Matérias | Geral


BALNEÁRIO CAMBORIÚ

Uso particular de viaturas descaracterizadas da GM é investigado pela promotoria

Viatura sem identificação era usada por secretário em viagens pra Curitiba desde 2018; prefeitura diz que caso é apurado

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]

Viatura furtada na semana passada entrou no inquérito que já apura suposto uso indevido de carro pelo secretário de Segurança (foto: divulgação)

A viatura descaracterizada da Guarda Municipal de Balneário Camboriú que foi furtada na semana passada em uma rua no centro da cidade foi incluída em inquérito civil do ministério Público que investiga o uso indevido de outra viatura descaracterizada da corporação pelo secretário de Segurança Pública, Antônio Gabriel Castanheira. Assim como no caso do secretário, a suspeita é que o veículo furtado também vinha sendo usado pra fins particulares.

O inquérito foi aberto pelo promotor Álvaro Pereiro Oliveira Melo, da 8ª promotoria de Balneário, no dia 2 de julho, após levantamento preliminar que apurou que o secretário passou mais de 80 vezes por praças de pedágio em Santa Catarina, Paraná e São Paulo com o veículo Ford Ecosport, placa QHX-8399, uma viatura descaracterizada da GM. As viagens, a maioria entre Balneário e Curitiba, teriam sido feitas em benefício próprio, sendo investigada eventual prática de improbidade administrativa.

No final de agosto, denúncia sobre o uso indevido da viatura MMC/Pajero 4x4 Flex, placas QHZ-4029, também foi juntada à investigação. O carro era uma viatura caracterizada e tinha plotagem do grupo de Operações Preventivas (GOP) da GM, mas teve a identificação retirada posteriormente. Já descaracterizado, o veículo foi furtado no dia 24 de setembro na rua 2970, no centro de BC.



O comando da guarda disse que a viatura ficou estacionada após uma pane, por volta das 21h. O registro de furto foi feito só dois dias depois. A prefeitura alegou que o carro era usado pra serviços administrativos. No boletim de ocorrência, o comandante da GM, Douglas Ferraz, disse que estava na posse da viatura no dia da pane para uma operação na cidade.

O advogado Valdir de Andrade, presidente do conselho Comunitário de Segurança de Balneário (Conseg), foi ouvido como testemunha no inquérito e acompanha os desdobramentos. Ele, que participou da criação da guarda Municipal, avalia que a corporação não pode ter viatura descaracterizada pelo caráter comunitário, de presença ostensiva junto à comunidade, e por não atuar como polícia investigativa.

“Eu entendo que uma guarda de presença, comunitária, uma guarda que deveria ser participativa, ela tem que ser caracterizada, tem que estar identificada”, comentou. Para ele, a alegação de que a viatura furtada era de uso administrativo não fecha, porque o carro estava na rua às 21h, fora do horário de expediente. “Se ela deu pane e quebrou, como é que o ladrão [furtou]? O ladrão é bom, hein? Ele conseguiu furtar a viatura que estava quebrada... Será que essa história fecha? Não fecha”, ironiza.


Entidades esperam reativação do conselho Municipal de Segurança

Secretário Castanheira ainda não se manifestou publicamente sobre o caso (foto: Arquivo)

O presidente do Conseg, Valdir de Andrade, informou que o conselho assinou junto a outras cinco entidades o pedido pra reativação do conselho Municipal de Segurança e Incolumidade Pública (Comsep). O órgão tem caráter deliberativo pra discutir assuntos relacionados a ações e políticas de segurança na cidade, mas está parado há 21 meses.

O grupo espera a retomada de reuniões, a ser marcada pelo secretário de Segurança, que é presidente do conselho. Valdir comenta que há diversos ligados à guarda municipal. Além de viaturas descaracterizadas, há questionamentos sobre o uso de películas nos vidros das viaturas.

Outros projetos pretendem trazer mais controle ao trabalho da guarda. Um deles é a implantação de aplicativo de “smarting policing”, que permite a filmagem dos agentes pelo celular, com a gravação das ações.  A indicação da medida foi feita pelo vereador Eduardo Zanatta (PDT) ao prefeito. O aplicativo também poderia ser usado para o controle de frota.


“Só não quer controle quem não quer ser controlado, quem não quer ser transparente”, critica Valdir.

 

Viatura foi usada em viagens pra Curitiba

O uso da viatura pelo secretário Municipal de Segurança aconteceu em viagens pra fora da cidade desde 2018. Nos últimos três anos, conforme levantamento do ministério Público junto à concessionária Arteris Litoral Sul, a Ecosport passou mais de 80 vezes em praças de pedágios desde abril de 2018, inclusive em postos de São Paulo.


A maioria dos deslocamentos foi entre Balneário e Curitiba, com viagens de ida na sexta-feira e retorno à Balneário na segunda-feira. A pedido do MP, o Gaeco monitorou o uso do veículo em julho. A viatura foi vista circulando pelo centro e com entradas e saídas de um prédio residencial. Conforme a investigação, o motorista era o secretário de Segurança.

