Matérias | Especial


ALERTA

Itajaí, Ilhota e Porto Belo lideram ‘ranking’ de moradores vivendo em áreas de risco

Nota técnica do Governo Federal reforça o alerta para as cidades do litoral com moradores expostos a deslizamentos e alagamentos

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]

Itajaí tem 7642 pessoas vivendo em casas que ficam em áreas vulneráveis
(foto: divulgação)
Itajaí tem 7642 pessoas vivendo em casas que ficam em áreas vulneráveis (foto: divulgação)


Itajaí é a cidade da região com maior número de pessoas expostas a riscos de desastres climáticos como deslizamentos de terra, enxurradas e alagamentos. Luiz Alves e Balneário Camboriú contrastam com esse cenário, sendo as menos expostas.


A informação foi publicada na nota técnica da Defesa Civil e do Governo Federal sobre os municípios brasileiros expostos a situações de risco. Itajaí tem 7642 pessoas vivendo em áreas ...

 

Já possui cadastro? Faça seu login aqui.

OU

Quer continuar lendo essa e outras notícias na faixa?
Faça seu cadastro agora mesmo e tenha acesso a
10 notícias gratuitas por mês.

Cadastre-se aqui



Bora ler todas as notícias e ainda compartilhar
as melhores matérias com sua família e amigos?

Assine agora mesmo!


A informação foi publicada na nota técnica da Defesa Civil e do Governo Federal sobre os municípios brasileiros expostos a situações de risco. Itajaí tem 7642 pessoas vivendo em áreas suscetíveis aos desastres, enquanto na outra ponta estão Luiz Alves, com 68 moradores em locais de risco, e Balneário Camboriú com 804 pessoas.



O ranking ainda tem outros números preocupantes. Em segundo lugar vem Ilhota, com 6085 dos seus 17.046 moradores vulneráveis e em terceiro Porto Belo, com 4439, seguido de Barra Velha, com 2392. A quinta colocação é de Navegantes, com 2059.

Proporcionalmente, levando em conta o total de habitantes das cidades da Foz do Rio Itajaí-açu (e acrescentando Barra Velha, que está na foz do Rio Itapocu), a cidade mais exposta é Ilhota, que possui 1/3 da população em áreas perigosas.


O estudo do Governo Federal aponta ainda os riscos de outros 203 municípios catarinenses e, na região, traz os números de moradores vulneráveis em Balneário Camboriú, Itapema, Bombinhas, Penha, Balneário Barra do Sul e Piçarras.

O estudo não é novo, segundo o professor e gestor de riscos e desastres Elton Cunha. “O estudo já é de conhecimento das prefeituras há anos; esse mais recente, entretanto, é o que vem já com as populações de acordo com o novo censo do IBGE”, observa Cunha, que durante 12 anos atuou à frente da Defesa Civil de Barra Velha e atualmente é consultor e professor na Grande Florianópolis.


Elton ainda considera que o contingente de pessoas ameaçadas se amplia devido ao fato de o trajeto entre Itajaí e Barra Velha, por exemplo, estar inserido em duas bacias hidrográficas – a foz do Itajaí-açu e a foz do Itapocu.

O levantamento publicado em abril refez a metodologia até então adotada, adicionando mais critérios e novas bases de dados, o que ampliou em 136% o número dos municípios considerados suscetíveis a desastres. Em 2012, o governo tinha mapeado 821 cidades em risco desse tipo – dados também atestados pela Agência Pública e publicados no DIARINHO, mostrando que 75% das cidades brasileiras estão em risco.

“As cidades da região sempre estiveram nessa lista, porque a região como um todo é uma bacia considerável entre os rios Itajaí e Itapocu. Ninguém pode dar a  desculpa de que não sabia, caso um evento climático extremo aconteça”, avisa Elton.

O levantamento foi feito em razão das obras previstas para o novo Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), que prevê investimentos em infraestrutura em todo o país. O estudo atesta a intensificação das mudanças do clima provocadas pela ação humana no meio ambiente, a exemplo do que ocorre no Rio Grande do Sul.

As áreas dessas 1,9 mil cidades consideradas em risco concentram mais de 8,9 milhões de brasileiros. Em SC, nas 207 cidades em risco, o volume populacional mapeado é de 7%. A Bahia (com 17,3%), é o estado com maior número de habitantes ameaçados.  A nota técnica faz uma série de recomendações para minimizar os danos futuros, como a ampliação do monitoramento e sistemas de alerta para riscos de inundações. 


