Matérias | Geral


Itajaí e BC se destacam na região

Economia peixeira teve a maior alta no PIB entre as 10 principais cidades de SC, segundo dados divulgados pelo IBGE

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]



As cidades de Itajaí e Balneário Camboriú ganharam destaque nessa semana no cenário econômico e social. Itajaí registrou a maior alta no PIB em 2018 entre as 10 principais cidades no estado, conforme dados divulgados na quarta-feira pelo IBGE. Já Balneário aparece como a quarta melhor cidade do país em qualidade de vida em estudo elaborado pela Fiocruz.

O destaque para Itajaí se refere ao crescimento do PIB de 2017 para 2018. O índice que mede a produção de riquezas das cidades passou de R$ 21,9 bilhões pra 25,4 bilhões em Itajaí no período, numa alta de 15,8%. A cidade segue como a segunda maior economia do estado, atrás de Joinville, que teve melhor alta entre as maiores cidades – 12,41% – e somou R$ 30,7 bilhões de PIB em 2018.



Na distribuição do PIB por pessoa, Itajaí subiu uma posição no ranking, tomando a vice-liderança de Araquari. A cidade de Piratuba manteve a ponta da lista, apesar de ter registrado queda no indicador. O avanço de Itajaí foi puxado pela alta de 14,11% no PIB per capita, com a cidade passando de R$ 103 pra R$ 117 mil.

A lista dos municípios catarinenses mais ricos não mudou em relação ao levantamento anterior do IBGE. Além de Itajaí, a região da Amfri tem Balneário Camboriú entre as 10 cidades com os maiores PIBs do estado. Balneário atingiu R$ 5,5 bilhões no PIB em 2018, numa alta de 7,76% em relação ao ano anterior.


Considerando só os municípios da Amfri, a cidade que teve maior alta no PIB na região foi Porto Belo, com percentual de 24,62%. A taxa fez a cidade passar a marca de R$ 1 bilhão na movimentação da economia. Navegantes foi a única cidade que teve queda no PIB na região em 2018, com retração de 7%, mas segue entre as maiores economias do estado, na 15ª posição.

Os dados do IBGE mostram que Santa Catarina cresceu 3,7% em 2018, mantendo o estado como a 6ª maior economia do Brasil, com PIB de R$ 298,2 bilhões. As 30 principais cidades do estado respondem por quase 70% do valor, incluindo Itajaí, Balneário Camboriú, Navegantes e Itapema. 


O prefeito de Itajaí, Volnei Morastoni (MDB), ressaltou que o porto é o grande motor da economia do município, cujo desempenho é fundamental para o crescimento da cidade. “Trabalhamos na recuperação de linhas perdidas, na reconstrução dos berços de atracação e na conquista de novas rotas comerciais”, lembra.

Com os bons resultados do porto, a cadeia logística e comercial ligada ao terminal também reage e todos os setores se beneficiam com a circulação de mais recursos, aumento das demandas por produtos e serviços e abertura de vagas de trabalho, avaliou o prefeito.

Volnei observou ainda que o planejamento estratégico do município busca desenvolver ainda mais a cidade. Ele citou que os investimentos em mobilidade já refletem na economia, como a chegada de novas empresas no novo trecho da rua Umbelino de Brito.

Comércio busca ampliar espaço

O segmento comercial vem aumentando a representatividade na economia nos últimos anos em Itajaí. O ramo supermercadista é um dos que está em alta na cidade, com a chegada de novos empreendimentos, como o Giassi, inaugurado ontem.


“É uma cidade em plena expansão, e nos sentimos felizes de poder levar ao consumidor o jeito Giassi de atender bem”, comentou o diretor-presidente da rede, Zefiro Giassi.

De acordo com o presidente do sindicato do Comércio Varejista de Itajaí, Bento Ferrari, o setor ainda tem um grande potencial de crescimento, assim como o turismo, podendo ampliar a importância na economia da cidade.

O lojista lembrou que o comércio mostrou força ao enfrentar a pandemia e acredita que o setor deve se tornar mais atrativo pra empresas e clientes com as melhorias urbanas previstas nas principais avenidas da região central.

Outro projeto esperado é a revitalização do calçadão da Hercílio Luz. O endereço é o principal corredor comercial da cidade, junto com a rua Estefano José Vanolli, no bairro São Vicente. “As mudanças ajudam a atrair os investidores”, afirma o lojista.

Balneário referência em qualidade de vida


Balneário Camboriú aparece em 1º lugar em qualidade de vida em Santa Catarina e em 4º lugar no Brasil em estudo da fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) que criou o índice Brasileiro de Privação (IBP) pra medir a desigualdade social no país. O ranking leva em conta dados de escolaridade, renda e moradia, incluindo saneamento, com base no Censo 2010 do IBGE.

Santa Catarina tem três cidades no top 10 da lista de mil melhores municípios em qualidade de vida pelo IBP. Balneário é a mais bem colocada no estado, em 4ª lugar, seguida de Pomerode, em 9º, e Blumenau, na 10ª posição. O ranking é liderado por São Vendelino, no Rio Grande do Sul. Entre as capitais, Curitiba (PR) foi a melhor avaliada, aparecendo em 20º lugar geral, enquanto Florianópolis figura em 34º lugar.

De acordo com o prefeito de Balneário, Fabrício Oliveira (Podemos), a posição do município reflete as ações e obras pra melhorar o padrão da qualidade de vida e que acabam também atraindo novos investimentos pra cidade.

