Matérias | Geral


BALNEÁRIO CAMBORIÚ

Clube flutuante é arrastado para o mar, fica à deriva e naufraga

Estrutura afundou perto da Ilha das Cabras; donos prometem reconstrução. Marinha abriu inquérito pra apurar naufrágio

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]

Plataforma de R$ 7 milhões estava ancorada no rio Camboriú; estrutura ficou à deriva até afundar totalmente na praia central de Balneário Camboriú (foto: reprodução)



Atingida por ventos de mais de 100 km/h, a estrutura do clube flutuante Dejour, que estava ancorada no rio Camboriú, foi arrastada para o mar, ficou à deriva e naufragou perto da Ilha das Cabras nessa quarta-feira. A atração ainda seria inaugurada em Balneário Camboriú. Os investimentos na boate chegam à cifra de R$ 7 milhões. Em nota oficial da delegacia da Capitania dos Portos em Itajaí, a Marinha do Brasil confirmou o naufrágio e informou a abertura de um inquérito pra investigar o caso.

Conforme a capitania, uma equipe de Inspeção Naval foi mandada para o local pra coletar dados e informações sobre o naufrágio. “Cabe salientar que não há indícios de existência de vítimas ...

 

Já possui cadastro? Faça seu login aqui.

Quer continuar lendo essa e outras notícias na faixa?
Faça seu cadastro agora mesmo e tenha acesso a
10 notícias gratuitas por mês.

Cadastre-se aqui



Bora ler todas as notícias e ainda compartilhar
as melhores matérias com sua família e amigos?

Assine agora mesmo!


Conforme a capitania, uma equipe de Inspeção Naval foi mandada para o local pra coletar dados e informações sobre o naufrágio. “Cabe salientar que não há indícios de existência de vítimas ou de poluição hídrica por parte da estrutura flutuante”, adiantou o órgão. Um alerta seria emitido às embarcações na costa sobre a segurança da navegação, que poderia ser comprometida em decorrência dos destroços à deriva da estrutura.

Partes destruídas da plataforma foram parar na orla e apareceram jogadas contra as rochas no costão da praia do Buraco, na barra Norte. A estrutura flutuante estava ancorada na margem direita do rio Camboriú, no bairro da Barra, mas se desprendeu com os fortes ventos e foi arrastada para o mar.



Houve tentativas de resgate feitas por outras embarcações ainda pela manhã, inclusive com apoio do Barco Pirata, mas as ondas e os ventos fortes prejudicaram o salvamento. A estrutura estava 100% concluída e seria inaugurada em setembro. A plataforma seria rebocada do rio para o local de funcionamento na Barra Sul, a cerca de 250 metros da areia da praia Central.

Prejuízo de milhões; clube não tinha seguro

Destroços foram parar na barra Norte de BC

Destroços foram parar na barra Norte de BC


 

A investigação da Marinha sobre as causas e circunstância do acidente tem previsão de conclusão em 90 dias. Depois, o caso será encaminhado ao Tribunal Marítimo. Conforme nota da assessoria do empreendimento, a plataforma estava totalmente abrigada, em águas calmas, às margens do rio Camboriú, no lado do bairro da Barra, ancorada com correntes e poitas.

“Estávamos esperando o período da pesca da tainha passar para deslocar a estrutura para o local certo na Barra Sul, e colocar todas as poitas previstas. Em nosso plano de fundeio estão previstas 16 poitas de cinco toneladas cada uma. Estas poitas só poderiam ser instaladas no local correto onde a plataforma funcionaria em definitivo”, informa Lucas Araújo, um dos sócios do clube. A estrutura ainda não tinha seguro, o que só seria poderia ser feito após a abertura da atração, segundo a assessoria. Cerca de R$ 7 milhões tinham sido investidos no empreendimento.

Os profissionais envolvidos no projeto informaram que, que com todas as poitas instaladas no seu devido local, segundo os planos de engenharia náutica, a plataforma suportaria até ventos maiores. No plano de funcionamento também era previsto que, em dias com ventos fortes, a plataforma não abriria ao público.