 

Cidades não podem ‘copiar e colar’ leis e plano diretor, alerta especialista

Elton Cunha, especialista em Defesa Civil: Bacias do Itapocu e Itajaí-açu expõem mais as cidades (foto: divulgação)
Elton Cunha, especialista em Defesa Civil: Bacias do Itapocu e Itajaí-açu expõem mais as cidades (foto: divulgação)

 

Diante destes números, Elton Cunha orienta que estratégias precisam ser adotadas em curto, médio e longo prazo. “É preciso planejar; cada cidade ter um plano diretor condizente com as necessidades e não apenas atender a interesses econômicos”, completa.

O plano de drenagem urbana também precisa ser atualizado, ampliado e “tirado do papel”, segundo Elton – e com originalidade, para evitar o caso das muitas cidades que “copiam e colam” a legislação.


“Tem que trazer a universidade, os pesquisadores para junto da comunidade, porque por vezes podem surgir bons projetos e a baixo custo. E precisamos de legislação rígida, para dar oportunidades de habitação e eliminar áreas de risco, além de proteger as margens de rios”, acrescenta.

“Cada cidade precisa de concurso público para agentes de defesa com formação, e essas políticas públicas têm que envolver a sociedade. Uma cidade preparada para desastres tem recuperação muito mais rápida”, finaliza.

 

CIDADES AMEAÇADAS

RANKING REGIONAL

CIDADE

POPULAÇÃO TOTAL

POPULAÇÃO VULNERÁVEL

%

Ilhota

17.046

6085

35.70%

Porto Belo

27.658

4439

16.05%

Balneário Piçarras

27.127

1708

6.30%

Barra Velha

45.361

2392

5.27%

Penha

33.663

1415

4.20%

Itajaí

264.054

7642

2.89%

Bombinhas

25.058

657

2.62%

Navegantes

86.401

2059

2.38%

Itapema

75.940

796

1.05%

Balneário Camboriú

139.155

804

0.58%

Luiz Alves

11.684

68

0.58%




Comentários:

Luciano Kneip Zucchi

31/05/2024 22:36

Pois é, e ainda ''tem coragem'' em defender projeto, que ''DESFEDERALIZA'' o litoral, imaginem o que pode acontecer, literalmente ''TUDO DE RUIM''. Tudo por interesses mesquinhos, individuais, ''nojentos''. O velho senador Amim, quer manchar ainda mais a sua trajetória, que nesses últimos anos o vinculou a uma figura execrável. Senador, te restam poucos anos, mas a História não perdoará seu nome, que ficará, e pode ter certeza, essa onda que aprisiona os ''incautos e os sem moral'', passará. Nossos jovens são melhores que isso!! Todo adorador da besta brasileira, tem filhos em casa que se envergonham disso. Prof. Dr. Luciano Zucchi.

João Guilherme Cunha

29/05/2024 09:37

"O levantamento "refez a metodologia até então adotada", adicionando "mais critérios e novas bases de dados", mostrando que 75% das cidades brasileiras estão em risco". Com a manutenção do Veto 46 e a necessidade de aprovar o PL das "mudanças climáticas" a matéria é "palanque". De forma simples, bora corresponsabilizar quem autorizou ou permitiu por negligência tais ocupações?

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Clique aqui para fazer o seu cadastro.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.

Entre em contato com a redação ❯
WhatsAPP DIARINHO

Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×






44.192.48.196

Últimas notícias

Penha inaugura primeira Estação de Tratamento de Esgoto

CONQUISTA

Penha inaugura primeira Estação de Tratamento de Esgoto

Final de semana será de tempo firme na região

Solzão

Final de semana será de tempo firme na região

Aluno cego é esquecido por quatro horas em ônibus na frente da Apae

ITAJAÍ

Aluno cego é esquecido por quatro horas em ônibus na frente da Apae

Morre menino Bernardo, vítima da explosão em oficina de motos

TRISTEZA

Morre menino Bernardo, vítima da explosão em oficina de motos

Moradores bloqueiam rua contra caminhões pesados na Colônia Japonesa

Itajaí

Moradores bloqueiam rua contra caminhões pesados na Colônia Japonesa

Parte alta da Osvaldo Reis abrigará um hotel boutique

ITAJAÍ

Parte alta da Osvaldo Reis abrigará um hotel boutique

Maratona de inovação social movimenta Elume no final de semana

ITAJAÍ

Maratona de inovação social movimenta Elume no final de semana

Barra encara o Avenida em casa pela Série D

Hora de reagir

Barra encara o Avenida em casa pela Série D

Criciúma pega o embalado Bahia no Heriberto Hülse

Futebol

Criciúma pega o embalado Bahia no Heriberto Hülse

Camboriú visita o Metropolitano em Ibirama

Segundona

Camboriú visita o Metropolitano em Ibirama



Colunistas

Festerê família Silva e Sodré

Jackie Rosa

Festerê família Silva e Sodré

60 anos da Univali

JotaCê

60 anos da Univali

Colégio Catarinense 5

Histórias que eu conto

Colégio Catarinense 5

Artigos

Nos 164 anos de Itajaí, as pontes são para o futuro

Coluna Esplanada

Memória

Coluna Fato&Comentário

Itajaí: 164 anos de município, não de fundação

“Pose”

Via Streaming

“Pose”

O dinheiro te serve ou você serve o dinheiro?

