Matérias | Geral


SANTA CATARINA

Fiesc cobra túneis no Morro dos Cavalos e ação da Arteris contra caos nas rodovias

Entidade pede novas obras em áreas de risco de eventos climáticos para evitar bloqueios como os da BR 101 e BR 376

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]

Trânsito em Palhoça teve filas de até 30 quilômetros nesta quarta-feira (foto: divulgação Filipe Scotti )



A interdição da BR 101 no trecho do Morro dos Cavalos, em Palhoça, durante três dias, levantou questionamentos sobre o contrato de concessão à Arteris Litoral Sul e os investimentos necessários para evitar bloqueios causados por ocorrências climáticas.


No último ano, o trecho da BR 376, na serra de Guaratuba (PR), sob concessão da empresa, também sofreu com deslizamentos, travando o transporte e isolando o acesso entre Santa Catarina ...

 

Já possui cadastro? Faça seu login aqui.

OU

Quer continuar lendo essa e outras notícias na faixa?
Faça seu cadastro agora mesmo e tenha acesso a
10 notícias gratuitas por mês.

Cadastre-se aqui



Bora ler todas as notícias e ainda compartilhar
as melhores matérias com sua família e amigos?

Assine agora mesmo!


No último ano, o trecho da BR 376, na serra de Guaratuba (PR), sob concessão da empresa, também sofreu com deslizamentos, travando o transporte e isolando o acesso entre Santa Catarina e o Paraná.



A situação no Morro dos Cavalos ainda não está 100% resolvida. Ao menos até esta sexta-feira, o trecho liberado parcialmente na terça-feira vai funcionar em pista simples à noite.

Durante o dia, a rodovia terá duas faixas liberadas no sentido sul (Porto Alegre) e uma na pista no sentido norte (Florianópolis).


O esquema é para os serviços de limpeza, drenagem, recuperação do asfalto e demolição de rochas. Nesta quarta, foi registrada fila de 30 km no sentido norte devido ao afunilamento de pista.

Plano pra diminuir efeitos climáticos


O presidente da Câmara de Transporte de Logística da Fiesc, Egídio Antônio Martorano, analisou a situação da rodovia, os impactos na economia e as soluções. Ele lembrou que a Fiesc propôs, ainda em novembro de 2023, no lançamento da Agenda da Água, um plano de adaptação às mudanças climáticas para logística a fim de reduzir os efeitos dos eventos climáticos severos.

“A sugestão da Fiesc é que esse plano faça uma análise de risco identificando os pontos críticos das rodovias (segmentos como encostas etc), rotas alternativas e plano para emergências. Esta ação deve ser uma iniciativa da concessionária em conjunto com a Defesa Civil, a Polícia Rodoviária Federal [PRF], entre outros entes relacionados ao tema”, explica.

As medidas ajudariam a diminuir os impactos de bloqueios como os no Morro dos Cavalos e na serra da BR 376. Nos dois casos, Martorano destaca que as interdições foram causadas pelas chuvas intensas. No Morro dos Cavalos, a medição foi de 838 milímetros de chuva em 96 horas.

“De acordo com o Climatempo, a chuva prevista para o mês de abril em Palhoça é de 115 mm, ou seja, choveu no local em quatro dias mais de sete vezes a média esperada para o mês inteiro. Da mesma forma na BR 376 – volumes extremos de chuva”, comentou.

 


Túnel no projeto básico de duplicação nunca saiu

Projeto de duplicação da BR 101 previa dois túneis, dois viadutos de acesso e proteção das encostas (foto: reprodução)
Projeto de duplicação da BR 101 previa dois túneis, dois viadutos de acesso e proteção das encostas (foto: reprodução)

 

A responsabilidade da recuperação do trecho em Palhoça é da concessionária Arteris Litoral Sul, que toca obras no local no momento. O presidente da câmara de logística da Fiesc, Egídio Martorano,  informa que o trecho foi incorporado ao contrato de concessão em 31 de agosto de 2012, quando foi extinta a praça de pedágio de Palhoça.

A solução para a região, segundo explicou, seria a construção do túnel do projeto de duplicação. A obra é considerada a mais adequada, tanto pela segurança aos usuários como pelos danos econômicos que a interdição da BR 101 ocasiona, mas não avançou na concessão.

Na época da duplicação, o governo federal previa dois túneis de 1300 metros, dois viadutos de acesso e proteção das encostas. Martorano comenta que o projeto nunca saiu do papel em função de dificuldades com o licenciamento. A Fiesc defende que a obra precisa ser viabilizada dentro do contrato de concessão.


“Hoje, trafegam cerca de 30 mil veículos por dia (dados da Arteris - 2024). Ele integra um dos mais importantes corredores logísticos do Brasil na orientação norte-sul e é extremamente relevante para a movimentação portuária catarinense e para o turismo. Seu entorno conta com atividades comerciais e industriais intensas”, alerta.

