Matérias | Especial


MERCADO IMOBILIÁRIO

Opção de investimento seguro em BC

Qualidade de vida, segurança e estrutura são pontos favoráveis

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]

Demanda por imóveis aumentou expressivamente durante a pandemia de covid-19. Crédito: Elton Damásio

Os dirigentes do setor da con­strução civil apontam algu­mas razões para o boom de vendas e aquecimento do mercado. Uma delas é que a pandemia impediu viagens internacion­ais e os brasileiros foram levados a fazer investimentos em território nacional.


Outro motivo é a opção de investimen­to mais vantajosa em um período em que os juros permaneceram baixos. “A de­manda por imóveis aumentou expressi­vamente em Balneário Camboriú durante a pandemia, especialmente a partir do se­gundo semestre de 2020. Creditamos esse movimento a alguns fatores. Entre eles, a questão do mercado imobiliário ser si­nônimo de investimento seguro, com va­ lorização constante e ascendente”, disse o presidente do Sinduscon de Balneário Camboriú e Camboriú, Nelson Nitz.

Apesar de fatores econômicos e sociais influenciarem várias regiões do país, o cenário da região é diferenciado, pontua Altevir Baron, da FG Empreendimentos. Para ele, são decisivas questões como IDH alto, segurança pública, infraestru­tura urbana, proximidade com aeropor­tos e com a BR-101.

“O mercado imobiliário representa uma preservação de capital, em especí­fico Balneário Camboriú, que tem uma valorização muito acima da média de outros mercados nacionais e figura hoje entre os três mais requisitados metros quadrados do Brasil”, disse.

Exigência e oportunidade

Todos os representantes do setor ouvidos pela reportagem são unânimes em reconhecer que o consumidor está mais exigente. O movimento resultou na qualificação e atração de novas construtoras, além de uma busca constante por melho­ria de projetos e de acabamento.

Continua depois da publicidade



Segundo Carlos Trossini, da Taroii, muitos clientes são casais jovens, com filhos pequenos, que gostam de espaços ao ar livre e de praticar esportes.

“Existe um potencial de mercado muito grande. Esse pessoal não sentiu tanto a crise”, analisa Bruno de Andrade Pereira, do Sinduscon Foz do Rio Itajaí.

Continua depois da publicidade



“No acumulado do ano estamos com valorização de 17,7%. [...] Para 2022, as perspectivas são positivas, e acreditamos que seguiremos com o setor aquecido”, afirma Nelson Nitz, do Sinduscon Camboriú e Balneário.

 




Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×





18.206.14.36

TV DIARINHO


Confira os destaques desta quarta-feira



Podcast

Minuto DIARINHO 06/07/2022

Publicado 06/07/2022 21:11



Especiais

Cordeiros

Professora Rita de Cássia ensinou matemática a diferentes gerações de itajaienses

SUPERAÇÃO

Deficiência nunca impediu Jailton de fazer o que quis; até elevador em casa ele construiu

Centro de Itajaí

Bravacinas se transforma em referência em vacinação humanizada

Itajaí

Itajaí mantém protagonismo na pesca industrial

A riqueza vem pelo mar

Polo náutico reúne players mundiais do mercado de luxo



Blogs

Blog do Ton

18 Mediterrâneo lança novo menu

A bordo do esporte

Barco do YCSA lidera Mundial Junior de Lightning nos EUA

Blog do JC

Jorginho consegue aumento de indenização pras famílias do acidente da Chapecoense

Blog da Ale Francoise

Chá de sabugueiro!

Blog Clique Diário

Pirâmides Sagradas - Grão Pará SC I

Blog Doutor Multas

A Desentupidora mais próxima de você! Desentupidora de emergência 24h SP

Bastidores

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado

Blog da Jackie

BALNEÁRIO FASHIOW foi SHOW



Entrevistão

Willian Cardoso, o Panda

"Saquarema provavelmente vai ser meu último mundial, aí eu vou estar focado no brasileiro”

Renata Teixeira Pinto Viana

"Não se indica cigarro eletrônico para alguém que queira parar de fumar"

Governador de Santa Catarina

"É importante destacar que as obras só avançam por conta dessa decisão de colocar recursos dos catarinenses nas rodovias federais”

José Evaldo Koch

“O hortifruti é nosso berço”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯








Jornal Diarinho© 2022 - Todos os direitos reservados.
Mantido por Hoje.App Marketing e Inovação