Matérias | Reclamações


Itajaí

Demora pra montar guarda-roupa irrita muié

Ela comprou o móvel na loja Ponto Frio e tá há um mês sem arrumar as roupas

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]

A assistente de operações Ruticineia Fogues, 29 anos, comprou um guarda-roupa na loja Ponto Frio de Itajaí e ainda tá aguardando pra ter o móvel montado no quarto. Moradora de Navega, afirma que, no ato da compra, foi informada de que teria o roupeiro entregue em cinco dias úteis mas teria que esperar outros cinco para ver o armário montado. Segundo Ruticineia, o vendedor que a atendeu explicou que as entregas na city dengo-dengo só acontecem às segundas, quartas e sextas-feiras.

A assistente comprou o móvel por R$ 399 no dia 3 de agosto e o recebeu no dia 12. Após vencer o prazo da montagem (cinco dias), a assistente procurou a loja pra reclamar. No entanto, foi informada que no sistema da Ponto Frio constava que ela havia comprado o guarda-roupa no dia 23 de agosto, 20 dias após a compra original, e que o móvel ainda não teria sido entregue.

Indignada com a situação, a muié catou o comprovante da compra, com data de 3 de agosto, atravessou o ferri-bote e foi na loja. Mesmo assim, não conseguiu resolver a situação. “Ninguém me atende ...

 

Já possui cadastro? Faça seu login aqui.

Quer continuar lendo essa e outras notícias na faixa?
Faça seu cadastro agora mesmo e tenha acesso a
10 notícias gratuitas por mês.

Cadastre-se aqui



Bora ler todas as notícias e ainda compartilhar
as melhores matérias com sua família e amigos?

Assine agora mesmo!


A assistente comprou o móvel por R$ 399 no dia 3 de agosto e o recebeu no dia 12. Após vencer o prazo da montagem (cinco dias), a assistente procurou a loja pra reclamar. No entanto, foi informada que no sistema da Ponto Frio constava que ela havia comprado o guarda-roupa no dia 23 de agosto, 20 dias após a compra original, e que o móvel ainda não teria sido entregue.

Indignada com a situação, a muié catou o comprovante da compra, com data de 3 de agosto, atravessou o ferri-bote e foi na loja. Mesmo assim, não conseguiu resolver a situação. “Ninguém me atende, não tem gerente, não tem nada. E agora quem vai responder por isso?”, lasca.



Ponto Frio

O gerente da loja em Itajaí, identificado apenas como Luiz, disse desconhecer o problema e garante que no sistema as datas estavam estão lançadas corretamente.


A Procon explica o que fazer num caso assim

O chefe da procuradoria de Defesa dos Direitos do Consumidor (Procon) de Itajaí, Rafael Martins, indica que o consumidor deve criar o hábito de guardar notas fiscais e recibo pra exigir que a loja estipule um prazo para entrega e montagem de mercadorias. “O consumidor sempre deve pedir um documento em que esteja descrito o prazo combinado para a entrega e montagem”, diz. De acordo com a Procon, quando o fornecedor não cumpre o prazo de entrega previamente informado, o consumidor poderá optar pelas seguintes alternativas:

  • Exigir o cumprimento forçado da obrigação, nos termos da oferta, apresentação ou publicidade;
  • Aceitar outro produto ou prestação de serviço equivalente;
  • Rescindir o contrato, com direito à restituição da grana, mais juros e correção, além de perdas e danos;
  • A Procon orienta reclamar à empresa guardando sempre um comprovante. Se entregar carta, protocole uma via. Se optar pelo correio, envie com aviso de recebimento.
  • Se o contato for por telefone, anote o número do protocolo e o nome do funcionário que fizer o atendimento. Se enviar e-mail, imprima a mensagem. Por fax, guarde o pedido com o comprovante da remessa.

     




Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×






44.192.15.251

TV DIARINHO


Uma mulher, de identidade ainda não informada, morreu em um incêndio em Itajaí. O fogo começou por volta ...





Especiais

Caso Ilha de Marajó

Vereadora de Navegantes está entre os políticos que impulsionaram fake news sobre exploração sexual infantil

TURISMO

Japaratinga: vale a pena se hospedar no melhor resort do Brasil?

VIAGEM NO TEMPO

Museu do Carro traz nostalgia e diversão sobre o universo automotivo

NOVOS TEMPOS

SC é pioneira na promoção da mobilidade elétrica

PLANEJAMENTO URBANO

Camboriú vai investir mais de R$ 60 milhões em mobilidade



Blogs

Blog do JC

Mudou

A bordo do esporte

Thiago Pereira e Swim Floripa levam Troféu José Finkel para Floripa

Blog da Jackie

Verão, calor, quentura e mormaço

Gente & Notícia

Warung reabre famoso pistão, destruído por incêndio, com Vintage Culture em março

Blog da Ale Francoise

Intestino preso, use todos os dias

Blog do Ton

Medicina Estética

Blog Doutor Multas

Como parcelar o IPVA de forma rápida e segura

Blog Clique Diário

Pirâmides Sagradas - Grão Pará SC I

Bastidores

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado



Entrevistão

Entrevistão Adão Paulo Ferreira

"Porto sozinho não serve para nada. Ele precisa ter navios, linhas"

Irmã Simone

"Aqui nós atendemos 93% SUS”

Eduardo Rodrigues Lima

"A Marinha já fez 27 mil abordagens a embarcações no Brasil inteiro”

Edison d’Ávila

"O DIARINHO serve como uma chamada à consciência da cidade”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯








MAILING LIST

Cadastre-se aqui para receber notícias do DIARINHO por e-mail

Jornal Diarinho© 2024 - Todos os direitos reservados.
Mantido por Hoje.App Marketing e Inovação