Matérias | Geral


OLHO NAS BOMBAS

Preço da gasolina chega a R$ 6

Baixa nos preços ocorreu após mudança no ICMS. Sindicato diz que preço caiu em média R$ 1,25 com redução dos impostos

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]

Segundo sindicato, preço caiu em média R$ 1,25, somando a retirada de impostos federais e agora a baixa do ICMS (Foto: João Batista)


A redução da alíquota do ICMS sobre os valores da gasolina e do álcool em Santa Catarina provocou uma nova queda nos preços dos combustíveis, que já podem ser encontrados abaixo dos R$ 6 o litro na região. Na semana passada, a gasolina tinha registrado a primeira baixa devido à medida do governo federal que zerou a cobrança de impostos como PIS, Cofins e Cide sobre o produto.

No estado, uma medida provisória assinada pelo governador Carlos Moisés (Republicanos) na sexta-feira passada reduziu para 17% a alíquota de ICMS para energia elétrica, gasolina, álcool ...

 

Já possui cadastro? Faça seu login aqui.

Quer continuar lendo essa e outras notícias na faixa?
Faça seu cadastro agora mesmo e tenha acesso a
10 notícias gratuitas por mês.

Cadastre-se aqui



Bora ler todas as notícias e ainda compartilhar
as melhores matérias com sua família e amigos?

Assine agora mesmo!


No estado, uma medida provisória assinada pelo governador Carlos Moisés (Republicanos) na sexta-feira passada reduziu para 17% a alíquota de ICMS para energia elétrica, gasolina, álcool e comunicações. No caso da gasolina, a queda da taxa foi de 25% pra 17%, sobre o preço médio final do produto, congelado desde outubro de 2021 em R$ 5,67 por litro.

Em Itajaí, o combustível pode ser encontrado a R$ 5,89, em postos como Via Sete e o Itavel, na avenida Osvaldo Reis, no bairro Fazenda, que atualizaram os preços nesta terça-feira. No centro, o posto Rodoil, ao lado do pronto-socorro do Hospital Marieta, vende a gasolina a R$ 5,91 o litro. No posto Sofia, da Praia Brava, está a R$ 5,97.



Os novos preços representam uma diferença de até R$ 0,98 em relação ao preço médio da gasolina na semana passada, de R$ 6,87 em Itajaí, conforme pesquisa da Agência Nacional de Petróleo (ANP). O valor máximo encontrado pelo levantamento foi de R$ 7,17 na cidade.

Em Balneário Camboriú, que tinha o preço médio do litro da gasolina a R$ 7,14 na semana passada, a diferença foi ainda maior, de R$ 1,15, com o produto podendo ser encontrado agora a R$ 5,99 em postos do bairro Pioneiros. Na região, um dos postos mais “baratos” é em Navegantes, onde a gasolina é vendida a R$ 5,75 o litro no posto da BR-470, perto das lojas Havan.

De acordo com Cesar Marinho Ferreira Júnior, secretário executivo do Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo do Litoral Catarinense e Região (Sincombustíveis), os postos já repassaram a redução do ICMS na região. Ele destaca que deu uma queda média de R$ 1,25 no preço da gasolina, chegando até R$ 1,28 em alguns postos, somando a primeira medida com a retirada do PIS e Cofins e agora com a redução do ICMS.


Cesar avaliou a queda como “significativa”, mas ressaltou que o setor mantém preocupação com a política de preços da Petrobras. O modelo segue o chamado PPI (Preço de Paridade Internacional), que deixa o custo da gasolina e do diesel atrelado à variação do valor do barril de petróleo e à cotação do dólar.

A avaliação do sindicato é que essa política pode comprometer a medida do governo Jair Bolsonaro, que cortou os impostos federais, e também a adotada na maioria dos estados, que reduziu a taxa do ICMS.  “Se a Petrobras continuar com essa política de preços, aí nós corremos o risco de todo esse esforço feito pelo governo federal e pelos governadores de quase todos os estados ser jogado por água abaixo”, disse.

Expectativa de estabilização nos preços

Em Santa Catarina, a alíquota do ICMS caiu de 25% pra 17% na gasolina e no álcool. No diesel, que já era 12%, ficou no mesmo percentual. A queda na alíquota segue medida adotada em ao menos outros 21 estados e no Distrito Federal pra conter a alta de preços ao consumidor final, cumprindo lei sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro (PL) que limita a cobrança do imposto pelos estados.

“A gente espera que agora as coisas realmente se acalmem pra que fique bom tanto pros empresários trabalharem, porque o empresário já não consegue mais se programar direito, e também para aliviar o bolso do consumidor, que já está sobrecarregado”, destaca Cesar.


Na expectativa de uma estabilizada no mercado, ele lembra que, no caso do diesel, que tinha ultrapassado o preço da gasolina na região e no estado, o produto já soma alta acumulada de 68% em 2022 no preço praticado pela Petrobras nas refinarias. O índice é maior que o aumento registrado no ano inteiro em 2021, que foi de 65%.




Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×






18.207.157.152

TV DIARINHO


Confira os destaques desta sexta-feira



Podcast

Inflação e alta na taxa de juros

Publicado 06/08/2022 14:47



Especiais

Saúde

Salsicha, hambúrguer e nugget: pesquisa identifica agrotóxicos em alimentos

famoso

Garçom há 30 anos, Claudinho ama BC

Diversidade religiosa

Mestre Marne quebrou tabus para defender a fé nos orixás

conexão

Networker aproxima Balneário Camboriú das celebridades

Sem medo do trabalho

Dona Terezinha toca uma confecção aos 84 anos



Blogs

A bordo do esporte

Seleção Brasileira de Vela inicia treinos para SSL na Suíça

Blog do JC

Isaque Borba

Blog Doutor Multas

Desentupidora de pia em Moema: chegada rápida, orçamento sem compromisso e garantia no desentupimento

Blog do Ton

O Segredo dos Tubarões

Blog da Ale Francoise

Inclua inhame no seu dia!

Blog Clique Diário

Pirâmides Sagradas - Grão Pará SC I

Bastidores

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado

Blog da Jackie

BALNEÁRIO FASHIOW foi SHOW



Entrevistão

Gabriela Kelm do Nascimento

“A maioria entende que o calçadão da Hercílio Luz deve permanecer porque foi um ganho para a cidade ”

Normélio Weber

"O Hermeto Pascoal vai estar ali. O Toquinho vai estar aqui. O Brasileirão, de Curitiba... Vai estar Chico César...”

Cláudio Werner

“O nosso clube é um formador de atleta olímpico”

Willian Cardoso, o Panda

"Saquarema provavelmente vai ser meu último mundial, aí eu vou estar focado no brasileiro”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯








Jornal Diarinho© 2022 - Todos os direitos reservados.
Mantido por Hoje.App Marketing e Inovação