta ao local hoje, sábado, para colocar flores. Ele fala do pai com muito carinho, porque foi ele quem o criou. “Meus pais se separaram quando eu tinha seis anos; meu pai foi pai e mãe ao mesmo tempo. Me ensinou tudo o que sei”, conta.

O cemitério da Barra, onde o pai de Ivo está enterrado, recebeu a última garibada dos peões da secretaria de Obras esta semana. Os muros e calçadas foram pintados, e a parte nova, chamada anexo 2, recebeu até uma obra de drenagem para evitar o acúmulo da água da chuva. Neste sábado, o local vai ter o monitoramento de esquipes da guarda municipal e dos agentes de trânsito, mas não está prevista nenhuma alteração no tráfego de veículos. “O trânsito só vai ser alterado se houver necessidade, mas a princípio deve ficar tudo normal”, explica o supervisor dos agentes de trânsito da maravilha do Atlântico, Francisco de Assis da Silva.


O abobrão explicou, ainda, que todas as obras de asfaltamento foram suspensas neste final de semana. “Na quinta-feira, já estava cheio. Acredito que vai aumentar ainda mais o número de pessoas por causa do feriado”, fala o tenente Assis. Neste sábado, o cemitério da Barra vai ficar aberto pra visitação das 7h às 20h, e no domingo das 8h às 17h.

Em Itajaí, não houve nenhum mutirão de limpeza específico. O secretário Tarcízio Zanelato conta que a prefa manteve os cemitérios municipais nos trinques o ano todo. Na sexta-feira de manhã, os peões da prefa recolheram lixos. O trânsito nas proximidades dos cemitérios não será alterado, mas os guardinhas ficarão perto dos cemitérios pra garantir que o tráfego flua normalmente. “Em especial nos bairros Fazenda e Espinheiros, que são os dois maiores e de movimento intenso”, explica o coordenador da Codetran, William Gervási.


De acordo com o bagrão, a falta de estacionamento é o principal problema. Como a subida de carros no cemitério da Fazenda ficará proibida, as vagas das ruas vão ser ainda mais disputadas. “A gente pede que o pessoal tenha paciência, já que vai ter que estacionar um pouco mais longe”, adianta William. O cemitério do Brilhante e da Itaipava também terão guardinhas para ajudar no tráfego. Em Itajaí, os cemitérios ficarão abertos das 7h às 19h.

Em Navegantes, os peões da prefa tramparam na limpeza dos dois cemitérios públicos, no centro e no bairro Machados, durante a semana. No final de semana, duas equipes vão recolher o lixo e manter tudo limpinho. De acordo com o secretário de Obras, Jonas de Souza, os cemitérios terão o horário estendido no sábado, e as famílias poderão visitar os túmulos das 6h às 18h. “É provável que no sábado a gente fique um pouco mais por causa do horário de verão”, explica.

Em Camboriú, os dois cemitérios receberam reparos durante a semana e ficarão abertos das 7h às 19h. Uma equipe da secretaria de Obras fica de plantão. No trânsito, a única alteração é na rua Joaquim Garcia, no Rio do Meio, onde o estacionamento será proibido em um dos lados da via. O diretor de Trânsito da capital da pedra, Jair Greens, informou que na sexta-feira já foram instaladas placas para alertar o povão. A mudança vai rolar somente no sábado, quando o movimento do cemitério será maior.

O que é Finados

O dia dos Mortos é a celebração criada pela igreja católica ainda no século quinto, que se tornou anual a partir do século 13. De acordo com o diácono Juarez Carlos Blanger, a igreja escolheu a data para celebrar a memória daqueles que faleceram. “Celebramos a vida eterna das pessoas queridas que fizeram parte da nossa vida e já faleceram”, explica. Os católicos acreditam que, quando as pessoas morrem, podem ir para o céu viver a vida eterna ou para o inferno, se não receberem a misericórdia de Deus. Se for católico praticante, além de limpar os túmulos e levar flores, o ritual do dia dos Finados é participar de missas e rezar pelos falecidos. “Também acendem velas em homenagem, pra fazer a sua oração”, diz o diácono.


Os evangélicos não celebram os Finados e nem oram pelos mortos. Segundo o pastor Gilberto Russi, da igreja evangélica Comunidade Amar, do bairro São Vicente, os crentes não rezam pelas almas, porque a bíblia não teria qualquer doutrina sobre o tema. “Do início ao fim, a bíblia em momento algum manda orar pelos mortos. Apenas na bíblia católica, que tem sete livros que foram acrescentados”, explica. Os espíritas também não celebram a data porque, pra eles, o espírito continua vivo. “Pra gente, a lembrança do ente querido, daquele que partiu pra outro plano, é praticamente diária”, diz o presidente do centro espírita Allan Kardec de Itajaí, Jeferson Carlos Ponqueroli.

Comércio fechado, ambulantes bombando

Como o dia de Finados é feriado nacional, a maior parte do comércio da região estará de portas fechadas. Em Itajaí, todas as lojas estarão fechadas. A exceção é para os supermercados, shopping e os comércios onde apenas os proprietários irão atender. Já em Balneário e Camboriú, segundo a convenção coletiva do sindicato dos Comerciários, a decisão de abrir as lojas é de cada comerciante. Se abrirem as portas, os empresários terão que pagar hora extra aos funcionários. A expectativa é que grande parte das lojas aproveite o sábado para faturar. Já em Navegantes, o comércio ficará fechado, e apenas os supermercados vão atender normalmente.

