Matérias | Geral


IBGE

Pesquisa mostra crescimento no setor de serviços em SC

Levantamento aponta faturamento de R$ 82,5 bilhões, em 2019, quase 12% a mais que em 2018

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]

Transportes, atividades de entregas e serviços profissionais puxaram resultado (foto: da redação)

A pesquisa Anual de Serviços (PAS) 2019, divulgada na semana passada pelo IBGE, com dados consolidados de sete segmentos de serviços, mostra que o setor faturou R$ 82,5 bilhões em 2019. O valor bruto representa o sexto melhor resultado do país e um crescimento de 11,6% em relação a 2018, o que significa R$ 8,6 bilhões a mais de receita de um ano para outro.

Conforme a pesquisa, de 2010 para 2019, Santa Catarina aumentou em quase 1% a participação no total nacional de receita bruta de serviços, passando da 7ª para a 6ª posição no ranking, que segue liderado por São Paulo. Os dados mostram o crescimento do setor no estado, que se manteve em alta, mesmo durante a pandemia, conforme os últimos levantamentos do governo estadual.

De acordo com o estudo do IBGE, a participação de Santa Catarina, na região Sul do país, na receita bruta de serviços cresceu, 4% nos últimos dez anos, passando de 23,2%, em 2010, para 27%, em 2019. O índice do estado foi o segundo melhor por região no país. A pesquisa não abrange a receita de empresas de serviços financeiros.



Transportes, serviços auxiliares aos transportes e correio respondem pela maior fatia da receita do setor, com 35,7% do total. O percentual representa R$ 29,5 bilhões, quase três vezes mais que o de 2010. Serviços profissionais, administrativos e complementares respondem por 21,6% do total, seguidos dos serviços de informação (18,8%), outras atividades (3,9%), atividades imobiliárias (2,7%) e manutenção (1,5%).

Em dez anos, o estado ganhou 29 mil empresas atuantes no setor, com o sexto melhor resultado no país. Entre 2018 e 2019, foram oito mil empresas a mais, numa alta de 9,5% no período, o terceiro melhor índice nacional. O segmento de serviços profissionais e administrativos tem a maior participação, em número de empresas no setor, respondendo por 31% do total. O ramo de atividades imobiliárias foi o que mais cresceu na série histórica, com alta de 227%, representando 5,2 mil empresas a mais no setor.

Emprego e renda


As empresas de serviços empregavam 635 mil pessoas no estado, em 2019, num crescimento de quase 50% (211 mil trabalhadores a mais) em relação ao início da década. Entre 2018 e 2019, a alta foi de 6,8% (40 mil pessoas empregadas) no setor, no quarto melhor resultado nacional.

Os empregados do setor, em Santa Catarina, tem o quarto melhor salário médio do país, na casa dos 2,04 salários mínimos, em 2019, superado apenas por Rio de Janeiro, São Paulo e Distrito Federal. Segundo a pesquisa, houve queda na valorização salarial em relação a 2010, quando a média no estado era de 2,1 salários mínimos.

O ramo de serviços de informação e comunicação, que abrange empresas de telecomunicações e serviços de notícias, tem o maior salário médio do setor. Em comparação com os principais segmentos, foi o único a registrar valorização salarial em dez anos. 

Setor segue em alta na pandemia

De acordo com o boletim econômico de agosto, do governo do estado, o setor de serviços em Santa Catarina mantém tendência de crescimento para os próximos meses, e segue, em destaque, entre os estados brasileiros. Em maio, o setor cresceu 2,2%, acima da média nacional, que foi 1,2%. No acumulado do ano, cresceu 15,6%, mais que o dobro da média nacional, de 7,3%.


Em 12 meses, a alta foi de 5,8%, com o estado indo na contramão do país, que registrou retração de 2,2%. Entre os 12 maiores estados produtores de serviços, Santa Catarina teve o maior crescimento nacional, tanto na avaliação pra 2021 quanto no acumulado dos últimos 12 meses, envolvendo o período mais crítico da pandemia.