O presidente da Câmara   acredita que a proposta do túnel, defendido há tempo pela entidade dentro da agenda de infraestrutura para o estado, voltará a ser discutida. Uma oportunidade seria a negociação da obra no processo de renovação da concessão da Arteris, que tem contrato até 2032.

“Temos reiterado nosso entendimento de que os túneis devem ser uma prioridade absoluta e deverão ser incorporados no processo de extensão da concessão em estudo pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), ou na renovação da concessão, cujo término está previsto para 2032”, completou Martorano.

O DIARINHO questionou a Arteris sobre o projeto do túnel e outras melhorias na rodovia, mas não teve retorno até o fechamento desta matéria.




Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×






44.211.117.197

Últimas notícias

ITAJAÍ

Pintor morre em acidente com moto na BR 101

Futebol

Camboriú estreia na segundona neste sábado em BC

Ajeitando a casa

Marcílio Dias pagou mais R$ 1,7 milhão em dívidas só em 2023

Série B

Brusque reencontra seu ex-treinador no duelo contra o Vila Nova

ENQUETE 

Festa do Peixe de Itajaí cancelada novamente: qual a sua opinião?

BALNEÁRIO CAMBORIÚ

Motos “no pau” preocupam autoridades de trânsito em BC

Virada

MDB deixa o governo Fabrício Oliveira

BRUSQUE

Professora da rede municipal morre aos 30 anos

Série D

Exclusivo: Técnico troca o Barra pelo Amazonas às vésperas do jogo contra o Hercílio Luz

DOMINGO

Maternidade da Unimed Litoral terá simulado de incêndio



Colunistas

JotaCê

Fabrício chamegou Bolsonaro em Brasília

Coluna Fato&Comentário

Associativismo comunitário em Itajaí: o começo

Coluna Esplanada

Trio de apostas

Via Streaming

Tudo pelo dinheiro

Ideal Mente

O desamparo da infidelidade

Show de Bola

Trocas de treinadores

Direito na mão

Recebeu auxílio-doença ou auxílio-acidente? Veja como se aposentar agora!

Coluna Exitus na Política

Um passeio nas cavernas

Na Rede

Morte de produtor, garotinho com orgulho do pai na enchente e mais: confira os destaques do DIARINHO

Artigos

O combate ao abuso e à exploração de crianças e adolescentes é um compromisso coletivo

Jackie Rosa

Niver da Chris

Mundo Corporativo

A importância do equilíbrio da autoestima no mundo organizacional

Gente & Notícia

Níver da Margot

Coluna do Ton

Chegando de Mendoza

Histórias que eu conto

Armação da infância II

Foto do Dia

“O mar, quando quebra na praia”

Coluna Existir e Resistir

Designação geral sobre o fim do mundo



TV DIARINHO


Aos 55 anos, a doutora em Educação Marisa Zanoni Fernandes só teve filiação ao Partido dos Trabalhadores ...



Podcast

Quase 30 mil tainhas capturadas em Bombinhas

Publicado 24/05/2024 19:11



Especiais

NA ESTRADA

Pôr do sol de tirar o fôlego é uma atração do ano inteiro na praia de Armação

RIO GRANDE DO SUL

A história de luta de um quilombo que resiste às enchentes em Porto Alegre

DADOS INÉDITOS

Em meio ao lixo das chuvas no Rio Grande do Sul, catadores não conseguem trabalhar

NÚMEROS

No Brasil, 3 a cada 4 vivem em cidades com mais risco de desastres por chuvas

DADOS

Exportação de armas de fogo dobrou durante os anos Bolsonaro, revela levantamento inédito



Blogs

Blog do JC

Prefeito revela que está com tumor maligno

Blog da Jackie

Reserva Royal

A bordo do esporte

Terceira edição do Troféu Ayrton Senna de Kart celebra 30 anos do legado do ídolo

Blog da Ale Francoise

A pílula da felicidade

Blog do Ton

Amitti Móveis inaugura loja em Balneário Camboriú

Gente & Notícia

Warung reabre famoso pistão, destruído por incêndio, com Vintage Culture em março

Blog Doutor Multas

Como parcelar o IPVA de forma rápida e segura

Blog Clique Diário

Pirâmides Sagradas - Grão Pará SC I

Bastidores

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado



Entrevistão

Vilfredo e Heloísa Schurmann

"Nós reciclamos só 6% no Brasil. Na Europa já é 50%. A própria China já está com 35% de reciclagem” (Vilfredo)

João Paulo

"Essa turma que diz defender a família ajudou a destruir a boa convivência em muitas famílias. Na defesa de um modelo único, excludente"

Entrevistão Peeter Grando

“Balneário Camboriú não precisa de ruptura, mas de uma continuidade”

Juliana Pavan

"Ter o sobrenome Pavan traz uma responsabilidade muito grande”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯








MAILING LIST

Cadastre-se aqui para receber notícias do DIARINHO por e-mail

Jornal Diarinho© 2024 - Todos os direitos reservados.
Mantido por Hoje.App Marketing e Inovação