Diário do Investidor

O dinheiro te serve ou você serve o dinheiro?

Ideal Mente

Você tem fome de quê?

Como o tempo de trabalho rural pode beneficiar sua aposentadoria

Direito na mão

Como o tempo de trabalho rural pode beneficiar sua aposentadoria

O busão voltou

Show de Bola

O busão voltou

Explosão na oficina de motos, catarinense no leilão do Neymar e mais: o que bombou nas redes do DIARINHO

Na Rede

Explosão na oficina de motos, catarinense no leilão do Neymar e mais: o que bombou nas redes do DIARINHO

Niver da Candice

Coluna do Ton

Niver da Candice

Cansado das mesmas coisas na empresa, é hora de mudar?

Mundo Corporativo

Cansado das mesmas coisas na empresa, é hora de mudar?

Coluna Exitus na Política

O CHARME DA POLÍTICA: IGUALDADE E LIBERDADE [1]

Níver da Margot

Gente & Notícia

Níver da Margot

“O mar, quando quebra na praia”

Foto do Dia

“O mar, quando quebra na praia”

Coluna Existir e Resistir

Designação geral sobre o fim do mundo



TV DIARINHO






Especiais

 Marcha para Jesus se tornou um terreno político em disputa

BRASIL

Marcha para Jesus se tornou um terreno político em disputa

Confira 10 dicas para curtir Itajaí no feriado

15 de junho

Confira 10 dicas para curtir Itajaí no feriado

10 edifícios recomendados como um ótimo investimento

LUXO É VIVER BEM

10 edifícios recomendados como um ótimo investimento

Costa itajaiense coleciona casos de naufrágios

Desde o século 19

Costa itajaiense coleciona casos de naufrágios

Sapataria artesanal é um negócio de família 

Tradição

Sapataria artesanal é um negócio de família 



Blogs

Fábio Negão, joga merda no ventilador

Blog do JC

Fábio Negão, joga merda no ventilador

VelaShow abre quarta edição

A bordo do esporte

VelaShow abre quarta edição

Chinelagem chic

Blog da Jackie

Chinelagem chic

A pílula da felicidade

Blog da Ale Francoise

A pílula da felicidade

Amitti Móveis inaugura loja em Balneário Camboriú

Blog do Ton

Amitti Móveis inaugura loja em Balneário Camboriú

Warung reabre famoso pistão, destruído por incêndio, com Vintage Culture em março

Gente & Notícia

Warung reabre famoso pistão, destruído por incêndio, com Vintage Culture em março

Como parcelar o IPVA de forma rápida e segura

Blog Doutor Multas

Como parcelar o IPVA de forma rápida e segura

Pirâmides Sagradas - Grão Pará SC I

Blog Clique Diário

Pirâmides Sagradas - Grão Pará SC I

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado

Bastidores

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado



Entrevistão

"Houve um racha de parte do União Brasil com parte do MDB”

Márcio Dedé

"Houve um racha de parte do União Brasil com parte do MDB”

“Este muro imaginário de [BC] rica e [Camboriú] pobre que tem que acabar”

LEONEL PAVAN

“Este muro imaginário de [BC] rica e [Camboriú] pobre que tem que acabar”

"No momento que eu implanto o pronto-socorro dentro de uma das alas do Ruth, eu resolvo atender o ser humano e não comprovante de residência e título de eleitor”

Edson Piriquito

"No momento que eu implanto o pronto-socorro dentro de uma das alas do Ruth, eu resolvo atender o ser humano e não comprovante de residência e título de eleitor”

"Balneário Camboriú não precisa de capitão, fantoches, seres iluminados, ungidos. Precisa de pessoas comprometidas com a democracia”

Marisa Zanoni Fernandes

"Balneário Camboriú não precisa de capitão, fantoches, seres iluminados, ungidos. Precisa de pessoas comprometidas com a democracia”



Hoje nas bancas

Capa de hoje
Folheie o jornal aqui ❯






MAILING LIST

Cadastre-se aqui para receber notícias do DIARINHO por e-mail

Jornal Diarinho© 2024 - Todos os direitos reservados.
Mantido por Hoje.App Marketing e Inovação