Matérias | Geral


Itajaí

Rivalidade dá tom no handebol

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]

Por Adriano Assis

adriano@diarinho.com.br

O handebol é uma das modalidades mais equilibradas dos jogos Abertos da Santa & Bela (JASC). Mas além do equilíbrio e do bom nível, a rivalidade acaba sendo um tempero adicional. Não é de ...

 

Já possui cadastro? Faça seu login aqui.

Quer continuar lendo essa e outras notícias na faixa?
Faça seu cadastro agora mesmo e tenha acesso a
10 notícias gratuitas por mês.

Cadastre-se aqui



Bora ler todas as notícias e ainda compartilhar
as melhores matérias com sua família e amigos?

Assine agora mesmo!


adriano@diarinho.com.br

O handebol é uma das modalidades mais equilibradas dos jogos Abertos da Santa & Bela (JASC). Mas além do equilíbrio e do bom nível, a rivalidade acaba sendo um tempero adicional. Não é de hoje que a ADI/Slice/FMEL, da city peixeira, e a Aceu/Univali/Amaj, neste ano pela Maravilha do Atlântico, são rivais. Tanto no feminino quanto no masculino, as equipes das duas cidades estão em grupos diferentes e só têm chance de se encontrarem na fase final.



A rivalidade entre as duas equipes no masculino esquentou mais no ano passado, quando a equipe da Univali, que na época jogava por Itapema, ficou de fora da etapa estadual (passam duas por regional), depois um empate entre Itajaí e Blumenau. O pessoal da Univali não esqueceu. “Eu jamais faria um negócio desses, mas tô tranquilo, aqui se faz, aqui se paga”, meteu o ténico Drean Dutra.

Climão à parte, as duas equipes vieram focadas em brigar pelo título. Drean elegeu sete candidatas ao caneco e traçou o primeiro objetivo. “Ser campeão da chave pra ir direto à semifinal e se garantir entre os quatro”. No time que disputa a liga Nacional, Balneário está sem dois atletas de Videira, que vão defender sua cidade, e o goleiro Cris, que foi para os Isteites. “Aí puxei dois atletas de juvenil. Não temos estrutura pra contratar e nem vou contratar só pros Jogos. Tem atleta de Joaçaba e Itajaí que, se der um mapa, nem sabe onde ficam essas cidades”, disparou.

Sereno, o técnico Sílvio Rodrigues não falou de outras equipes nem de rivalidade, mas negou contratação feita só para os JASC. “É a equipe nossa que vem jogando, foi bicampeã adulta e campeã juvenil. Não acredito em contratações em cima da hora, acredito no trabalho a longo prazo. O Tupã veio agora, estava na Metodista, mas ele jogou o Brasileiro com a gente”, esclarece.


Os craques

Sílvio Rodrigues, técnico de Itajaí garante: “o principal do nosso time é o conjunto”. Mas nomes como Mão de Onça chamam a atenção, assim como Tupã, que já jogou as Olimpíadas e passou oito anos no exterior. “São meus primeiros Jogos Abertos. Tô bastante feliz, gosto daqui. Nos últimos seis anos, passei minhas férias em Santa Catarina”, diz o paranaense de Maringá, que ano que vem vai se mudar para Itajaí.

Se o destaque peixeiro já disputou jogos Olímpicos, o destaque de Balneário quer chegar lá. O jovem José Guilherme de Toledo, 19 anos, está tendo uma temporada quase perfeita. Jogou pela seleção brazuca juvenil, júnior e adulta, por onde disputou torneio internacional na Tunísia, em outubro. “É uma sensação muito boa vestir a camisa da seleção e ouvir o Hino Nacional”. Ele lembra de forma especial da vitórias contra os hermanos, mas o jogo marcante foi outro. “Foi a vitória contra a Espanha na estreia [do juvenil]. Nos últimos três confrontos fomos goleados e, desta vez, ganhamos”. Com 64 gols, ele foi o artilheiro do Mundial Juvenil.

Começos diferentes

A primeira das equipes a entrar na quadra cinco do complexo do Sesi foi Itajaí, que pegou Joaçaba, também candidata ao título. O primeiro tempo foi equilibrado e de poucos gols. Os peixeiros fecharam atrás, 10 a 8. Em recomeço arrasador no 2º tempo, Itajaí virou pra 10 a 8, mas tomou a virada e viu Joaçaba abrir vantagem e fechar em 23 a 20. Hoje pegam Criciúma, às 17h.