As maiores altas foram em serviços profissionais e administrativos, que envolvem atividades de escritórios, agenciamento e assessoria. O único segmento, ainda em retração no ano, é o de serviços às famílias, que se refere a atividades de ensino, cultura, esportes, lazer e alimentação. O turismo, que também sofreu queda, teve a segunda menor retração do país em 12 meses.




Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×






3.223.3.251

Últimas notícias

ITAJAÍ 

Caminhão derruba poste e arrebenta fiação de avenidas 

Marejada

Festa celebra a cultura portuguesa e a alegria peixeira

Ivo Silveira

Fiasco: goteiras paralisam partida entre Itajaí Vôlei e Bluvôlei

ITAJAÍ

Rede de academia promete devolver dinheiro recebido

EXPOCENTRO BC

Megafeirão terá mais de mil veículos à venda; premiação é voo de helicóptero

ITAJAÍ

Incêndio detona subprefeitura de Cordeiros; ninguém se feriu

Futsal

Camboriú disputa Taça Brasil de futsal sub-16

TRISTEZA

Vigilante de Camboriú morre vítima de infarto

Vôlei

Brasil vence Porto Rico e ficar perto da classificação no Mundial

Attack Fight

Lutador de Itajaí participa de evento nacional de muay thai



Colunistas

Coluna Esplanada

Senac (DF), de novo

JotaCê

“Prefeito saiu com a crista alta e voltou com o rabo entre as pernas,” diz Paulinho

Clique diário

Vista privilegiada de Itajaí

Canal 1

A Carrascodependência é uma realidade na Globo dos dias atuais

Vinicius Lummertz

SC do futuro: 2º turno deve privilegiar propostas

Gente & Notícia

Hoje tem Miss Brasil

Direito na mão

11 direitos da pessoa com câncer

Coluna do Janio

Cara de Marcílio Dias!

Coluna Exitus na Política

A cara no espelho

Coluna do Ton

Reis da make

Na Rede

Se liga no que foi destaque nas redes sociais do DIARINHO nesta semana

Via Streaming

“O Psicopata Americano”

Coluna Fato&Comentário

Aprender português com quem sabia

Jackie Rosa

Show de Armando

Artigos

Marco do sesquicentenário do município destruído

Instituto Ion | Informando e Inovando

Um ano de Informando e Inovando

Coluna Tema Livre

Cuidado com os candidatos



TV DIARINHO


- Bolsonaro deve vir a BC durante campanha ao segundo turno - É hoje: começa a temporada de festas ...



Podcast

Minuto DIARINHO - 06/10/2022

Publicado 06/10/2022 16:09



Especiais

Brasil

Atingidos por agrotóxicos não conseguem reparação na Justiça, aponta dossiê inédito

OLHO NO CARRINHO

Leite fake: espessantes, gordura vegetal e soro confundem consumidores em busca de preço

Fique ligado

Confira as orientações, regras e serviços para o dia da eleição

ENTREVISTA

“Já atingimos ponto de não retorno” em algumas regiões da Amazônia, diz pesquisadora

ELEIÇÕES 2022

Partidos em Santa Catarina receberam quase R$ 194 milhões



Blogs

A bordo do esporte

Brasil ganha cinco medalhas na vela nos Jogos Sul-Americanos

Blog do JC

Marejada

Blog do Ton

Zezé Di Camargo & Luciano aterrissam em outubro no Expocentro BC

Blog Doutor Multas

5 golpes comuns que você deve ficar atento ao comprar um carro

Blog da Jackie

Spring Party

Blog da Ale Francoise

Tá com tosse aí?

Blog Clique Diário

Pirâmides Sagradas - Grão Pará SC I

Bastidores

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado



Entrevistão

Jorge Boeira

“A saúde de Santa Catarina está esperando vaga na UTI”

Esperidião Amin

"Eu não quero colocar o Bolsonaro dentro da minha gaiola - que é o que alguns querem, ser o dono do Bolsonaro. Já foram até repreendidos por isso”

Décio Nery de Lima

"Vou retomar os investimentos que o Bolsonaro negou para Santa Catarina”

Jorginho Mello

"O candidato do presidente Bolsonaro é o Jorginho Mello”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯








Jornal Diarinho© 2022 - Todos os direitos reservados.
Mantido por Hoje.App Marketing e Inovação