Matérias | Polícia


Itajaí

Bandidagem arromba e limpa a sede da ANI

Em agosto, porto teve que retirar a segurança privada da ANI; associação diz que não consegue pagar

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]


Contando os prejuízos. Foi assim que começou o dia de trabalho dos funcionários da associação Náutica de Itajaí (ANI) na manhã de ontem. A sede da associação, na avenida ministro Victor Konder, a Beira Rio, foi arrombada durante a madrugada. Entre os objetos furtados, estão um televisor LCD 42 polegadas, um notebook, um DVD e mais três óculos de Sol. Esta foi a segunda vez que a associação é furtada desde que o porto deixou de bancar um vigia noturno para o local. Desde agosto, a associação pede a volta do guardinha.


Os trecos furtados estavam todos guardados dentro da sala pedagógica da sede. O coordenador técnico da ANI, Wilson José da Silva, ainda não conseguiu calcular o prejuízo, mas garante que tudo foi ...

 

Já possui cadastro? Faça seu login aqui.

OU

Quer continuar lendo essa e outras notícias na faixa?
Faça seu cadastro agora mesmo e tenha acesso a
10 notícias gratuitas por mês.

Cadastre-se aqui



Bora ler todas as notícias e ainda compartilhar
as melhores matérias com sua família e amigos?

Assine agora mesmo!


Os trecos furtados estavam todos guardados dentro da sala pedagógica da sede. O coordenador técnico da ANI, Wilson José da Silva, ainda não conseguiu calcular o prejuízo, mas garante que tudo foi furtado vai fazer falta no dia a dia da associação. “Eles levaram coisas importantes pra associação”, lascou. O televisor e o DVD eram usados pelos professores da ANI para a exibição de filmes e vídeos nos dias de chuva ou em dias em que não é possível navegar. Já o notebook auxiliava o professor durante as aulas, enquanto os óculos de sol eram emprestados aos alunos durante as aulas práticas.



Wilson acredita que, para entrar na sala, os bandidos usaram um pé de cabra e uma tesoura de jardinagem, encontrada próxima à porta. Para ele, os arrombamentos foram cometidos por mendigos e usuários de drogas que costumam frequentar o deque da sede durante a noite e ocupam a guarita onde, até agosto, ficava o segurança. As suspeitas foram repassadas à polícia Militar, acionada às 8h30 por Wilson. Um boletim de ocorrência também foi registrado na polícia Civil.

Guarita do segurança virou mocó


Desde agosto, a sede da associação está sem segurança. Os serviços prestados por um vigia, de uma empresa terceirizada, foram suspensos pela administração do porto. A associação não consegue manter sozinha os gastos com segurança particular. Sem o vigia, os funcionários da ANI se sentem inseguros, ao ir à sede da associação durante a noite e pedem ajuda. “A gente queria fazer um apelo pra prefeitura e pro porto: que hoja novamente a guarda, até porque a ANI presta um serviço relevante pra sociedade”, clamou Wilson.

Na sede da associação, até mesmo a guarita, que era usada pelo segurança, virou mocó dos desocupados. Suja, com maços e xepas de cigarro, latinhas e restos de comida espalhados dentro dela, a guarita é abrigo de mendigos e drogados.


11 anos de história

A associação Náutica de Itajaí foi criada em fevereiro de 2002 e hoje atende gratuitamente cerca de 300 alunos da rede municipal de ensino. A grana para manutenção, aquisição de barcos e outros materiais vem do convênio com a prefa e também do apoio de empresários. Esta foi a segunda vez que a ANI foi arrombada. O primeiro furto ocorreu em setembro, quando o guardinha já não estava mais na ANI, e os malacos levaram até um barco.

Porto teve que tirar guardinha

Em um acordo firmado na época da Volvo Ocean Race, no ano passado, o porto de Itajaí, responsável pela bacia Afonso Wippel, em que está instalada a ANI, disponibilizou um guarda de uma empresa contratada para fazer a segurança do local. Entretanto, o diretor administrativo do porto, Alexandre Santos, explica que o porto está impedido judicialmente de contratar segurança terceirizada, pois possui a própria guarda portuária. Por conta disso, a administração teve que rescindir o contrato com a empresa e tirar o guardinha de lá. Agora, a única segurança que o porto pode oferecer à ANI são duas rondas por noite, feitas por guardas concursados.

A secretária de Segurança do Cidadão, Susi Bellini, pode ter a luz no fim do túnel para a ANI. Ela cogitou a possibilidade de incluir a associação na lista de beneficiados de uma nova licitação para a contratação de vigilantes e equipamentos de segurança, caso não haja um impedimento jurídico. Como a prefa já possui um convênio que, segundo Susi, destina cerca de R$ 300 mil por ano para a associação, ela não soube dizer se incluir a ANI como beneficiada em uma licitação seria possível. Mas se comprometeu a verificar com o jurídico.





Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×






3.215.16.238

Últimas notícias

Esporte

Atleta de Penha conquista vaga no Mundial de stand up paddle

Paradesporto

Parataekwondo conquista primeiras medalhas de Itajaí no Parajasc

Santa Catarina

Vergonha: Fesporte cancela atletismo e bocha paralímpica do Parajasc por falta de árbitros

ITAJAÍ

Vídeo de atropelamento na Jorge Lacerda é divulgado como fake news de tiroteio 

BALNEÁRIO

Trabalhador é resgatado soterrado em obra de terraplanagem

Futebol

Craques da base assinam contrato profissional com o Marcílio Dias

FERIADO

Pescadores capturam mais de oito mil tainhas na praia de Bombas

ITAJAÍ

Clarus Construtora entrega residencial com vista para o Saco da Fazenda

TECNOLOGIA INOVADORA

E-Control instala “Aedes do Bem” em residencial Haras Rio do Ouro

RANKING POSITIVO

Catarinenses são os mais gentis no trânsito, aponta pesquisa



Colunistas

JotaCê

Aniversariante visita o colunista

Coluna Esplanada

Verbas para o sul

Ideal Mente

*Que país é este?*

Direito na mão

Aposentadoria para PCD: entendendo as regras e benefícios para quem tem redução de capacidade para o trabalho

Show de Bola

Começou a Segundona

Coluna Exitus na Política

Viver de pedras, desejar esponjas

Na Rede

Acidente com ônibus escolares, expedição de surfistas para o RS e mais: se liga nos destaques do DIARINHO na internet 

Coluna do Ton

Vibes da Turquia

Mundo Corporativo

Líderes espiritualizados em tempos difíceis ainda é possível?

Histórias que eu conto

Armação da infância 3

Coluna Fato&Comentário

Associativismo comunitário em Itajaí: o começo

Via Streaming

Tudo pelo dinheiro

Artigos

O combate ao abuso e à exploração de crianças e adolescentes é um compromisso coletivo

Jackie Rosa

Niver da Chris

Gente & Notícia

Níver da Margot

Foto do Dia

“O mar, quando quebra na praia”

Coluna Existir e Resistir

Designação geral sobre o fim do mundo



TV DIARINHO




Podcast

Mãe e filho sofrem grave acidente na BR 470

Publicado 29/05/2024 18:25



Especiais

ALERTA

Itajaí, Ilhota e Porto Belo lideram ‘ranking’ de moradores vivendo em áreas de risco

DENÚNCIA

Vendedores denunciam serem forçados a vender cartão do Itaú em esquema milionário

NA ESTRADA

Pôr do sol de tirar o fôlego é atração o ano inteiro na praia de Armação

RIO GRANDE DO SUL

A história de luta de um quilombo que resiste às enchentes em Porto Alegre

DADOS INÉDITOS

Em meio ao lixo das chuvas no Rio Grande do Sul, catadores não conseguem trabalhar



Blogs

Blog do JC

Pré-candidato a prefeito Fabrício da Shopee, ops, Peeter Lee visita o JC

A bordo do esporte

Semana Internacional de Vela de Ilhabela com mais de 40 barcos confirmados

Blog da Jackie

Sasha Meneghel

Blog da Ale Francoise

A pílula da felicidade

Blog do Ton

Amitti Móveis inaugura loja em Balneário Camboriú

Gente & Notícia

Warung reabre famoso pistão, destruído por incêndio, com Vintage Culture em março

Blog Doutor Multas

Como parcelar o IPVA de forma rápida e segura

Blog Clique Diário

Pirâmides Sagradas - Grão Pará SC I

Bastidores

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado



Entrevistão

Marisa Zanoni Fernandes

"Balneário Camboriú não precisa de capitão, fantoches, seres iluminados, ungidos. Precisa de pessoas comprometidas com a democracia”

Vilfredo e Heloísa Schurmann

"Nós reciclamos só 6% no Brasil. Na Europa já é 50%. A própria China já está com 35% de reciclagem” (Vilfredo)

João Paulo

"Essa turma que diz defender a família ajudou a destruir a boa convivência em muitas famílias. Na defesa de um modelo único, excludente"

Entrevistão Peeter Grando

“Balneário Camboriú não precisa de ruptura, mas de uma continuidade”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯








MAILING LIST

Cadastre-se aqui para receber notícias do DIARINHO por e-mail

Jornal Diarinho© 2024 - Todos os direitos reservados.
Mantido por Hoje.App Marketing e Inovação