Matérias | Reclamações


Itajaí

Gatinhos tão sendo abandonados no molhe da praia da Atalaia

Moradora da city detona que ação de desalmados rola à noite. Ela tira 800 pilas do bolso pra dar comida e remédios aos animais largados

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]

Passear pelo molhe da praia da Atalaia, na city peixeira, e não perceber a presença de cães e gatos por lá é quase mpossível. A bela paisagem do lugar siconfunde com a triste realidade de 18 bichanos e dois vira-latas que moram ali. Todos foram abandonados pelos donos e hoje sobrevivem graças à ajuda de gente de coração bom. O problema é que o bom tratamento dado aos bichinhos tá fazendo este ponto turístico virar um criadouro, com aumento do número de animais largados por donos desalmados.


Os abandonos rolam normalmente no período noturno. Bichos adultos são simplesmente soltos e filhotes geralmente deixados em caixinhas.

 

Bora virar assinante para ler essa e todas as notícias do portal DIARINHO? Usuários cadastrados têm direito a 10 notícias grátis.


Esqueci minha senha




Se você ainda não é cadastrado, faça seu cadastro agora!


 







 






Os abandonos rolam normalmente no período noturno. Bichos adultos são simplesmente soltos e filhotes geralmente deixados em caixinhas.

Na próxima semana, dia 10 de dezembro, será comemorado o Dia Internacional dos Direitos dos Animais, causa defendida por Rosângela Machado Xavier, 49 anos, uma das cuidadoras voluntárias dos bichos abandonados no molhe. Ela já faz isso há três anos e não pretende parar tão cedo. A boa ação da muié, no entanto, dá uma despesa salgada: ela banca do próprio bolso cerca de R$ 800 por mês em comida e tratamento de saúde dos bichos.

Rosângela ainda tem em casa 11 cães e nove gatos. “Como sabem que a gente cuida, tão largando os bichinhos por aí. Só este mês, foram deixadas quatro ninhadas de gatos. Todos pequenos, nem tinham aberto os olhos. E cada vez aumenta o número de abandonos. É muita crueldade. Se continuar assim, não daremos conta de cuidar de todos”, indigna-se.

Entre as situações mais escabrosas que já passou, ela destaca a que acha pior. “Uma vez, eu tava andando e ouvi um choro de cachorro ali no rio. Quando olhei, vi que tinha um saco boiando na água e imaginei que tivesse alguma coisa dentro. Não conseguia pegar, então chamei os bombeiros. Eles vieram e tiraram da água. Acredita que dentro tinha oito cachorrinhos? Um mais lindo que o outro. Não sei como tem gente capaz de fazer isso”, lamenta.

Emocionada, a muié relatou ao DIARINHO que os donos sem noção não fazem ideia do mal que estão fazendo. “Tem um cachorro que apareceu ali faz pouco tempo. Ele tá sempre triste, amuado. O que ninguém entende é que, além de comida, os animais precisam principalmente de carinho. E isso não consigo dar para todos ao mesmo tempo”, conta.

Continua depois da publicidade



Rosângela informou que visita os animais dia sim, dia não, e que tem mais gente que ajuda os coitadinhos. A muié leva alguns para casa, de vez em quando, na tentativa de conseguir uma adoção. Os que ela não consegue dar um lar, leva pro canil municipal da city peixeira.

A cuidadora tem parceria com o movimento de Integração entre Animais e Humanos (Miahu), que tenta alertar a população distribuindo cartazes nas redondezas do molhe, dizendo que “Abandono de Animais é Crime”. Pro desalmado que pensa em abandonar seu bichinho por lá, Rosângela deixa seu recado: “Se eu pegar fazendo isso, vou partir pra cima, ”, avisa.

Continua depois da publicidade



Castração poderia ser uma luz no fim do túnel, mas prefa não se mexe

A professora universitária Liza Lopes Corrêa faz parte do Miahu desde o ano 2000 e acredita que castrar os animais ajudaria a controlar o crescimento acelerado do número de bichos abandonados. “A prefeitura deveria promover mais campanhas de castração e tentar conscientizar a população de bairros mais pobres. O controle de natalidade é uma saída. Mas uma coisa tem que ficar clara: temos que cuidar desses animais. Não podemos exterminá-los. Tem gente que acha que para acabar com os animais de rua é só matando. Não é assim”, explica a sabichona.

Os animais que moram no molhe da Atalaia apresentam um risco pros frequentadores do local. A coordenadora do Núcleo de Zoonose de Itajaí, Ieda Passos, diz que existe o risco de infecções e contaminação de pessoas com os abandonados morando por lá. Porém, diz que a prefeitura não tem muito o que fazer. “Tem risco, mas eu não tenho como tirar eles de lá. São selvagens, só fogem, não dá de pegar. Se tentarmos tirar, podemos acabar machucando os bichos”, justifica.

