Colunas


Ideal Mente

Por Vanessa Tonnet - Vanessatonnet.psi@gmail.com

CRP SC 19625 | Contato: (47) 99190.6989 | Instagram: @vanessatonnet

Uma amizade tóxica


Muitos de nós aprendemos a elogiar as pessoas com determinadas convivências e exemplos. Comigo, por exemplo, foi com alguns baianos. Depois de trabalhar e estudar com alguns deles por três anos eu tive um intensivo de linguagem direta e didática, e hoje falo sem constrangimento que a pessoa é bonita, inteligente, querida, carinhosa, gentil.

Nem sempre foi assim: eu tinha medo de me mostrar vulnerável, ou elogiar, porque dar reconhecimento a alguém faz com que você exponha o seu afeto. Você tem que apresentar o que sente, abrir espaço para as suas emoções, demonstrar apego ou conexão, confessar a importância daquela figura em sua vida, o tamanho da sua saudade.

Pois bem, muitos de nós estamos acostumados a implicar, e nunca a relatar o quanto gosta com inteligibilidade. Pelo contrário, lança farpas como forma de chamar atenção, testar os limites, ver se o conhecido “o aguenta” por perto. Entende o início da convivência como uma provação, um purgatório de ataques e desmoralizações.

Começa a nomear possíveis amigos de “vadios”, de “desocupados”, de “energúmenos”, de “tapados”, de “bobalhões”, como se falar mal fosse querer bem.

Com um trato exageradamente pessimista e ácido, alguns bancam um tipo exigente, não oferecendo espaço para confetes.

Ao fugir da bajulação, certos se encontram com o boicote.

Não percebendo o quanto a atitude não tem nada de simpática. Chegam a causar danos a si mesmo e aos mais próximos.

Sem prever efeitos colaterais, cultivam relacionamentos adoecidos, adeptos da provocação e do atrito, desprovidos da paz e da cumplicidade. Tensionando os laços. Forçando constrangimentos.

Aquele típico de todo encontro virar ringue, guerra, como um festival de grosserias disfarçadas de intimidade. Levantar os defeitos da companhia dá a sensação de condição privilegiada de anunciar que conhece uma pessoa profundamente, que ela não tem como te enganar. Só que não observa e compreende a sua fragilidade para a existência, o quanto reabre suas feridas, o quanto aumenta as chagas da aceitação social, o quanto desperta seus traumas do fundo da caverna do inconsciente.

Com uma brincadeira inconveniente, uma piada torta, um apelido maldoso, uma saudação contraditória, podemos levar o nosso parceiro de volta ao abismo do bullying, à chacota da infância, à desvalia mais solitária.

Xingando, mesmo que seja por “ternura”, fazemos com que o indivíduo sempre se ache pouco, insuficiente, precário, falível, inadequado, feio.

Consentimos que ele entre em romances errados, que suporte o que não merece, que divida a rotina com quem o puxa para baixo, que se sinta envergonhado pela sua vaidade e conquistas.

Oferecemos um péssimo exemplo de aspereza, pois amizades são espelhos de como pretendemos ser tratados no amor.

Muitas comunicações reversas são refletidas a uma insegurança, uma resistência a  declarar uma ligação genuína. Não expressando o “eu te amo” para os amigos, para as pessoas que gosta. Raciocina que, ao precisar do outro, arcará com as dores da distância e do desentendimento. Isso faz ir se tolhendo de sofrer por antecipação. Não vá para este caminho, mude a rota.

Se permita a reconstruir-se em um amigo-companheiro melhor, não aquele que pegue no pé, mas simplesmente o que dá a mão.


Comentários:

Deixe um comentário:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.

Leia mais

Ideal Mente

E quem cuida de quem cuida?

Ideal Mente

A importância da comunicação no cuidado

Ideal Mente

Luto patológico: quando a perda vira doença

Ideal Mente

A síndrome do coelho de Alice

Ideal Mente

Depressão e Terapia: Reconhecendo a Dor

Ideal Mente

Vamos falar de afeto?

Ideal Mente

Precipitação

Ideal Mente

Mudar dói

Ideal Mente

Carnaval: um mundo imaginário de liberação chegou ao fim

Ideal Mente

Felicidade 10mg

Ideal Mente

Bullying não é chacota, é crime!

Ideal Mente

Relacionamentos tóxicos: você sabe identificar se está em um?

Ideal Mente

O que é a felicidade?

Ideal Mente

Como recomeçar depois de um momento difícil?

Ideal Mente

Depressão e terapia

Ideal Mente

Frustração X Expectativa:

Ideal Mente

Saudade não é carência

Ideal Mente

Uma lição de Drummond sobre a saudade

Ideal Mente

O luto e as festas do final de ano

Ideal Mente

Ciúme sem orgulho



Blogs

A bordo do esporte

Liga esportiva estudantil desembarca no Paraná

Blog do JC

PSB, PT, PCdoB e PV pexêros, juntos

Blog da Ale Francoise

Cuidado com os olhos

Blog da Jackie

Catarinense na capa da Vogue

Blog do Ton

Amitti Móveis inaugura loja em Balneário Camboriú

Gente & Notícia

Warung reabre famoso pistão, destruído por incêndio, com Vintage Culture em março

Blog Doutor Multas

Como parcelar o IPVA de forma rápida e segura

Blog Clique Diário

Pirâmides Sagradas - Grão Pará SC I

Bastidores

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado



Entrevistão

Juliana Pavan

"Ter o sobrenome Pavan traz uma responsabilidade muito grande”

Entrevistão Ana Paula Lima

"O presidente Lula vem quando atracar o primeiro navio no porto”

Carlos Chiodini

"Independentemente de governo, de ideologia política, nós temos que colocar o porto para funcionar”

Osmar Teixeira

"A gestão está paralisada. O cenário de Itajaí é grave. Desde a paralisação do Porto até a folha sulfite que falta na unidade de ensino”

TV DIARINHO

O representante catarinense na Nascar Brasil, Jeff Giassi, sofreu o primeiro acidente da carreira, mas ...




Especiais

NA ESTRADA

Melhor hotel do mundo fica em Gramado e vai abrir, também, em Balneário Camboriú

NA ESTRADA COM O DIARINHO

6 lugares imperdíveis para comprinhas, comida boa e diversão em Miami

Elcio Kuhnen

"Camboriú vive uma nova realidade"

140 anos

Cinco curiosidades sobre Camboriú

CAMBORIÚ

R$ 300 milhões vão garantir a criação de sistema de esgoto inédito 



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯








MAILING LIST

Cadastre-se aqui para receber notícias do DIARINHO por e-mail

Jornal Diarinho© 2024 - Todos os direitos reservados.
Mantido por Hoje.App Marketing e Inovação