Na sequência entrou Balneário contra Xanxerê. Foi um fim de tarde onde tudo deu certo. A equipe abriu 10 a 3 no placar. Quando tinha a gorduchinha na mão, Balneário foi rápido e fatal vencendo com tranquilidade, 39 a 21. Às 18h30 de hoje eles pegam a forte equipe de Videira.

No futsal, peixeirada atropela

Campeã da primeira divisão do ano passado, a equipe de futsal feminino da city peixeira não poderia ter começado melhor a participação na divisão especial. Vitória tranquila sobre Criciúma: 4 a 0, fora o baile.

Fesporte suspende pagamento de empresa na mira do MP


Uma ação civil pública foi instaurada no começo da semana pelo Ministério Público da Terra dos Alemóns por causa do processo licitatório nº 049/2013 da fundação Catarinense de Esporte (Fesporte), vencido pela empresa MG1, para fazer a instalação da estrutura dos jogos Abertos da Santa & Bela (JASC) no setor 3 do parque Vila Germânica. A suspeita do promotor Gustavo Meireles Ruiz Diaz é de que rolou treta para que a empresa vencesse.

Mesmo negando a acusação, a Fesporte decidiu ontem pela suspensão do pagamento até que o caso seja apurado. “Nós, de livre e espontânea vontade, suspendemos o pagamento à empresa. Se for comprovado que há qualquer coisa irregular, não faremos o pagamento pra empresa A, B ou C. Caso seja provada a lisura do processo, iremos pagar”, justificou o presidente da Fesporte Erivaldo Nunes Caetano Junior, o Vadinho.

O MP tá diolho nisso desde a noite do dia 18 de novembro, segunda-feira, quando recebeu a denúncia. Na manhã do dia seguinte rolou o pregão presencial vencido pela MG1 pra ser a responsável pelas instalações dos JASC, que começou na quarta (dia 20). Um primeiro processo licitatório tinha sido feito no dia 5 de novembro, com a participação de três empresas, mas ele foi anulado sob alegação de que faltavam materiais e serviços fundamentais. Só aí foi marcado o pregão do dia 19, onde apenas a empresa vencedora participou.

Mas o que mais chamou a atenção do MP é que a empresa já tinha iniciado os trampos antes mesmo de vencer a licitação e da anulação do primeiro pregão. “Os itens faltantes poderiam ter sido contratados separadamente”, alega o promotor, que completa: “havia três licitantes presentes, levando a crer, pela revogação do certame, que a competitividade não interessava à administração”. Uma das alegações da Fesporte é de que a empresa se arriscou por conta própria, ao iniciar os trampos.

Depois de notificada, a Fesporte suspendeu o pagamento à empresa, enviou sua defesa à procuradoria e agora espera pra ver no que vai dar. “Espero que o Judiciário, na luz do seu conhecimento, mostre a perfeição e a lisura do processo licitatório”, filosofou Vadinho.

O cartola garante que qualquer que seja a conclusão da dona justa, nada vai atrapalhar a organização e a realização dos Jogos. “Isso é um ponto muito pequeno perto da grandeza dos JASC”.


JASC 2015 vai rolar no Oeste

Na manhã de ontem, o Conselho Estadual de Esporte (CED) se reuniu na Terra dos Alemóns, durante os Jogos Abertos da Santa & Bela (JASC), para definir as sedes das competições da fundação Catarinense de Esporte (Fesporte) para 2014, com exceção dos Jogos Abertos, que vão rolar na city peixeira. Em compensação, foi decidida a sede da competição em 2015.

O estádio Roberto Santos Garcia, o Robertão, na Capital do Mármore, vai receber ano que vem a etapa estadual do Moleque Bom de Bola. Ainda em 2014 vão rolar os Jogos da Juventude (Olesc) em Criciúma, os Joguinhos em Caçador e Parajasc em Chapecó. Já os JASC do ano que vem vão rolar em Itajaí, que sediou a competição pela última vez em 2001. E os Jogos de 2015, segundo decisão da manhã de ontem, vão ser disputados e Joaçaba, Herval D’Oeste e Luzerna.

Chegou a hora pra 11 modalidades

Hoje o bicho pega. Onze modalidades têm suas primeiras disputas na edição 2013 dos jogos Abertos da Santa & Bela (JASC), na Terra dos Alemóns. No ginásio da Sociedade Vasto Verde tem início do basquete feminino. Lá também vão começar bocha masculina da divisão especial e o bolão 16 masculino, além do futsal feminino da primeira divisão.

