Matérias | Geral


Itajaí

DANÇA DAS CADEIRAS NA SESMARIA

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]


A política é um pântano cheio de desvãos, onde os espíritos desarmados podem se perder com facilidade. E onde os honestos temem entrar, porque correm o risco de serem tragados pelos miasmas da densa fumaça oxidante (não tóxica?) que corrói os pulmões e enferruja a alma.


Por mais que a gente ache que conhece a política e seus meandros, sempre aparece uma manobra inesperada, que pode nos desconcertar. Ou desconcentrar.

 

Já possui cadastro? Faça seu login aqui.

OU

Quer continuar lendo essa e outras notícias na faixa?
Faça seu cadastro agora mesmo e tenha acesso a
10 notícias gratuitas por mês.

Cadastre-se aqui



Bora ler todas as notícias e ainda compartilhar
as melhores matérias com sua família e amigos?

Assine agora mesmo!


Por mais que a gente ache que conhece a política e seus meandros, sempre aparece uma manobra inesperada, que pode nos desconcertar. Ou desconcentrar.



DOE 19.666


O Diário Oficial do Estado de Santa Catarina do último dia 23 de setembro teve o cabalístico número 19.666. E traz, logo na primeira página, um excelente exemplo de manobra muito utilizada em política para acomodar os acólitos, agradar os padrinhos e ajustar as coisas aos interesses superiores. Interesse superior, em política, vocês já sabem, nunca é o interesse do eleitor/contribuinte (outrora também conhecido como, com o perdão da má palavra, “povo”). É o interesse da autoridade superior a quem é necessário atender, para que depois, em ocasião oportuna, se receba, de volta, outro favor.

Pois bem, lá está o ato nº 1727, esse da ilustração. Trata-se de exonerar dois servidores comissionados das suas funções. E, em seguida, no mesmo ato, nomeá-los para outras funções. Parece alguma coisa muito inocente e corriqueira.


TROCA-TROCA

Ao ler com atenção vemos que houve, na verdade uma troca. O Gilson foi nomeado para o cargo que era do Gean, e o Gean para o lugar do Gilson.

Por que isso? Ora, porque alguém pediu ao governador que fizesse esse “ajustamento”. E por que pediram? Provavelmente jamais saberemos, porque essas negociações normalmente correm numa espécie de “segredo político”.

Mas podemos, como eleitores e contribuintes, fazer algumas suposições. Afinal, todos os envolvidos são pagos por nós e deveriam, teoricamente, estar a nosso serviço. Nada mais justo que coloquemos tão peculiar troca-troca sob o microscópio.


CONSULTOR x CONSULTOR

Gean Carlos Fermino é conhecido nos corredores da secretaria como o braço-direito do (ainda) secretário Beto Martins (PSDB), desde o tempo da prefeitura de Imbituba. Como diriam os antigos, são “unha e carne”.

Logo que Beto Martins assumiu, Fermino foi nomeado consultor de Relações com o Mercado, o terceiro mais importante cargo na secretaria, com salário de R$ 6.529,54, segundo o Portal da Transparência.

Já Gilson Paulo da Motta Soares é de Blumenau, onde trabalhava até o final do ano passado na prefeitura do governo João Kleinübing como um dos organizadores da Gincana de Blumenau, que acontece há anos durante a semana de aniversário do município. Desempregado lá, foi agraciado em abril, segundo me disseram por indicação do deputado Jean Kuhlmann (PSD), com o cargo de consultor de Projetos Especiais.


As más línguas (que tem em toda repartição) dizem que ele aparece na SOL de terça a sexta e às segundas trabalha para seu deputado em Blumenau. O pessoal da SOL não sabe direito o que ele faz na secretaria. Mas, enfim, ao final de todo mês ele tinha garantido como consultor de Projetos Especiais o salário de R$ 4.962,54.

E o que aconteceu em 1º de agosto, com o ato do João Raimundo? O braço direito do Beto Martins abriu mão de R$ 1.567,00. E o amigo do Jean Kuhlmann ganhou um aumento de R$ 1.567,00.

MISTÉRIOS MISTERIOSOS

A Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte, a famosa SOL, é um verdadeiro manancial de histórias misteriosas. Misturando tudo, não atende direito nem ao turismo, nem à cultura e muito menos ao esporte. Mas ninguém se queixa dela, porque de seus fundos brota dinheiro abundante, barato e oportuno (para os amigos, claro).

O secretário Beto Martins está para sair da secretaria. O “ajuste”, então, seria para acomodar auxiliares e abrir possibilidades para o novo secretário. Como ainda não se sabe quem será o substituto (embora Valdir Walendowski esteja jogando todas as fichas num lobby escancarado), fica ainda mais difícil para os pobres mortais, aqui de fora, entenderem os motivos de tão preclaras autoridades.

DÚVIDAS A MANCHEIAS

Nos corredores da SOL (a sigla não tem nada a ver com o atual nome da secretaria, mas vai ficando, porque pelo jeito o tempo por lá tá sempre bom), o pessoal se diverte levantando hipóteses.

Será que está sobrando grana para o cara que está trocando o cargo melhor remunerado pelo outro? Ou o sujeito realmente é benevolente, caridoso, solidário?

