Matérias | Especial


SUSTENTABILIDADE

Itajaí terá primeiro verão com programa de reciclagem

Praias e Beira-rio terão equipe exclusiva de coleta seletiva até fevereiro. Meta é alavancar separação de recicláveis na orla, onde muito material acaba sendo descartado como lixo comum

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]

Na alta temporada, Itajaí gera até 80 toneladas de lixo reciclável por mês. Crédito: Divulgação

O programa Recicla Itajaí, lan­çado neste ano para intensi­ficar a coleta seletiva na ci­dade, terá o primeiro verão pela frente. Conforme dados da empresa Ambiental, a quantidade de recicláveis aumentou na temporada, nos últimos três anos, numa média de 45% em relação aos outros meses. A taxa rep­resenta cerca de 60 toneladas a mais de lixo reciclável a cada mês. Em janeiro de 2020, essa alta foi de mais de 80 tonela­das.


A coleta seletiva recolhe por mês, em média, 120 toneladas de resíduos reci­cláveis, que são encaminhados para a cooperativa de Trabalho dos Catadores de Material Reciclável da Foz do Rio Itajaí (Cooperfoz). O serviço é de porta em porta, pegando resíduos plásticos, metais, papéis e vidros. Para o verão, a coleta será reforçada.

Uma equipe exclusiva atenderá as praias e a avenida Beira-rio, com re­colhimento de recicláveis de segunda a sábado, em horário comercial, de 13 de dezembro de 2021 até 11 de feverei­ro de 2022. “Lembrando que será uma ampliação do serviço. Os dias de coleta já existentes não serão alterados”, frisa Mauana Ravadelli, analista de operações e projetos da Ambiental.

Um trabalho de preparação da comu­nidade para a coleta nas praias foi feito entre outubro e novembro. A equipe do Recicla Itajaí fez um diagnóstico da ge­ração de recicláveis em mais de 60 bares e restaurantes da orla, concluindo que muito material não é separado. Após o levantamento, os agentes passaram de novo nos locais orientando sobre as co­letas extras na temporada.

Orientações de como descartar corre­tamente os resíduos são feitas por uma equipe de quatro agentes. Desde março, já foram visitadas mais de 3500 casas e 600 condomínios em Itajaí. O uso de duas lixeiras, uma pro lixo comum e ou­tra pros recicláveis, é a principal dica. Os recicláveis também precisam ser limpos, pra serem aproveitados na cooperativa, e embalados de forma adequada.

Ecoponto teve ótima adesão

Continua depois da publicidade



Um dos destaques do programa é a op­ção de entrega de materiais no primeiro ecoponto de Itajaí, em frente ao Centre­ventos. O espaço funciona todos os dias, 24 horas, com atendimento presencial de segunda a sábado, das 10h40 às 13h e das 14h às 19h. Nestes horários, o ecoponto ainda recebe materiais como óleo de co­zinha, pilhas, esponjas de cozinha, bate­rias, lâmpadas fluorescentes e pequenos eletroeletrônicos.

Os materiais do local são destinados pra Cooperfoz e pra cooperativa de Re­ciclagem do Vale do Itajaí (Reciclavale). “O Ecoponto, além de contribuir com a redução dos impactos ambientais, está auxiliando no impacto social, com a ge­ração de renda para diversas famílias que trabalham na separação desses resí­duos”, destaca Mauana Ravadelli.

Continua depois da publicidade



Em seis meses de ativação, o ponto ba­teu recordes de volumes recebidos des­de a inauguração, chegando a quase 190 metros cúbicos de vidro, papel, metal, plástico e óleo de cozinha. Em setembro teve o maior pico de crescimento, com 400% a mais (42 metros cúbicos), em re­lação ao primeiro mês do serviço.

O programa prevê novos ecopontos. O próximo, em licenciamento, será no bairro São Vicente, pra receber resíduos da cons­trução civil, madeira, recicláveis, gessos, restos de poda e materiais volumosos.

 




Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×





44.192.114.32

TV DIARINHO


Confira os destaques desta segunda-feira



Podcast

Minuto DIARINHO 04/07/2022

Publicado 04/07/2022 21:18



Especiais

Cordeiros

Professora Rita de Cássia ensinou matemática a diferentes gerações de itajaienses

SUPERAÇÃO

Deficiência nunca impediu Jailton de fazer o que quis; até elevador em casa ele construiu

Centro de Itajaí

Bravacinas se transforma em referência em vacinação humanizada

Itajaí

Itajaí mantém protagonismo na pesca industrial

A riqueza vem pelo mar

Polo náutico reúne players mundiais do mercado de luxo



Blogs

A bordo do esporte

Brasil realiza único evento de automobilismo do mundo de Ayrton Senna

Blog da Ale Francoise

Chá de sabugueiro!

Blog do JC

Salve o Ribeiro!

Blog do Ton

Consultório médico, em Balneário Camboriú tem pegada chic, mas sem excessos

Blog Clique Diário

Pirâmides Sagradas - Grão Pará SC I

Blog Doutor Multas

A Desentupidora mais próxima de você! Desentupidora de emergência 24h SP

Bastidores

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado

Blog da Jackie

BALNEÁRIO FASHIOW foi SHOW



Entrevistão

Willian Cardoso, o Panda

"Saquarema provavelmente vai ser meu último mundial, aí eu vou estar focado no brasileiro”

Renata Teixeira Pinto Viana

"Não se indica cigarro eletrônico para alguém que queira parar de fumar"

Governador de Santa Catarina

"É importante destacar que as obras só avançam por conta dessa decisão de colocar recursos dos catarinenses nas rodovias federais”

José Evaldo Koch

“O hortifruti é nosso berço”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯








Jornal Diarinho© 2022 - Todos os direitos reservados.
Mantido por Hoje.App Marketing e Inovação