Colunas


Via Streaming

Por Via Streaming -

50 anos de história


Nova série documental da Netflix conta sobre as mulheres que deixaram a sua marca no hip-hop ao longo dos anos (foto: divulgação)

O hip hop é um dos movimentos culturais mais famosos dos dias de hoje. Sua origem remete aos anos 1970, nos subúrbios de Nova York, e tem como principais expoentes as pessoas pretas. Considerado uma forma de protesto, identidade e diversão, o hip-hop possui diversas facetas que compõem a proposta de criação de uma estética urbana única. Dentre elas podemos citar a música (com o rap), a dança (com as danças urbanas), a moda e as artes visuais (com o graffiti). Mesmo sendo bastante influente na produção cultural atual – se misturando com outros gêneros de música, por exemplo – ainda existe muito preconceito com artistas do hip-hop.

 

Bora virar assinante para ler essa e todas as notícias do portal DIARINHO? Usuários cadastrados têm direito a 10 notícias grátis.


Esqueci minha senha




Se você ainda não é cadastrado, faça seu cadastro agora!


 







 





Apesar de ter uma história muito ligada aos homens que se aventuraram no hip-hop, desde o começo é possível identificar mulheres que fizeram a diferença no cenário cultural da época e que abriram caminho para essa explosão de artistas femininas no hip-hop que se vê atualmente. É justamente sobre resgatar a influência dessas mulheres e subverter a lógica masculina atrelada ao hip-hop que surgiu o documentário “Primeiro As Damas: Mulheres no Hip-hop”. A produção é um original da Netflix e será disponibilizada para os assinantes da plataforma de streaming no dia 9 de agosto.

O documentário será dividido em 4 episódios e contará com entrevistas que vão desde as artistas mais veteranas no mercado – como Sha Rock, Remy Ma, Yo-Yo, Roxanne Shante, MC Lyte, Da Brat, Monie Love, Bahamadia e Rah Digga e Queen Latifah – até as mulheres que estão dominando a indústria atualmente – como Latto, Saweetie e RapSod. Também serão entrevistados jornalistas e produtores musicais. A série documental estreia no ano em que o hip-hop faz 50 anos e tem como objetivo maior recontextualizar o papel das mulheres nesse movimento cultural que, até hoje, mantêm o seu papel político e revolucionário. 

 


Comentários:

Deixe um comentário:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.

Leia mais

Via Streaming

“Yesterday”

Via Streaming

Dilemas adolescentes

Via Streaming

Entre espaços

Via Streaming

“Maestro”

Via Streaming

Idade dourada

Via Streaming

“Cirurgias e Artimanhas”

Via Streaming

Sr. & Sra. Smith agora em série

Via Streaming

Desejo de vingança

Via Streaming

Madrinha da cocaína

Via Streaming

Matar ou morrer

Via Streaming

Tragédia enigmática

Via Streaming

A história por trás da marca

Via Streaming

“Barry”

Via Streaming

Morte no Mediterrâneo

Via Streaming

Contra tudo e todos

Via Streaming

“The Morning Show”

Via Streaming

Morte suspeita

Via Streaming

Limite extremo

Via Streaming

Trocando as Bolas

Via Streaming

Revisão do passado



Blogs

A bordo do esporte

Volta da Ilha das Cabras abre temporada de regatas em São Paulo

Blog do JC

Lula e o genocídio

Gente & Notícia

Churrasco On Fire, da dupla Fernando e Sorocaba, chega a Massaranduba

Blog da Ale Francoise

Intestino preso, use todos os dias

Blog da Jackie

O ‘sim’ de Ângela e Dolor

Blog do Ton

Medicina Estética

Blog Doutor Multas

Como parcelar o IPVA de forma rápida e segura

Blog Clique Diário

Pirâmides Sagradas - Grão Pará SC I

Bastidores

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado



Entrevistão

Entrevistão Adão Paulo Ferreira

"Porto sozinho não serve para nada. Ele precisa ter navios, linhas"

Irmã Simone

"Aqui nós atendemos 93% SUS”

Eduardo Rodrigues Lima

"A Marinha já fez 27 mil abordagens a embarcações no Brasil inteiro”

Edison d’Ávila

"O DIARINHO serve como uma chamada à consciência da cidade”

TV DIARINHO

Uma criança morreu atropelada por um caminhão no bairro São Vicente, em Itajaí, no final da manhã deste ...




Especiais

TURISMO

Japaratinga: vale a pena se hospedar no melhor resort do Brasil?

violência

Brasil tem um assassinato de pessoa trans a cada três dias

Programa diferente

Na Estrada: Escapada pra Curitiba num finde de verão

Presidente do STM

Acampamentos golpistas “foram tolerados por orientação” militar

Agropecuária

Bancada adota ‘discurso tóxico’ em anúncios nas redes sociais



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯








MAILING LIST

Cadastre-se aqui para receber notícias do DIARINHO por e-mail

Jornal Diarinho© 2024 - Todos os direitos reservados.
Mantido por Hoje.App Marketing e Inovação