Em Curitiba, também em julho, o veículo foi fotografado estacionado na Targo Centro de Treinamento, um clube de tiro que tem entre os sócios o secretário Antônio Gabriel Castanheira. As idas e vindas dentro e fora da cidade apontam para o uso particular da viatura, prática proibida pelo estatuto do servidor e por lei federal, implicando em improbidade administrativa.

O promotor pediu à prefeitura a relação de todas as viaturas da frota da guarda Municipal, inclusive as descaracterizadas, desde agosto de 2018, bem com outros veículos públicos que tenham sido usados por servidores da secretaria de Segurança. Informações sobre rastreamento de frota, extrato de abastecimento por veículo da frota da guarda ou vinculados à secretaria de Segurança também foram solicitadas.

O inquérito corre sob sigilo. O município esclareceu em nota que o uso de veículos oficiais é regulamentado por legislação municipal e federal e que os fatos já estão sob apuração da secretaria de Controle Interno da prefeitura, desde que foi tomado conhecimento do inquérito da promotoria. “Todos os demais questionamentos serão  respondidos ao MP no decorrer da investigação”, informou a prefeitura.

O secretário Castanheira não se manifestou sobre o caso até o fechamento desta matéria.




Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×






3.239.112.140

Últimas notícias

RODOVIAS

BRs 282 e 280 seguem com trechos trancados

Bora lá

Doe um quilo de alimento ou um produto de limpeza e ganhe uma muda de árvore nativa

Fim de semana de trabalho

Brusque continua força tarefa para recuperação da cidade após chuva

Santa Catarina

Santo Amaro da Imperatriz tem acessos liberados depois de interdição de cinco horas

SUSTO

Pilota de parapente cai em árvore na orla de Cabeçudas

Cultura

Festival de Teatro Primo Atto faz apresentações neste sábado em BC

Previsão do tempo

Sábado vai ser de calor, mas podem rolar chuva, vento e até granizo

Olho nas estradas

Trecho da BR-282 em Santo Amaro e Rancho Queimado continuam bloqueados

NAVEGANTES

Buscas por bombeiro desaparecido continuam

FIM DE UMA ERA

Loja Pavan deixa Itajaí após meio século de história 



Colunistas

JotaCê

Reitor não quer ser prefeito

Na Rede

Confira o que bombou nas redes sociais do DIARINHO

Via Streaming

“Rainha de Katwe”

Foto do Dia

Entrada da Barra

Jackie Rosa

Mulherada reunida

Canal 1

Aceita que dói menos: mulheres ocupam merecido lugar no esporte

Coluna Esplanada

Tereza e Marinho

Clique diário

O colorido fim de tarde em Itajaí

Vinicius Lummertz

SC do futuro: nas BRs, 2023 pode ser pior do que 2022

Gente & Notícia

Família Koch na Copa

Direito na mão

O que acontece se a empresa não pagou o INSS do funcionário? Como fica a aposentadoria?

Coluna do Janio

Marinheiro no mercado

Coluna Exitus na Política

Futebol sem bola e sem goleiro

Coluna do Ton

Mãe & Filha

Coluna Fato&Comentário

Alvim Sandri: "História de vida", aos 99 anos

Artigos

Não queremos viver numa pátria dominada pela bandidagem



TV DIARINHO


Entrevistão com Alvin Sandri



Podcast

Entrevistão com Alvin Sandri

Publicado 03/12/2022 10:10



Especiais

OLHO NA DOSE

Pesquisa de preço mostra onde bebidas quentes são mais baratas

Na Estrada com o DIARINHO

Maravilhas naturais fazem de Bombinhas o Caribe catarinense

Itajaí

Do imóvel popular ao de altíssimo padrão são as apostas da Lotisa

Alto padrão

Procave agrega valor e exclusividade

Itajaí

Mercado da Brava continua em crescimento



Blogs

Blog do JC

Quadrangular 71 anos

A bordo do esporte

Volta ao Mundo Globe40 parte para a Argentina

Blog Doutor Multas

Fumar e dirigir dá multa?

Blog do Ton

Festa The Box comemora 5 anos neste fim de semana em Balneário Camboriú

Blog da Ale Francoise

Os poderes da Spirulina!

Blog da Jackie

Spring Party

Blog Clique Diário

Pirâmides Sagradas - Grão Pará SC I

Bastidores

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado



Entrevistão

Alvim Sandri

"Levei a vida que a minha mãe ensinou: fé em Deus e andar certo

Marcelo Sodré

"A hora que entrar o contrato de arrendamento essa agonia se dissipa. As empresas vêm pra fazer o porto continuar crescendo”

James Winter

“Só vai haver desemprego e demissão em massa se não tiver carga aqui no Porto de Itajaí”

Décio Lima

"Hoje, de R$ 97 bilhões que são arrecadados pelo governo federal em Santa Catarina, apenas R$ 7 bilhões voltam”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯








Jornal Diarinho© 2022 - Todos os direitos reservados.
Mantido por Hoje.App Marketing e Inovação