Com o comércio fechado, os ambulantes vão aproveitar o sábado para vender. Na sexta-feira os vendedores autônomos já estavam perto das entradas dos cemitérios. Flores naturais, artificias e velas são os produtos-chave para o dia de Finados. Em todas as cidades da região, fiscais das prefas farão plantão para verificar se os ambulantes têm o alvará temporário. Os ilegais terão o material apreendido e pagarão multa, que varia de acordo com cada city.





Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×






3.215.16.238

Últimas notícias

BALNEÁRIO

Trabalhador é resgatado soterrado em obra de terraplanagem

Futebol

Craques da base assinam contrato profissional com o Marcílio Dias

FERIADO

Pescadores capturam mais de oito mil tainhas na praia de Bombas

ITAJAÍ

Clarus Construtora entrega residencial com vista para o Saco da Fazenda

TECNOLOGIA INOVADORA

E-Control instala “Aedes do Bem” em residencial Haras Rio do Ouro

RANKING POSITIVO

Catarinenses são os mais gentis no trânsito, aponta pesquisa

TRADIÇÃO

Manifestação de fé e solidariedade no feriado de Corpus Christi; veja a galeria de fotos

MUNDO

Pessoa morre presa ao motor de avião

FOCA NO FINDE 

Lagum, Lulu Santos e Dete Pexera vão aquecer a região com muita música e risada no feriadão

LINDO!

Geada chega à serra catarinense e termômetros baixam a -2,8ºC



Colunistas

JotaCê

Aniversariante visita o colunista

Coluna Esplanada

Verbas para o sul

Ideal Mente

*Que país é este?*

Direito na mão

Aposentadoria para PCD: entendendo as regras e benefícios para quem tem redução de capacidade para o trabalho

Show de Bola

Começou a Segundona

Coluna Exitus na Política

Viver de pedras, desejar esponjas

Na Rede

Acidente com ônibus escolares, expedição de surfistas para o RS e mais: se liga nos destaques do DIARINHO na internet 

Coluna do Ton

Vibes da Turquia

Mundo Corporativo

Líderes espiritualizados em tempos difíceis ainda é possível?

Histórias que eu conto

Armação da infância 3

Coluna Fato&Comentário

Associativismo comunitário em Itajaí: o começo

Via Streaming

Tudo pelo dinheiro

Artigos

O combate ao abuso e à exploração de crianças e adolescentes é um compromisso coletivo

Jackie Rosa

Niver da Chris

Gente & Notícia

Níver da Margot

Foto do Dia

“O mar, quando quebra na praia”

Coluna Existir e Resistir

Designação geral sobre o fim do mundo



TV DIARINHO




Podcast

Mãe e filho sofrem grave acidente na BR 470

Publicado 29/05/2024 18:25



Especiais

ALERTA

Itajaí, Ilhota e Porto Belo lideram ‘ranking’ de moradores vivendo em áreas de risco

DENÚNCIA

Vendedores denunciam serem forçados a vender cartão do Itaú em esquema milionário

NA ESTRADA

Pôr do sol de tirar o fôlego é atração o ano inteiro na praia de Armação

RIO GRANDE DO SUL

A história de luta de um quilombo que resiste às enchentes em Porto Alegre

DADOS INÉDITOS

Em meio ao lixo das chuvas no Rio Grande do Sul, catadores não conseguem trabalhar



Blogs

Blog do JC

Pré-candidato a prefeito Fabrício da Shopee, ops, Peeter Lee visita o JC

A bordo do esporte

Semana Internacional de Vela de Ilhabela com mais de 40 barcos confirmados

Blog da Jackie

Sasha Meneghel

Blog da Ale Francoise

A pílula da felicidade

Blog do Ton

Amitti Móveis inaugura loja em Balneário Camboriú

Gente & Notícia

Warung reabre famoso pistão, destruído por incêndio, com Vintage Culture em março

Blog Doutor Multas

Como parcelar o IPVA de forma rápida e segura

Blog Clique Diário

Pirâmides Sagradas - Grão Pará SC I

Bastidores

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado



Entrevistão

Marisa Zanoni Fernandes

"Balneário Camboriú não precisa de capitão, fantoches, seres iluminados, ungidos. Precisa de pessoas comprometidas com a democracia”

Vilfredo e Heloísa Schurmann

"Nós reciclamos só 6% no Brasil. Na Europa já é 50%. A própria China já está com 35% de reciclagem” (Vilfredo)

João Paulo

"Essa turma que diz defender a família ajudou a destruir a boa convivência em muitas famílias. Na defesa de um modelo único, excludente"

Entrevistão Peeter Grando

“Balneário Camboriú não precisa de ruptura, mas de uma continuidade”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯








MAILING LIST

Cadastre-se aqui para receber notícias do DIARINHO por e-mail

Jornal Diarinho© 2024 - Todos os direitos reservados.
Mantido por Hoje.App Marketing e Inovação