Matérias | Especial


Itajaí

Músicos protestam por show encurtado na Vila

Artistas publicaram fotos com a boca fechada. Gazaniga, que desligou o som, diz que apertou o stop por segurança

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]

A interrupção repentina do show da cantora Giana Cervi, no sábado passado, durante o evento aventura pelos Mares do Mundo, causou a mó revolta do meio artístico peixeiro e um reboliço nas redes sociais. O bafafá começou domingo, e desde segunda-feira circulam no Facebook fotos de apoiadores da causa tapando a boca com fita crepe, esparadrapos e pedaços de tecido, simbolizando a chance que a cantora não teve de se despedir do público. O motivo da interrupção do show, segundo os manifestantes, teria sido o atraso da chegada do Papai Noel no evento. Já o chefão do aventura, Amílcar Gazaniga, garante que a atitude foi tomada em prol da segurança do povão.

A cantora comentou o caso na internet e agradeceu o apoio dos internautas. Ela explicou, em uma postagem publicada na manhã de ontem no Facebook, que o combinado era que sua banda tocasse entre ...

 

Já possui cadastro? Faça seu login aqui.

Quer continuar lendo essa e outras notícias na faixa?
Faça seu cadastro agora mesmo e tenha acesso a
10 notícias gratuitas por mês.

Cadastre-se aqui



Bora ler todas as notícias e ainda compartilhar
as melhores matérias com sua família e amigos?

Assine agora mesmo!


A cantora comentou o caso na internet e agradeceu o apoio dos internautas. Ela explicou, em uma postagem publicada na manhã de ontem no Facebook, que o combinado era que sua banda tocasse entre 19h30 e 21h, horário em que aconteceria a chegada do Papai Noel. Por conta de um atraso na premiação, o show teve início apenas às 20h. Quarenta minutos depois, Giana foi avisada de que teria que deixar o palco e começou a última música apresentando sua banda. “...ia cantar uma estrofe para encerrar. Não deu tempo! O Sr. Amílcar Gazaniga subiu pessoalmente no palco e desligou o som’, escreveu a cantora.

A movimentação nas redes sociais, na opinião do organizador do evento e alvo das manifestações, é resultado de um grande mal entendido. Segundo Gazaniga, o show só foi interrompido pra garantir a segurança do público. “Foi questão de cumprir rigorosamente o protocolo de segurança que os eventos internacionais exigem”, argumenta. Isto porque naquela hora começou a chover e os fogos de artifício foram estourados no mesmo momento. Nisso, o povão do lado de fora quis correr pra dentro do pavilhão pra se proteger da chuva, e quem tava do lado de dentro escutou os fogos e quis sair pra acompanhar o show de luzes.



O resultado foi um baita empurra-empurra, que preocupou a equipe de segurança e a organização do evento. Pela versão de Gazaniga, o pessoal da secretaria de Comunicação conversou com a produtora da cantora pra mandar parar o show, alegando falta de segurança.

A solicitação, segundo ele, não foi atendida mesmo após inúmeros pedidos. Foi aí que ele decidiu dar fim à apresentação cortando o som antes de Giana ter a chance de se despedir do público. “Prefiro perder um minuto do que perder uma vida e pagar pro resto da vida um pecado que iria cometer por omissão”, faz questão de dizer Gazanica.

A versão da produtora da cantora, Cláudia Lima, é bem diferente. Ela garante que em nenhum momento foi tocado no assunto de segurança e que não houve nenhum pedido pra que o show fosse encerrado antecipadamente. Claudia diz que chegou a procurar a organização do evento quando ouviu os fogos de artifício, para saber se precisariam finalizar o show para a entrada do Papai Noel, mas a resposta teria sido negativa.


“Quando voltei, seu Amílcar já estava em cima do palco. Eu pedi pra ele que ele aguardasse que finalizassem aquela parte da apresentação, mas ele gritou muito”, conta. “Eu fiz sinal pra Giana encerrar, mas nem deu tempo, porque ele cortou o som”, afirma.

  • Veja alguns desabafos das redes sociais

Valéria de Oliveira

Atriz e professora da Univali


“Este ocorrido fere artistas que possuem anos de carreira e carregam o nome de Itajaí em diversos lugares. Entretanto, não me surpreende a atitude tomada ao longo do show na regata, tendo em vista que vivemos em uma cidade sem política cultural definida”

Charles Augusto

Ator/palhaço e diretor artístico


“Tirar o som de Giana Cervi e banda é matar afogado nos mares do mundo o “amor de Itajaí. Uma desgraçada aventura!”