Os empreendedores estão ativando um plano de resgate pra reconstrução do flutuante. A plataforma iniciou a construção no ano passado e teve a estrutura finalizadaem julho. O empreendimento seria o primeiro clube flutuante e itinerante no mundo, numa estrutura de 950 m² e capacidade para receber 700 pessoas, com espaços de lazer, entretenimento e música. Após a estreia em Balneário Camboriú, o clube já tinha proposta de ir pra outras cidades do país.


 

Foram anos de trabalho duro, dedicação e uso de nossos recursos. Mas como brasileiros, não desistiremos! Voltaremos com um plano de reconstrução”.  Álvaro Garnero, Reinaldo Oliveira, Lucas Araújo e Marlon Cristiano, sócios

 




Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×






100.25.42.211

Últimas notícias

DENÚNCIA

Fábrica de farinha de peixe volta a poluir bairro

Fique ligado

Confira as orientações, regras e serviços para o dia da eleição

ITAJAÍ

Copa internacional de tênis começa no Itamirim

ILHOTA

Motorista capota carro roubado no rio

Atletismo

Atleta de BC é prata no Sul-Americano de atletismo

Série A

Avaí tenta recuperação no Brasileirão contra o vice-lanterna

Série C

Atlético Itajaí faz confronto direto em Imbituba

Agenda

Confira a agenda deste final de semana

MEIA PRAIA 

Motociclista mata idoso atropelado na faixa

Prata da casa

Camboriú está com inscrições abertas para o maior torneio de pádel feminino do Brasil



Colunistas

JotaCê

Vela a vários Santos

Coluna do Ton

Reis da make

Na Rede

Se liga no que foi destaque nas redes sociais do DIARINHO nesta semana

Via Streaming

“O Psicopata Americano”

Coluna Fato&Comentário

Aprender português com quem sabia

Coluna Esplanada

Nogueira acredita

Vinicius Lummertz

SC do futuro: o voto responsável no domingo

Canal 1

Existem diferenças naturais entre a Pantanal do passado e a de agora

Clique diário

Essência da cidade

Gente & Notícia

No clima das festas de outubro

Direito na mão

INSS convoca segurados para novo “pente-fino”: aposentadorias, auxílios e benefícios por incapacidade estão na mira de corte

Coluna Exitus na Política

A órbita eleitoral

Jackie Rosa

Show de Armando

Coluna do Janio

Aposta alta

Artigos

Marco do sesquicentenário do município destruído

Instituto Ion | Informando e Inovando

Um ano de Informando e Inovando

Coluna Tema Livre

Cuidado com os candidatos



TV DIARINHO


Oba! Faltam só 6 dias pra maior festa do pescado do Brasil! Vem aí a Marejada! #marejada #itajai #santacatarina ...



Podcast

Minuto DIARINHO - 30/09/2022

Publicado 30/09/2022 15:40



Especiais

Fique ligado

Confira as orientações, regras e serviços para o dia da eleição

ENTREVISTA

“Já atingimos ponto de não retorno” em algumas regiões da Amazônia, diz pesquisadora

ELEIÇÕES 2022

Partidos em Santa Catarina receberam quase R$ 194 milhões

ELEIÇÕES 2022

Confira quanto cada candidato da região recebeu do fundão eleitoral

Pesquisa DIARINHO

Preço da carne pode variar até 145%



Blogs

A bordo do esporte

Vela estreia nos Jogos Sul-Americanos no domingo (2)

Blog do JC

Eleições

Blog do Ton

Zezé Di Camargo & Luciano aterrissam em outubro no Expocentro BC

Blog Doutor Multas

5 golpes comuns que você deve ficar atento ao comprar um carro

Blog da Jackie

Spring Party

Blog da Ale Francoise

Tá com tosse aí?

Blog Clique Diário

Pirâmides Sagradas - Grão Pará SC I

Bastidores

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado



Entrevistão

Jorge Boeira

“A saúde de Santa Catarina está esperando vaga na UTI”

Esperidião Amin

"Eu não quero colocar o Bolsonaro dentro da minha gaiola - que é o que alguns querem, ser o dono do Bolsonaro. Já foram até repreendidos por isso”

Décio Nery de Lima

"Vou retomar os investimentos que o Bolsonaro negou para Santa Catarina”

Jorginho Mello

"O candidato do presidente Bolsonaro é o Jorginho Mello”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯








Jornal Diarinho© 2022 - Todos os direitos reservados.
Mantido por Hoje.App Marketing e Inovação