Matérias | Polícia


Esquemão

PF desbanca fraude bilionária de pirâmide

Golpistas que comandavam o esquema são irmãos e levavam vida de ostentação na região de Balneário Camboriú

Franciele Marcon [fran@diarinho.com.br]

Justiça mandou bloquear R$ 400 milhões em bens


Operação da Polícia Federal investiga um esquema de pirâmide financeira a partir de instituições e agentes do mercado de capitais que atuavam ilegalmente. A fraude envolve três irmãos, dois homens e uma mulher, que atuavam na famosa via de investimentos de São Paulo, a Faria Lima, mas tinham apartamentos e escritórios em Balneário Camboriú, cidade onde integrantes da família ainda moravam e onde todo o esquema começou.

Entre os 28 mandados de busca e apreensão, nove foram cumpridos em BC – um deles na avenida Atlântica, onde mora C. B.M. Ela não foi presa. Já os seus irmãos, chefes do esquema, C.M.M. e G.B.M., foram encontrados em BC e São Paulo.  Eles  responderão em liberdade, usando tornozeleira eletrônica segundo a decisão judicial. Outros nove investigados tiveram medidas impostas pela justiça federal.

A empresa investigada é a MK Intermediações de Negócios, que começou sua atuação em BC, mas logo expandiu a operação para Curitiba (PR) e São Paulo (SP). São investigadas mais de 50 empresas ...

 

Já possui cadastro? Faça seu login aqui.

Quer continuar lendo essa e outras notícias na faixa?
Faça seu cadastro agora mesmo e tenha acesso a
10 notícias gratuitas por mês.

Cadastre-se aqui



Bora ler todas as notícias e ainda compartilhar
as melhores matérias com sua família e amigos?

Assine agora mesmo!


Entre os 28 mandados de busca e apreensão, nove foram cumpridos em BC – um deles na avenida Atlântica, onde mora C. B.M. Ela não foi presa. Já os seus irmãos, chefes do esquema, C.M.M. e G.B.M., foram encontrados em BC e São Paulo.  Eles  responderão em liberdade, usando tornozeleira eletrônica segundo a decisão judicial. Outros nove investigados tiveram medidas impostas pela justiça federal.

A empresa investigada é a MK Intermediações de Negócios, que começou sua atuação em BC, mas logo expandiu a operação para Curitiba (PR) e São Paulo (SP). São investigadas mais de 50 empresas. Foi determinado ainda o bloqueio e sequestro de aproximadamente R$ 400 milhões em bens, sendo 473 imóveis, 10 embarcações, uma aeronave, 40 veículos de luxo, mais de 111 contas bancárias e três fundos de investimento.



 

A fraude


O esquema era baseado em uma distribuidora de títulos e valores mobiliários que captou mais de R$ 1 bilhão com sete mil investidores do Brasil e do exterior. O grupo oferecia serviços de investimentos em fundos e criptomoedas sem ter autorização dos órgãos de controle.

A partir dessa captação bilionária de grana alheia, o dinheiro rodava diversas contas para ser “lavado”. O rastreamento da polícia mostrou que a grana passava por uma “centrifugação de dinheiro”, com fracionamento dos valores.

As investigações identificaram investimentos no tráfico de drogas, em crimes contra o sistema financeiro nacional e centenas  de fraudes empresariais e fiscais.

Até um jato da quadrilha foi apreendido

Jato estava em aeroporto de Curitiba (foto: divulgação)
Jato estava em aeroporto de Curitiba (foto: divulgação)

 


Os três irmãos que chefiavam o esquema levavam uma vida de ostentação – vivendo em apartamentos caros, andando em carrões importados, curtindo passeios em lanchas  potentes e até com um jato disponível na frota.

A MK Intermediações e Negócios tinha dois escritórios em BC – ambos no centro da cidade. Os dois locais foram alvo de buscas da PF esta semana.

Os irmãos C. e G. tiveram os apartamentos revistados. Uma ordem judicial foi cumprida no apartamento de C. na avenida Atlântica, e outra no de G. no centro de BC. Já C. foi localizado pela PF em São Paulo.

A irmã C., além de sofrer varredura da PF no apê avenida Atlântica, teve ordens judiciais cumpridas em um condomínio onde possui casa .


Em BC, ainda houve três ordens judiciais cumpridas na rua 4600, na rua 3110 e na rua 902. Os três endereços são de pessoas envolvidas no esquema.

Em Palhoça, na Grande Floripa, uma das ordens judiciais foi cumprida no bairro Parque Pedra Branca, um dos primeiros projetados do Brasil. Outras ordens judiciais foram cumpridas em apartamentos da cidade.

Com o esquema que movimentou mais de R$ 1 bilhão, a justiça determinou o sequestro de R$ 400 milhões em bens. Entre as apreensões, além de 473 imóveis, teve um jato apreendido no aeroporto de Bacacheri, em Curitiba (PR).