Gabriela Domingos

Coordenadora de desenvolvimento de produto


“Nunca em toda minha vida eu tinha visto ou ouvido falar de tamanho desrespeito com a classe artística”

Diego Simas

Cantor, compositor e violonista

“Não importa de onde somos, somos muitos, tô contigo e não abro, morena!”

Penelope Junckes

Pedagoga

“O que custava deixar que tocassem os segundinhos restantes da última música, como haviam anunciado? Por que aquela baixaria? E depois soltar aquela mensagem toda emotiva de Natal quando acabaram de agir com tamanha brutalidade? Me poupe dessas demagogias. Nada justifica tal ação tão desprezível, absurda, sem sentido. Foi feio”




Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×






18.204.56.185

Últimas notícias

ITAJAÍ

Trecho do molhe teve asfalto destruído e deve passar por recuperação

Famosa

Vidente prevê “catástrofe”, destruição total de Balneário e os números da Mega-Sena

CULTURA

Feira Literária de Penha vende livros a partir de R$ 1 

Destaque internacional

Semasa vai apresentar case de sucesso na Dinamarca

BALNEÁRIO

Motorista de aplicativo é preso por tentar matar homem a facadas

BALNEÁRIO

Dono de quitinete encontra o inquilino assassinado

Santa Catarina

Itajaiense vítima de feminicídio é homenageada em programa de proteção à mulher

Festão

Festival da cerveja de Gaspar terá mais de 50 rótulos

SANTA CATARINA

Imóveis residenciais vão pagar cerca de 8% a mais na conta de luz

Olho no bolso

Conta de luz terá aumento de 11,3% em Santa Catarina



Colunistas

JotaCê

Pavan brigou com Amin e fechou com Moisés

Coluna Esplanada

Mão amiga

Canal 1

Alta cúpula do SBT tem encontro com presidente da CBF

Coluna do Janio

Elenco quase formado

Coluna Exitus na Política

O lixo

Jackie Rosa

Família Pereira comemora boa fase do grupo Fort

Clique diário

Itajaí vista do alto

Instituto Ion | Informando e Inovando

Inovação da tecnologia

Na Rede

Se liga nas matérias que foram destaque nas redes do DIARINHO

Via Streaming

“Westworld”

Gente & Notícia

Lançamento da Absoluta no Iate Clube Cabeçudas

Vinicius Lummertz

Santa Catarina: as melhores cidades, PIB nas alturas. Por quê?

Coluna do Ton

Festinha

Coluna Fato&Comentário

Antonico Ramos e o sonho do vigia

Artigos

Cenas para mudar o cenário

Coluna Tema Livre

Não é fácil ser mulher



TV DIARINHO


Na noite desta terça-feira um jovem de 23 anos foi esfaqueado na avenida Brasil, no centro de Balneário ...



Podcast

Minuto DIARINHO - 16/08/2022

Publicado 16/08/2022 16:44



Especiais

ENTREVISTA

Duda Salabert “Quando uma travesti é eleita, a sociedade inteira avança”

Brasil

Quem está destruindo as unidades de conservação do cerrado

Saúde

Salsicha, hambúrguer e nugget: pesquisa identifica agrotóxicos em alimentos

famoso

Garçom há 30 anos, Claudinho ama BC

Diversidade religiosa

Mestre Marne quebrou tabus para defender a fé nos orixás



Blogs

A bordo do esporte

Lars Grael tenta mais um título Brasileiro de Star neste fim de semana

Blog do JC

Chefe de Gabinete afirma que tá de boa com prefeito

Blog da Ale Francoise

Tá com tosse aí?

Blog Doutor Multas

Bafômetro pega vape: verdade ou mito? Entenda de uma vez por todas

Blog do Ton

Blumenau ganhará o primeiro lounge bar em formato rooftop

Blog Clique Diário

Pirâmides Sagradas - Grão Pará SC I

Bastidores

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado

Blog da Jackie

BALNEÁRIO FASHIOW foi SHOW



Entrevistão

Douglas Costa Beber

"Somos a cidade mais saneada de Santa Catarina e uma das mais saneadas do Brasil”

Gabriela Kelm do Nascimento

“A maioria entende que o calçadão da Hercílio Luz deve permanecer porque foi um ganho para a cidade ”

Normélio Weber

"O Hermeto Pascoal vai estar ali. O Toquinho vai estar aqui. O Brasileirão, de Curitiba... Vai estar Chico César...”

Cláudio Werner

“O nosso clube é um formador de atleta olímpico”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯








Jornal Diarinho© 2022 - Todos os direitos reservados.
Mantido por Hoje.App Marketing e Inovação