Matérias | Geral


Itajaí

Pronto-socorro do Santa Inês fecha hoje

Pacientes terão que procurar atendimento no Ruth Cardoso , que não tem PS, ou em outras unidades de saúde

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]

O povão que precisar de qualquer atendimento de urgência ou emergência pelo sistema Único de Saúde (SUS), no Balneário Camboriú, terá que procurar o novo hospital Ruth Cardoso. A partir das 7h de hoje, o pronto-socorro (PS) do hospital Santa Inês (HSI) fecha as portas. A medida pode trazer um verdadeiro caos pra saúde na city e até na região, já que no Ruth o PS ainda tá em construção.

O diretor do HSI, Eroni Foresti, afirma que a unidade está recebendo uma verba mirradinha da prefa e não consegue mais manter o PS aberto. “Não temos repasse pra isso. A referência no município agora é o Ruth Cardoso”, alfineta. Os pacientes que baterem a partir de hoje no Santa Inês serão orientados a procurar socorro no hospital municipal ou outra unidade de saúde da região, o que pode sobrecarregar os atendimentos de várias citys.

Segundo dotô Eroni, o Santa Inês chegava a receber oito mil pacientes de urgência e emergência por mês, o que dava uma média de 266 pessoas ao dia. Na temporada de verão, os números subiam pra cerca ...

 

Já possui cadastro? Faça seu login aqui.

Quer continuar lendo essa e outras notícias na faixa?
Faça seu cadastro agora mesmo e tenha acesso a
10 notícias gratuitas por mês.

Cadastre-se aqui



Bora ler todas as notícias e ainda compartilhar
as melhores matérias com sua família e amigos?

Assine agora mesmo!


O diretor do HSI, Eroni Foresti, afirma que a unidade está recebendo uma verba mirradinha da prefa e não consegue mais manter o PS aberto. “Não temos repasse pra isso. A referência no município agora é o Ruth Cardoso”, alfineta. Os pacientes que baterem a partir de hoje no Santa Inês serão orientados a procurar socorro no hospital municipal ou outra unidade de saúde da região, o que pode sobrecarregar os atendimentos de várias citys.

Segundo dotô Eroni, o Santa Inês chegava a receber oito mil pacientes de urgência e emergência por mês, o que dava uma média de 266 pessoas ao dia. Na temporada de verão, os números subiam pra cerca de 15 mil atendimentos a cada 30 dias. Os trampos iam desde socorrer alguém com uma simples dor estomacal até uma vítima de acidente de trânsito grave.



O HSI, que é particular, está mandando embora mais de 100 funcionários e terá um corpo clínico de pouco mais de 120 pessoas, pra oferecer apenas atendimentos básicos. Dotô Eroni conta que os médicos particulares continuarão a atender os pacientes por lá e ainda serão mantidos, neste mês, os 10 leitos da UTI. “Temos compromisso de manter o atendimento aos pacientes”, garante o médico.

A debandada geral no Santa Inês tem rolado há duas semanas, quando a prefa abriu o Ruth e passou a mandar a maioria da verba pra lá. Aos poucos, estão deixando de auxiliar o HSI, que logo será devolvido pro seu dono, o médico Jau Gaya. O município interveio no hospital em 2005, pois ele tava atolado em dívidas e perigava fechar.

Sem problema


O secretário de Saúde do Balneário, José Roberto Spósito, não sabia ontem do fechamento do pronto-socorro do Santa Inês, mas garantiu que o Ruth tem condições de receber estes pacientes. “Se um hospital caindo aos pedaços fazia, por que um hospital em boas condições não vai fazer?”, detonou. Ele garante que a unidade municipal conta com equipamentos e pessoal suficientes pra atender a demanda, mesmo que seu PS só abra as portas em abril. “O que uma coisa tem a ver com a outra?”, sirrevolta.

Mandaram embora

Parece que a turma do Santa Inês resolveu antecipar a brecada no atendimento pelo SUS. Por volta das 17h, a chapeira Niuvana de Bortoli, 34 anos, que sofreu uma queda de moto no bairro Taboleiro, em Camboriú, não foi atendida por lá. Ela teve lanhados nas pernas e braços e foi levada por uma colega até o Santa Inês. “Eles não quiseram me atender. Falaram que não têm mais atendimento pelo SUS”, diz a mulher, que precisou ir ao hospital de Cambu, onde foi medicada e até bateu chapa.




Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×






18.207.129.175

TV DIARINHO


O crime de injúria racial aconteceu em sessão do filme de Bob Marley no cinema do shopping na noite ...





Especiais

Caso Ilha de Marajó

Vereadora de Navegantes está entre os políticos que impulsionaram fake news sobre exploração sexual infantil

TURISMO

Japaratinga: vale a pena se hospedar no melhor resort do Brasil?

VIAGEM NO TEMPO

Museu do Carro traz nostalgia e diversão sobre o universo automotivo

NOVOS TEMPOS

SC é pioneira na promoção da mobilidade elétrica

PLANEJAMENTO URBANO

Camboriú vai investir mais de R$ 60 milhões em mobilidade



Blogs

A bordo do esporte

Fórmula E e FIA Girls On Track promovem curso de envelopamento de carro

Blog da Jackie

Verão, calor, quentura e mormaço

Gente & Notícia

Warung reabre famoso pistão, destruído por incêndio, com Vintage Culture em março

Blog do JC

Mulheres MDBistas

Blog da Ale Francoise

Intestino preso, use todos os dias

Blog do Ton

Medicina Estética

Blog Doutor Multas

Como parcelar o IPVA de forma rápida e segura

Blog Clique Diário

Pirâmides Sagradas - Grão Pará SC I

Bastidores

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado



Entrevistão

Entrevistão Adão Paulo Ferreira

"Porto sozinho não serve para nada. Ele precisa ter navios, linhas"

Irmã Simone

"Aqui nós atendemos 93% SUS”

Eduardo Rodrigues Lima

"A Marinha já fez 27 mil abordagens a embarcações no Brasil inteiro”

Edison d’Ávila

"O DIARINHO serve como uma chamada à consciência da cidade”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯








MAILING LIST

Cadastre-se aqui para receber notícias do DIARINHO por e-mail

Jornal Diarinho© 2024 - Todos os direitos reservados.
Mantido por Hoje.App Marketing e Inovação