Também houve a apreensão de 40 carros de luxo, entre Mercedes Benz, Porsche, Ferrari e Audi. Dez embarcações,  mais de 111 contas bancárias e três fundos de investimentos foram bloqueados. O saldão da apreensão na operação ainda não foi divulgado.

 


Esquemão começou em BC

As investigações da PF começaram em 2020,  em Balneário Camboriú, seguiram para Curitiba (PR), passando para o centro financeiro do Brasil que é São Paulo.

Os investigados responderão pelos crimes de lavagem de dinheiro, organização criminosa e crimes contra o sistema financeiro nacional, dentre eles fazer operar instituição financeira sem autorização, oferta irregular de valor mobiliário e exercício ilegal de assessoria de investimento.




Comentários:

JULIO CESAR LEME DA SILVA

29/11/2023 19:35

Acho um absurdo divulgar o nome das pessoas sem sequer haja ainda condenação. Daqui um tempo são inocentados e dai o nome das pessoas foi para o buraco. Onde estão as pessoas que foram lesadas?

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×






100.26.196.222

Últimas notícias

ITAJAÍ

Lei que obriga uso de sacolas ecológicas aguarda regulamentação

queridinhos

Carros da Fiat são os mais procurados para aluguel

ITAJAÍ

Vereadora e mais quatro são condenados por fraudes à licitação

Final de semana

BC Fight Week tem ingressos esgotados

Vale muito

Barra recebe o Hercílio Luz em confronto direto por classificação

Catarinense

Marinheiro encara o Brusque em Balneário Camboriú

ITAJAÍ

Vereador tira da pauta projeto que queria mudar o nome da Praça dos Correios

TRISTEZA

Empresário morre ao cair de prédio em Itapema

SE LIGA!

Cruzeiro aposta em grandes nomes para esta temporada; confira elenco do time

GIRO DA ECONOMIA

Governo do estado libera terceira operação de crédito para empréstimo de até R$ 5 mil



Colunistas

Histórias que eu conto

Anos cinquenta II

Coluna do Ton

Giro pelo mundo

JotaCê

Vereadora mandou colega praquele lugar

Via Streaming

Neurônios em ação

Coluna Esplanada

Imortalidade em risco

Gente & Notícia

Dupla de estrelas

Ideal Mente

Precipitação

Direito na mão

Planejamento previdenciário: ponto a ponto

Coluna Exitus na Política

O TEMPO DA INDETERMINAÇÃO

Empreender

Balneário Camboriú no radar dos investimentos norte-americanos

Na Rede

Se liga nas notícias que bombaram nas redes do DIARINHO

Jackie Rosa

Ai que calor!

Artigos

O novo Plano Diretor de Itajaí só tem vencedores

Coluna Existir e Resistir

United Colors Sarará

Foto do Dia

A ver navios

Show de Bola

Grande campanha

Clique diário

Tesouro

Coluna Fato&Comentário

O Porto é nosso?



TV DIARINHO


O projeto que obriga o uso de sacos e sacolas ecológicas no lugar de sacos de lixo e sacolas plásticas ...





Especiais

Caso Ilha de Marajó

Vereadora de Navegantes está entre os políticos que impulsionaram fake news sobre exploração sexual infantil

TURISMO

Japaratinga: vale a pena se hospedar no melhor resort do Brasil?

VIAGEM NO TEMPO

Museu do Carro traz nostalgia e diversão sobre o universo automotivo

NOVOS TEMPOS

SC é pioneira na promoção da mobilidade elétrica

PLANEJAMENTO URBANO

Camboriú vai investir mais de R$ 60 milhões em mobilidade



Blogs

Blog do JC

Mudou

A bordo do esporte

Thiago Pereira e Swim Floripa levam Troféu José Finkel para Floripa

Blog da Jackie

Verão, calor, quentura e mormaço

Gente & Notícia

Warung reabre famoso pistão, destruído por incêndio, com Vintage Culture em março

Blog da Ale Francoise

Intestino preso, use todos os dias

Blog do Ton

Medicina Estética

Blog Doutor Multas

Como parcelar o IPVA de forma rápida e segura

Blog Clique Diário

Pirâmides Sagradas - Grão Pará SC I

Bastidores

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado



Entrevistão

Entrevistão Adão Paulo Ferreira

"Porto sozinho não serve para nada. Ele precisa ter navios, linhas"

Irmã Simone

"Aqui nós atendemos 93% SUS”

Eduardo Rodrigues Lima

"A Marinha já fez 27 mil abordagens a embarcações no Brasil inteiro”

Edison d’Ávila

"O DIARINHO serve como uma chamada à consciência da cidade”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯








MAILING LIST

Cadastre-se aqui para receber notícias do DIARINHO por e-mail

Jornal Diarinho© 2024 - Todos os direitos reservados.
Mantido por Hoje.App Marketing e Inovação