A bola também vai rolar para o futsal masculino da divisão especial. O judô tem luta dos dois naipes no ginásio da Sociedade Ipiranga, enquanto o punhobol é na sociedade Guarani. No parque Ramiro Ruedger, rolam os dois naipes do vôlei de praia. O vôlei feminino começa no ginásio da Furb. Fechando as modalidades estreantes, tem tiro trap double no clube Blumenauense de Caça e Tiro.




Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×






44.200.27.215

Últimas notícias

Catarinense

Camboriú tem dois zagueiros confirmados para a segundona

NA ESTRADA

Melhor hotel do mundo fica em Gramado e vai abrir, também, em Balneário Camboriú

Dengue

Vacinação chega a pessoas de até 59 anos

RElâmpago italiano

Maserati revela primeiro carro elétrico conversível de luxo

AEGEA

Colaboradores das empresas Aegea de SC assumem compromisso de reduzir acidentes de trabalho

Brasileiro

Avaí visita o Operário-PR na estreia da Série B

TRISTEZA

Mulher morre afogada em festa de casamento

Caiu!

Técnico Thiago Carpini é demitido pelo São Paulo

ITAJAÍ

Portuários protestam contra terceirização da mão de obra

ITAJAÍ

Ex-funcionário da drogaria Catarinense morre com suspeita de dengue



Colunistas

JotaCê

Osmar Teixeira com chefões do PSD

Coluna Esplanada

Senhor dos cargos

Gente & Notícia

Dudinha em Londres

Ideal Mente

E quem cuida de quem cuida?

Direito na mão

Trabalho sem carteira assinada conta para aposentadoria?

Show de Bola

Empréstimos feitos

Via Streaming

Visões de uma guerra de interesses

Na Rede

Agroboy mais gato dos EUA, última casinha de BC e romance no ar: confira os destaques das redes do DIARINHO

Histórias que eu conto

Armação da infância I

Coluna do Ton

Parabéns Ale

Mundo Corporativo

Dicas para líderes desorientados e equipes perdidas

Foto do Dia

Pintura ensolarada

Coluna Exitus na Política

Janelas fechadas

Jackie Rosa

Simplesmente Gisele

Coluna Fato&Comentário

Coleção bicentenário: a construção da Matriz

Coluna Existir e Resistir

Bloquinho do Sebastião Lucas resgatando e revivendo os saudosos carnavais

Empreender

Balneário Camboriú atrai cada vez mais clientes do eixo sudeste

Artigos

Aniversário da praça dos Correios



TV DIARINHO


Um protesto nacional aconteceu nesta quinta-feira. Trabalhadores portuários cruzaram os braços por seis ...





Especiais

NA ESTRADA

Melhor hotel do mundo fica em Gramado e vai abrir, também, em Balneário Camboriú

NA ESTRADA COM O DIARINHO

6 lugares imperdíveis para comprinhas, comida boa e diversão em Miami

Elcio Kuhnen

"Camboriú vive uma nova realidade"

140 anos

Cinco curiosidades sobre Camboriú

CAMBORIÚ

R$ 300 milhões vão garantir a criação de sistema de esgoto inédito 



Blogs

Blog do JC

Baixinho rebaixado

A bordo do esporte

CBVela investe na formação de treinadores de vela

Blog da Ale Francoise

Cuidado com os olhos

Blog da Jackie

Catarinense na capa da Vogue

Blog do Ton

Amitti Móveis inaugura loja em Balneário Camboriú

Gente & Notícia

Warung reabre famoso pistão, destruído por incêndio, com Vintage Culture em março

Blog Doutor Multas

Como parcelar o IPVA de forma rápida e segura

Blog Clique Diário

Pirâmides Sagradas - Grão Pará SC I

Bastidores

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado



Entrevistão

Entrevistão Ana Paula Lima

"O presidente Lula vem quando atracar o primeiro navio no porto”

Carlos Chiodini

"Independentemente de governo, de ideologia política, nós temos que colocar o porto para funcionar”

Osmar Teixeira

"A gestão está paralisada. O cenário de Itajaí é grave. Desde a paralisação do Porto até a folha sulfite que falta na unidade de ensino”

Omar Tomalih

“Balneário Camboriú hoje é o município que está com o maior controle, com o menor número de notificações de casos de dengue”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯








MAILING LIST

Cadastre-se aqui para receber notícias do DIARINHO por e-mail

Jornal Diarinho© 2024 - Todos os direitos reservados.
Mantido por Hoje.App Marketing e Inovação