A muié disse que, atualmente, a prefa vem trabalhado em campanhas de conscientização nas escolas e tentando reeducar a população pra evitar abandonos. Neste ano, a city peixeira não promoverá mais campanhas de castração, apenas em 2012, com início previsto pra janeiro.

Ieda orienta as pessoas que querem abandonar seus animais a tentarem doá-los para alguém que queira, já que o canil municipal de Itajaí está lotado e abriga especialmente animais machucados, agressivos ou fêmeas prenhas. Por lá, vivem cerca de 300 cães e 100 gatos.

Fique ligado: abandonar animais é crime

Os sem-vergonhas que abandonam ou judiam de bichinhos podem parar na cadeia. A lei federal nº 9.605/98 é clara quanto a isso e proíbe o abandono, maus tratos, envenenamento, mutilação e falta de cuidados. Sacanagens assim podem render ao desalmado prisão de três meses a um ano, além de multa. Caso o animal maltratado morra, a pena pode ser aumentada de um sexto a um terço. Denúncias podem ser feitas para a Polícia Militar, através do telefone 190.




Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×





3.236.50.79

Últimas notícias

Agenda Cultural

Beatles 4EVER e Pocah em destaque no final de semana no litoral

Bolsa Estudante

Alunos catarinenses recebem primeiro repasse de R$ 568

Hotelaria de alto padrão

FG anuncia primeiro hotel ‘up scale’ de Balneário Camboriú 

Agressões 

Ex-funcionária da Havan ganha ação por ser pressionada a votar em Bolsonaro 

Balneário Camboriú

Estrada do Barranco será totalmente interditada para asfaltamento

TRÁFICO

Polícia descobre galpão de refino de cocaína em Itajaí

Expedição Pedalando

Ciclistas da região concluem peregrinação e chegam neste sábado a Santiago de Compostela

Caso Castanheira

Tribunal de justiça nega pedido de afastamento de secretários de Balneário Camboriú

Daqui Pra Frente

Assista o vídeo com o atleta de boxe Thiago “Miojo”

Causa animal

Itajaí vai castrar cinco mil cães e gatos



Colunistas

JotaCê

TJ não afasta Castanheira

Jackie Rosa

Duda e Mateus

Via Streaming

“I May Destroy You”

Na Rede

Os destaques das redes sociais do DIARINHO

Canal 1

Ex-funcionárias da TV Cultura lançam canal infantil

Clique diário

Nascer do sol na Praia Brava 

Instituto Ion | Informando e Inovando

Agendas importantes de maio

Espaço InovAmfri

Olhar adiante

Coluna Esplanada

Missões oficiais 

Gente & Notícia

Homenagem

Coluna do Janio

Superação e bom desempenho

Coluna Exitus na Política

Coice e passo adiante

Coluna do Ton

Baile da Vogue

Vinicius Lummertz

Bolshoi SC 22 anos: o palco da esperança

Coluna Fato&Comentário

“Chuta, seu Alberto”: corridas de cavalo no Itajaí antigo

Coluna Tema Livre

Tristeza na academia



TV DIARINHO


Confira os destaques desta sexta-feira



Podcast

DAQUI PRA FRENTE: Thiago Miojo

Publicado 21/05/2022 12:12



Especiais

febre entre jovens

Uso de Cigarros eletrônicos acende alerta

Revitalização

Nova orla da Brava está em fase de projeto

Praia Brava

Novo acesso, através de Cabeçudas, será urbanizado

Praia Brava

Duplicação da Osvaldo Reis deve facilitar ligação com BC

Praia Brava

Via polêmica atrás da Lagoa do Cassino está em pauta



Blogs

Blog do JC

Ferrolho, manifestação hoje

Blog do Ton

Cantora e ex-BBB Pocah faz show em Balneário Camboriú neste domingo

A bordo do esporte

Medalhistas olímpicos e campeões mundiais confirmam palestras no VelaShow 2022

Blog Doutor Multas

Especialista garante que dinheiro ‘físico’ vai acabar e criptomoedas estão com dias contados

Blog da Ale Francoise

Enema de café e suas funções

Blog Clique Diário

Itajaí - Navio - Panorama

Bastidores

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado

Blog da Jackie

BALNEÁRIO FASHIOW foi SHOW



Entrevistão

José Evaldo Koch

“O hortifruti é nosso berço”

Laerte Jacomel

"Estamos buscando o que todo mundo busca: paz de espírito”

Édison Carlos

“100 milhões de brasileiros não têm coleta de esgoto”

Walter Orthmann

"Quero ser útil enquanto eu puder”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