Matérias | Geral


ITAJAÍ

Justiça suspende lei que libera “arranha-céus”

MP alega “construções desenfreadas” e “retrocesso ambiental”. Decisão impacta verticalização de Cabeçudas

Franciele Marcon [fran@diarinho.com.br]

Justiça suspendeu as novas licenças para outorga onerosa em empreendimentos sem o Estudo de Impacto de Vizinhança

(Foto: Arquivo)
Justiça suspendeu as novas licenças para outorga onerosa em empreendimentos sem o Estudo de Impacto de Vizinhança (Foto: Arquivo)


A Justiça de Itajaí decidiu liminarmente, nessa quarta-feira, suspender de forma imediata a concessão de licenças de empreendimentos por meio da lei da outorga onerosa que não possuam Estudo de Impacto de Vizinhança (EIV). A decisão é da juíza Sônia Maria Mazzetto Moroso Terres e atendeu parcialmente um pedido de liminar do Ministério Público.


A juíza estipulou multa de R$ 10 mil em caso de descumprimento pra cada autorização concedida. O secretário de Urbanismo foi intimado pessoalmente da decisão. A liminar impacta, especialmente ...

 

Já possui cadastro? Faça seu login aqui.

OU

Quer continuar lendo essa e outras notícias na faixa?
Faça seu cadastro agora mesmo e tenha acesso a
10 notícias gratuitas por mês.

Cadastre-se aqui



Bora ler todas as notícias e ainda compartilhar
as melhores matérias com sua família e amigos?

Assine agora mesmo!


A juíza estipulou multa de R$ 10 mil em caso de descumprimento pra cada autorização concedida. O secretário de Urbanismo foi intimado pessoalmente da decisão. A liminar impacta, especialmente, a verticalização do bairro de Cabeçudas.



Na mesma decisão, a magistrada ainda determinou a intimação de Rodrigo Lamin, secretário de Desenvolvimento Urbano e Habitação de Itajaí e presidente do Conselho Municipal de Gestão e Desenvolvimento Territorial de Itajaí, para o cumprimento imediato da ordem judicial. “Com a advertência de que eventual descumprimento poderá caracterizar ato atentatório à dignidade da Justiça e ensejará a responsabilização pecuniária pessoal do agente público responsável”, escreveu a juíza, alertando que o secretário poderá responder por sanções cíveis e criminais. O município tem até 30 dias para recorrer da decisão.

A outorga onerosa é concedida através de uma lei municipal, mediante pagamento de indenização, quando um empreendedor constrói acima dos parâmetros de uso e ocupação do solo estabelecidos no Código de Zoneamento. Na decisão, a juíza entende que a prefeitura tem liberado, com base na outorga onerosa, construções de prédios além do limite de altura em Cabeçudas.


Na ação civil pública, o MP alega que o município está concedendo outorga onerosa sem a realização de Estudo Prévio de Impacto de Vizinhança, ou estudos equivalentes que assegurem critérios de viabilidade urbanística. Mesmo em prédios que apresentam adensamento populacional, o estudo não está sendo exigido, segundo a denúncia do MP. “Em tais situações mostra-se imprescindível a elaboração do citado estudo ou de medidas equivalentes. Afora os casos de outorga onerosa, a regulamentação para o EIV ou equivalente simplesmente inexiste, trazendo retrocesso ambiental, bem como construções desenfreadas que sequer se sabe seus reais efeitos”, diz a promotoria.

Para o MP, a falta dos estudos demonstra a incompetência do município em proteger o meio ambiente. “Enquanto o requerido [município] deixa de exigir estudo ou medida equivalente visando resguardar o meio ambiente, vem, deliberadamente, há 10 anos, arrecadando recursos e concedendo o direito de construir, sem estudo prévio, em casos que evidentemente caracterizam adensamento populacional”, diz a ação.


Também fazem parte da ação as Associações Comunitária de Cabeçudas e dos Moradores da Fazenda e Fazendinha.

Lei da outorga continua valendo, entende o secretário

O secretário Lamim, ouvido pelo DIARINHO, disse que não há suspensão da outorga se o empreendedor apresentar o Estudo de Impacto de Vizinhança e ajustar as medidas mitigadoras e compensatórias da autorização de construção.