Será que o Beto Martins quer conseguir algum apoio do Jean Kuhlmann com esta generosidade? Ou do PSD? Ou do João Raimundo? Ou simplesmente querem garantir uma boquinha para o Gean Firmino na secretaria quando o Beto Martins sair e colocar à “disposição” do futuro secretário o cargo mais “valioso” sem se indispor com a turma do PSD?

Como já disse, jamais saberemos ao certo. Mesmo que amanhã assessores de imprensa, irritados porque não liguei pra eles antes de publicar esta história dêem as razões publicáveis, o fato é que os acordos políticos para a acomodação dos cabos eleitorais são sempre um teste para a paciência do eleitor/contribuinte.




Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×






3.239.95.36

Últimas notícias

Carregador garantido

GWM oferece carregador grátis para Linha Haval H6

Retomada

Grêmio volta a jogar pela Libertadores nesta quarta

ITAPEMA

SUV clonado é apreendido com crianças pequenas na BR 101

NAS TELONAS

Harry Potter volta a ser exibido no cinema de Itajaí e BC

54 ANOS DE CARREIRA

Chitãozinho e Xororó anunciam nova turnê nacional e passam por Balneário Camboriú

SEGURANÇA 

SC ganha novos peritos criminais e médico-legais

BOMBINHAS

Mulher vira refém do namorado em pousada; pedido de ajuda foi pelo Whats

Balneário Camboriú

Comando Regional da PM tem novo comandante 

Paradesporto

Balneário Camboriú terá 74 paratletas no Parajasc

CULTURA 

Itajaí e BC entram no circuito de espetáculos nacionais de teatro 



Colunistas

Direito na mão

Aposentadoria para PCD: entendendo as regras e benefícios para quem tem redução de capacidade para o trabalho

JotaCê

Peeter faz visita ao JC

Show de Bola

Começou a Segundona

Coluna Esplanada

Pouco avanço

Coluna Exitus na Política

Viver de pedras, desejar esponjas

Na Rede

Acidente com ônibus escolares, expedição de surfistas para o RS e mais: se liga nos destaques do DIARINHO na internet 

Coluna do Ton

Vibes da Turquia

Mundo Corporativo

Líderes espiritualizados em tempos difíceis ainda é possível?

Histórias que eu conto

Armação da infância 3

Coluna Fato&Comentário

Associativismo comunitário em Itajaí: o começo

Via Streaming

Tudo pelo dinheiro

Ideal Mente

O desamparo da infidelidade

Artigos

O combate ao abuso e à exploração de crianças e adolescentes é um compromisso coletivo

Jackie Rosa

Niver da Chris

Gente & Notícia

Níver da Margot

Foto do Dia

“O mar, quando quebra na praia”

Coluna Existir e Resistir

Designação geral sobre o fim do mundo



TV DIARINHO


O vídeo é impressionante, mas é falso. Não existe megaprojeto de prédio de 1200 metros de altura para ...



Podcast

Vídeo de megaprojeto de Elon Musk pra BC é falso

Publicado 28/05/2024 16:13



Especiais

DENÚNCIA

Vendedores denunciam serem forçados a vender cartão do Itaú em esquema milionário

NA ESTRADA

Pôr do sol de tirar o fôlego é atração o ano inteiro na praia de Armação

RIO GRANDE DO SUL

A história de luta de um quilombo que resiste às enchentes em Porto Alegre

DADOS INÉDITOS

Em meio ao lixo das chuvas no Rio Grande do Sul, catadores não conseguem trabalhar

NÚMEROS

No Brasil, 3 a cada 4 vivem em cidades com mais risco de desastres por chuvas



Blogs

Blog do JC

Pai Atanásio diz que governo ainda tem maioria

Blog da Jackie

Sasha Meneghel

A bordo do esporte

Mata o Velho, regata divertida de ILCA no YCSA

Blog da Ale Francoise

A pílula da felicidade

Blog do Ton

Amitti Móveis inaugura loja em Balneário Camboriú

Gente & Notícia

Warung reabre famoso pistão, destruído por incêndio, com Vintage Culture em março

Blog Doutor Multas

Como parcelar o IPVA de forma rápida e segura

Blog Clique Diário

Pirâmides Sagradas - Grão Pará SC I

Bastidores

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado



Entrevistão

Marisa Zanoni Fernandes

"Balneário Camboriú não precisa de capitão, fantoches, seres iluminados, ungidos. Precisa de pessoas comprometidas com a democracia”

Vilfredo e Heloísa Schurmann

"Nós reciclamos só 6% no Brasil. Na Europa já é 50%. A própria China já está com 35% de reciclagem” (Vilfredo)

João Paulo

"Essa turma que diz defender a família ajudou a destruir a boa convivência em muitas famílias. Na defesa de um modelo único, excludente"

Entrevistão Peeter Grando

“Balneário Camboriú não precisa de ruptura, mas de uma continuidade”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯








MAILING LIST

Cadastre-se aqui para receber notícias do DIARINHO por e-mail

Jornal Diarinho© 2024 - Todos os direitos reservados.
Mantido por Hoje.App Marketing e Inovação