Colunas


Coluna Fato&Comentário

Por Edison d'Ávila -

Abonada e insensível


O DIARINHO noticiou, com grande dose de ufania, e conforme contas feitas pelo IBGE com dados de 2021, que Itajaí se tornara a cidade mais rica de Santa Catarina, a terceira da região Sul e a vigésima terceira do Brasil.

A notícia merecia mesmo manchete principal de primeira página do jornal. Afinal, superar nossas coestaduanas Joinville, Blumenau e a Capital, sempre tidas como detentoras de economias mais pujantes, é conquista a comemorar. Além do que, se a riqueza aqui se acumula, é porque todos os itajaienses contribuem com seu trabalho, competência, expertise e capacidade de empreender. É toda gente a empreender e a trabalhar pelo bem comum: trabalhadores, empresários, poder público. Os louros dessa conquista são, portanto, da coletividade.

Mas, há uma relevante razão para esse auspicioso crescimento econômico da cidade,  que não pode ser esquecido. O êxito do trabalho produtivo, da competência operosa, da expertise capacitada e do exitoso empreendedorismo se devem, com certeza,  ao notável  caráter da gente de Itajaí, suas qualidades de acolher, integrar quem aqui chega com vontade de vencer; de construir  uma cidade com perspectivas para todos; de crença na capacidade criativa dos cidadãos/cidadãs operosos.

E isto tudo se deve à cultura constituída por ricas tradições, por memorável história, por hábitos e costumes sãos e úteis. É a cultura aqui construída em mais de dois séculos que fundamenta  esse ganho econômico. Ninguém venceria se a comunidade não tivesse sido  uma bem feita construção histórica ao longo desses 200 anos.

Também não haveria vitoriosos de agora se o espaço geográfico, o meio ambiente e as condições naturais não tivessem oferecido oportunidades de empreender e alcançar  bons resultados. A excelente localização da cidade, o rio e o mar, a beleza das paisagens se constituíram e se constituem num penhor seguro de estímulos e conquistas.

Todavia, esse PIB acumulado não tem contribuído generosamente, para que a cidade tenha outros avanços culturais e de respeito com o meio ambiente. Que notável ação ou obra temos visto por esses anos, de quem empreende aqui, faz-se vitorioso e enriquece, em favor da cultura da gente de Itajaí e da conservação de sua beleza natural? Até agora nada!... Em 2024, a cidade de Itajaí completa 200 anos e não se vê movimento algum de empreendedores e Poder Público.

Decididamente a atual fúria demolidora, a ânsia por edificar e fazer vendas, o descuido com a paisagem natural, que começa a ser irremediavelmente maculada,  não significam ganhos para uma cidade saudável.

Só resta, então, concluir melancolicamente que se tem uma cidade abonada, porém, insensível...


Comentários:

Deixe um comentário:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.

Leia mais

Coluna Fato&Comentário

Coleção bicentenário: a construção da Matriz

Coluna Fato&Comentário

Jesus dos Passos: 100 anos nas ruas de Itajaí

Coluna Fato&Comentário

Itajaí: 200 anos da cidade e de cristianismo

Coluna Fato&Comentário

O Porto é nosso?

Coluna Fato&Comentário

2024 - Auspicioso ano do Bicentenário

Coluna Fato&Comentário

Uma santa passou por Itajaí

Coluna Fato&Comentário

O Português de a dama

Coluna Fato&Comentário

Pasquins: livre expressão do povo

Coluna Fato&Comentário

Enchentes: lições da história

Coluna Fato&Comentário

O ambientalista global em Itajaí e o grande susto

Coluna Fato&Comentário

“Montecchios”e “Capuletos” também em Itajaí

Coluna Fato&Comentário

Professor e historiador Moacir Costa

Coluna Fato&Comentário

Carijós, Peabiru e a foz do Itajaí

Coluna Fato&Comentário

Itajaí: berço da indústria náutica

Coluna Fato&Comentário

Nóbrega Fontes, em duas comemorações

Coluna Fato&Comentário

Monsenhor Vendelino em Itajaí e sua época

Coluna Fato&Comentário

Trânsito público na Vila de Itajaí: normas de 1868

Coluna Fato&Comentário

Patrimônios em restauro: casas Bauer, Burghardt, Konder

Coluna Fato&Comentário

“Obras de Santa Engrácia”em Itajaí

Coluna Fato&Comentário

Homens de negócios precisam dar um presente a Itajaí



Blogs

A bordo do esporte

Arnold Sports Festival celebra parceria bem-sucedida com expositores e palestrantes

Blog do JC

Palavra é tudo!

Blog da Ale Francoise

Lanchinho do bem!

Blog da Jackie

Os Fort’s e os Koch’s

Blog do Ton

Amitti Móveis inaugura loja em Balneário Camboriú

Gente & Notícia

Warung reabre famoso pistão, destruído por incêndio, com Vintage Culture em março

Blog Doutor Multas

Como parcelar o IPVA de forma rápida e segura

Blog Clique Diário

Pirâmides Sagradas - Grão Pará SC I

Bastidores

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado



Entrevistão

Entrevistão Ana Paula Lima

"O presidente Lula vem quando atracar o primeiro navio no porto”

Carlos Chiodini

"Independentemente de governo, de ideologia política, nós temos que colocar o porto para funcionar”

Osmar Teixeira

"A gestão está paralisada. O cenário de Itajaí é grave. Desde a paralisação do Porto até a folha sulfite que falta na unidade de ensino”

Omar Tomalih

“Balneário Camboriú hoje é o município que está com o maior controle, com o menor número de notificações de casos de dengue”

TV DIARINHO

A Estação de Tratamento de Água São Roque voltou a operar por volta das 15h deste sábado, após a conclusão ...




Especiais

NA ESTRADA COM O DIARINHO

6 lugares imperdíveis para comprinhas, comida boa e diversão em Miami

Elcio Kuhnen

"Camboriú vive uma nova realidade"

140 anos

Cinco curiosidades sobre Camboriú

CAMBORIÚ

R$ 300 milhões vão garantir a criação de sistema de esgoto inédito 

Legado de amor

Dona Maricotinha, aos 95 anos, tem a vida pautada pela família, religião e dedicação ao próximo



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯








MAILING LIST

Cadastre-se aqui para receber notícias do DIARINHO por e-mail

Jornal Diarinho© 2024 - Todos os direitos reservados.
Mantido por Hoje.App Marketing e Inovação