A decisão liminar, segundo Lamim, abrange apenas os casos sem o determinado estudo e vai abranger só o pedido de novas  licenças. Como a decisão não é retroativa, os empreendimentos que já estão licenciados, como o da ABF Vaccaro Construtora e Incorporadora de Imóveis que anunciou um prédio de nove andares em plena orla de Cabeçudas e provocou a indignação da vizinhança, em tese, não estão impedidos de prosseguir com as obras.

O presidente do Sinduscon de Itajaí, Bruno de Andrade Pereira, informou que a decisão está sendo avaliada juridicamente, mas adiantou que o sindicato pretende tomar medidas para retomar os licenciamentos com outorga onerosa. “O que deve ficar claro para todos é que apesar das decisões aparentemente demonstrarem que o vilão da história é o solo criado, a verdadeira polêmica é pela situação locacional da edificação.  Mais uma vez, a cidade toda pode ficar parada por conta de um conflito de interesses dentro de um bairro. A outorga onerosa tem sido exitosa e  aprovada no Conselho da Cidade nas regiões centrais por todas as associações de moradores. A outorga é boa para a cidade e discutir o que realmente é o x do problema”, opinou Bruno.





Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Clique aqui para fazer o seu cadastro.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.

Entre em contato com a redação ❯
WhatsAPP DIARINHO

Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×






44.211.31.134

Últimas notícias

Câmara libera mais R$ 26 milhões para o porto

ITAJAÍ

Câmara libera mais R$ 26 milhões para o porto

Usar drogas agora dá multa em Santa Catarina

NOVA LEI

Usar drogas agora dá multa em Santa Catarina

Problema na rede pode deixar sem água o bairro dos Municípios

BALNEÁRIO CAMBORIÚ

Problema na rede pode deixar sem água o bairro dos Municípios

Série brasileira é a mais assistida em língua não-inglesa na Netflix

BRASIL NO TOPO

Série brasileira é a mais assistida em língua não-inglesa na Netflix

Inscrições pra Olímpiada Nacional de Eficiência Energética estão abertas

SUSTENTABILIDADE

Inscrições pra Olímpiada Nacional de Eficiência Energética estão abertas

Pesquisa sobre antigo cemitério da lagoa é apresentada pela primeira vez em evento na USP

Barra Velha

Pesquisa sobre antigo cemitério da lagoa é apresentada pela primeira vez em evento na USP

Diretor da secretaria de Saúde morre vítima de parada cardíaca

Penha

Diretor da secretaria de Saúde morre vítima de parada cardíaca

Tenista de Itajaí é convocado para a Copa Davis

Tênis

Tenista de Itajaí é convocado para a Copa Davis

Equipe de Itajaí é campeã da Copa Santa Catarina de Kickboxing

Kickboxing

Equipe de Itajaí é campeã da Copa Santa Catarina de Kickboxing

Homem picha "morte aos judeus" em casas de praia de Bombinhas 

MORRINHOS

Homem picha "morte aos judeus" em casas de praia de Bombinhas 



Colunistas

Convivendo com a imperfeição

Ideal Mente

Convivendo com a imperfeição

PDT com Juliana

JotaCê

PDT com Juliana

Coluna Esplanada

Cartel do hemo

Expectativa no Gigantão

Show de Bola

Expectativa no Gigantão

Direito na mão

Aposentadoria pelo pedágio de 50% e 100%: como funciona?

Saudades de um dia de sol

Foto do Dia

Saudades de um dia de sol

Coluna Exitus na Política

Um tiro pela culatra

Medalha de Bolsonaro a Milei, repórter hostilizada em evento de BC e mais: confira os destaques do DIARINHO nas redes sociais

Na Rede

Medalha de Bolsonaro a Milei, repórter hostilizada em evento de BC e mais: confira os destaques do DIARINHO nas redes sociais