Ele listou os avanços no saneamento básico – hoje 98% de rede de cobertura instalada –, a balneabilidade da praia e as obras de mobilidade urbana entre as principais medidas. Fabrício adiantou que novos projetos pra identificação de doenças emocionais e atendimento familiar, com ações integradas de assistência social, saúde e educação vão destacar ainda mais a cidade nessa área.

O novo indicador da Fiocruz foi lançado esse mês. Ele funciona como o índice de Desenvolvimento Humano (IDH), elaborado pela ONU, mas tem foco em analisar a desigualdade além do nível municipal, alcançando os bairros e pequenas regiões dentro das cidades. A proposta é que o IBP possa ajudar as autoridades e pesquisadores na elaboração de políticas públicas.




Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×






44.200.86.95

Últimas notícias

SOLIDARIEDADE

Campeão de MMA perde as cordas vocais e precisa de ajuda

ITAJAÍ 

Corpo de homem encontrado no rio Itajaí-açu é de morador do Santa Regina

ALERTA

Itajaí, Ilhota e Porto Belo lideram ‘ranking’ de moradores vivendo em áreas de risco

Centro de Itajaí

Demolições de construções históricas são suspensas por falta de autorização

FRIACA

Itajaí libera abrigo de inverno para moradores de rua na Barra do Rio; saiba como acionar serviço

Patrimônio cultural

Porto Belo tem Festa do Divino no feriado

MÚSICA NO MUSEU 

Coral Villa-Lobos faz apresentação gratuita nesta quarta em Itajaí 

Contrata-se

Itajaí tem mais de 20 vagas na indústria e comércio náuticos; veja como participar da seleção

ITAJAÍ

Urgente: Encanamento se rompe e corta abastecimento de água no bairro Fazenda

PROMOÇÃO 

Últimos dias do sorteio de prêmios do mês das mães na Viacredi; veja como participar



Colunistas

JotaCê

Aniversariante visita o colunista

Coluna Esplanada

Verbas para o sul

Ideal Mente

*Que país é este?*

Direito na mão

Aposentadoria para PCD: entendendo as regras e benefícios para quem tem redução de capacidade para o trabalho

Show de Bola

Começou a Segundona

Coluna Exitus na Política

Viver de pedras, desejar esponjas

Na Rede

Acidente com ônibus escolares, expedição de surfistas para o RS e mais: se liga nos destaques do DIARINHO na internet 

Coluna do Ton

Vibes da Turquia

Mundo Corporativo

Líderes espiritualizados em tempos difíceis ainda é possível?

Histórias que eu conto

Armação da infância 3

Coluna Fato&Comentário

Associativismo comunitário em Itajaí: o começo

Via Streaming

Tudo pelo dinheiro

Artigos

O combate ao abuso e à exploração de crianças e adolescentes é um compromisso coletivo

Jackie Rosa

Niver da Chris

Gente & Notícia

Níver da Margot

Foto do Dia

“O mar, quando quebra na praia”

Coluna Existir e Resistir

Designação geral sobre o fim do mundo



TV DIARINHO


O vídeo é impressionante, mas é falso. Não existe megaprojeto de prédio de 1200 metros de altura para ...



Podcast

Vídeo de megaprojeto de Elon Musk pra BC é falso

Publicado 28/05/2024 16:13



Especiais

ALERTA

Itajaí, Ilhota e Porto Belo lideram ‘ranking’ de moradores vivendo em áreas de risco

DENÚNCIA

Vendedores denunciam serem forçados a vender cartão do Itaú em esquema milionário

NA ESTRADA

Pôr do sol de tirar o fôlego é atração o ano inteiro na praia de Armação

RIO GRANDE DO SUL

A história de luta de um quilombo que resiste às enchentes em Porto Alegre

DADOS INÉDITOS

Em meio ao lixo das chuvas no Rio Grande do Sul, catadores não conseguem trabalhar



Blogs

Blog do JC

Pai Atanásio diz que governo ainda tem maioria

Blog da Jackie

Sasha Meneghel

A bordo do esporte

Mata o Velho, regata divertida de ILCA no YCSA

Blog da Ale Francoise

A pílula da felicidade

Blog do Ton

Amitti Móveis inaugura loja em Balneário Camboriú

Gente & Notícia

Warung reabre famoso pistão, destruído por incêndio, com Vintage Culture em março

Blog Doutor Multas

Como parcelar o IPVA de forma rápida e segura

Blog Clique Diário

Pirâmides Sagradas - Grão Pará SC I

Bastidores

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado



Entrevistão

Marisa Zanoni Fernandes

"Balneário Camboriú não precisa de capitão, fantoches, seres iluminados, ungidos. Precisa de pessoas comprometidas com a democracia”

Vilfredo e Heloísa Schurmann

"Nós reciclamos só 6% no Brasil. Na Europa já é 50%. A própria China já está com 35% de reciclagem” (Vilfredo)

João Paulo

"Essa turma que diz defender a família ajudou a destruir a boa convivência em muitas famílias. Na defesa de um modelo único, excludente"

Entrevistão Peeter Grando

“Balneário Camboriú não precisa de ruptura, mas de uma continuidade”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯








MAILING LIST

Cadastre-se aqui para receber notícias do DIARINHO por e-mail

Jornal Diarinho© 2024 - Todos os direitos reservados.
Mantido por Hoje.App Marketing e Inovação