Trip dos Silva

Jackie Rosa

Trip dos Silva

Tema: pedir aumento de salário, dicas para um assunto delicado

Mundo Corporativo

Tema: pedir aumento de salário, dicas para um assunto delicado

Família Bellini em festa

Gente & Notícia

Família Bellini em festa

Viva a Marina

Coluna do Ton

Viva a Marina

Vento terral ou “rapa-canela”: o frio em Itajaí

Coluna Fato&Comentário

Vento terral ou “rapa-canela”: o frio em Itajaí

Fundos imobiliários: oportunidades em fundos de tijolo e de papel

Diário do Investidor

Fundos imobiliários: oportunidades em fundos de tijolo e de papel

Histórias que eu conto

Colégio Catarinense 7 – final

Luta por direitos

Via Streaming

Luta por direitos

Artigos

Nos 164 anos de Itajaí, as pontes são para o futuro



TV DIARINHO


VANDALISMO E PRECONCEITO | Um homem foi flagrado pichando frases de ódio em muros de casas da praia ...



Podcast

Mãe abandona crianças sem comida em casa

Mãe abandona crianças sem comida em casa

Publicado 16/07/2024 20:00



Especiais

Em busca das peças saqueadas: fósseis extraídos ilegalmente do Ceará voltam ao Brasil

PÚBLICA

Em busca das peças saqueadas: fósseis extraídos ilegalmente do Ceará voltam ao Brasil

Ex-general agiu por ressentimento contra o presidente, diz pesquisadora

Golpe na Bolívia

Ex-general agiu por ressentimento contra o presidente, diz pesquisadora

CPAC põe Brasil no centro da extrema direita internacional, diz cientista política

ENTREVISTA

CPAC põe Brasil no centro da extrema direita internacional, diz cientista política

Seis atrações imperdíveis para curtir em Balneário Camboriú em julho

NA ESTRADA

Seis atrações imperdíveis para curtir em Balneário Camboriú em julho

Governo apreende 50 antenas Starlink em garimpos ilegais na terra Yanomami

Elon Musk

Governo apreende 50 antenas Starlink em garimpos ilegais na terra Yanomami



Blogs

Festival de Vela de Caraguá 2024 confirmado

A bordo do esporte

Festival de Vela de Caraguá 2024 confirmado

Consenso

Blog do JC

Consenso

limpa

Blog da Ale Francoise

limpa

iPhone 16

Blog da Jackie

iPhone 16

Arquiteta Jordana Battisti, de Balneário Camboriú, apresenta o Café Bistrô Chá da Alice na CASACOR/SC - Itapema

Blog do Ton

Arquiteta Jordana Battisti, de Balneário Camboriú, apresenta o Café Bistrô Chá da Alice na CASACOR/SC - Itapema

Warung reabre famoso pistão, destruído por incêndio, com Vintage Culture em março

Gente & Notícia

Warung reabre famoso pistão, destruído por incêndio, com Vintage Culture em março

Como parcelar o IPVA de forma rápida e segura

Blog Doutor Multas

Como parcelar o IPVA de forma rápida e segura

Pirâmides Sagradas - Grão Pará SC I

Blog Clique Diário

Pirâmides Sagradas - Grão Pará SC I

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado

Bastidores

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado



Entrevistão

"Hoje nós não temos um litro de esgoto tratado em Navegantes”

Rogério Tomaz Corrêa

"Hoje nós não temos um litro de esgoto tratado em Navegantes”

"Nós já éramos PL antes do Bolsonaro entrar no PL. Nós não somos aproveitadores que entramos agora”

Carlos Humberto

"Nós já éramos PL antes do Bolsonaro entrar no PL. Nós não somos aproveitadores que entramos agora”

"O prefeito foi sete vezes a Dubai, em um ano, mas não se tem notícia de ter se reunido em um bairro de Balneário Camboriú”

Claudir Maciel

"O prefeito foi sete vezes a Dubai, em um ano, mas não se tem notícia de ter se reunido em um bairro de Balneário Camboriú”

"Eu digo que Camboriú não é uma bola para sair chutando. Muito menos cemitério de elefantes"

John Lenon Teodoro

"Eu digo que Camboriú não é uma bola para sair chutando. Muito menos cemitério de elefantes"



Hoje nas bancas

Capa de hoje
Folheie o jornal aqui ❯








Newsletter

Cadastre-se aqui para receber notícias do DIARINHO por e-mail

Jornal Diarinho© 2024 - Todos os direitos reservados.
Mantido por Hoje.App Marketing e Inovação