Matérias | Geral


TURISMO NO MAR

Volta dos cruzeiros, ainda, está proibida

Nota técnica da Anvisa não liberou navios pra temporada 2021/2022. Decisão final será do comitê interministerial

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]

Setor de cruzeiros já voltou em 50 países, com mais de 170 navios em operações (foto: divulgação)

A volta das escalas dos cruzeiros marítimos à região ainda não está garantida para a temporada 2021/2022. Em nota técnica, a agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) não autorizou a retomada dos transatlânticos na costa brasileira e não confirmou se, até o fim do ano, fará uma nova avaliação sobre o assunto. As empresas têm escalas, a partir do final de outubro, no país e tentam viabilizar a temporada.

A manutenção da suspensão dos cruzeiros no Brasil, pela Anvisa, leva em conta “as evidências de caráter sanitário e epidemiológico nos planos nacional e internacional”, segundo a nota da agência, “a fim de proteger a saúde da população”. A nota mantém o mesmo entendimento de abril de 2020. Conforme a Anvisa, o cenário da pandemia não autoriza, neste momento, a reavaliação sobre a suspensão das viagens.

O aval da agência, pra retomada das operações no país, é esperado há cerca de um ano pelas empresas de cruzeiros. Ao menos seis navios têm escalas planejadas pela costa brasileira a partir de cinco de novembro até meados de abril de 2022, envolvendo os transatlânticos Seaside, Splendida, Preziosa e Sinfonia, da MSC Cruzeiros, e os Smeralda e Fascinosa, da Costa Cruzeiros.



Nota da associação Brasileira de Cruzeiros Marítimos (Clia Brasil) diz que o setor continua trabalhando pela viabilização da temporada. “Inclusive, reuniões dos ministros competentes e responsáveis pelo assunto já estão agendadas para os próximos dias, para discutirem e deliberarem sobre os robustos protocolos de segurança apresentados pelo setor”, informa.

A entidade ressalta que os protocolos de segurança, já implantados pela associação e pelo setor de cruzeiros ao redor do mundo, com aprovação das autoridades sanitárias de cada região, mostram que o setor está preparado pra navegar com segurança. Os protocolos do setor foram criados por médicos, cientistas e especialistas, visando a segurança dos passageiros, tripulantes e cidades visitadas.

“Aproximadamente 1,5 milhão de pessoas já voltaram a fazer viagens de cruzeiro, em mais de 170 navios, que estão em atividade nos cerca de 50 países, que já liberaram a retomada das operações”, frisa a associação. Na temporada passada, o avanço da pandemia e a falta de liberação do governo não permitiram o retorno da temporada no Brasil.


Segundo a Clia Brasil, na região, estão previstas quase 50 escalas das operadoras MSC Cruzeiros e da Costa Cruzeiros, entre 31 de outubro e 19 de abril do ano que vem. A projeção da entidade é que Balneário Camboriú, Itajaí e Porto Belo, que recebem escalas dos grandões, movimentem mais de 180 mil passageiros de cruzeiros na temporada 2021/22.

Cidades confirmam preparação pra festas de réveillon

Balneário e Itajaí, entre as cidades turísticas da região, confirmam festas do réveillon (foto: ALFABILE SANTANA)

Balneário Camboriú e Itajaí estão entre as principais cidades turísticas do país que confirmam a retomada da festa de réveillon neste ano, a depender da situação da pandemia. Em Balneário, a virada de ano, que é uma das maiores do Brasil, será com queima de fogos e organizada dentro dos protocolos sanitários, e com novidades no evento.

Em Itajaí, o secretário de Turismo informa que está deixando tudo pronto pra festa. “Se existir condições naturais, vamos fazer. Vai ser nos mesmos moldes do réveillon passado, na avenida Beira-rio”, disse. Haverá queima de fogos e estrutura com três palcos para shows com bandas locais.


Pelo Brasil, as festas foram anunciadas no Rio de Janeiro (RJ), em Salvador (BA) e Fortaleza (CE). Em São Paulo (SP), a prefeitura planeja voltar com a celebração. As cidades gaúchas de Gramado e Canela terão programação de réveillon, além das celebrações do Natal Luz.

De acordo com o ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, a expectativa do setor para a virada do ano é alta, e será um dos maiores impulsionadores da retomada do turismo no país.

 

Ministérios discutem protocolos pra liberação


O secretário de Turismo de Itajaí, Evandro Neiva, comenta que a cidade está pronta pra receber os cruzeiros, se tiver a liberação da Anvisa. Ele diz que há risco de cancelamento das escalas, considerando que a autorização depende de decisão federal da Anvisa e dos órgãos de saúde.

“Estou torcendo para que ela [a liberação] aconteça. Ainda serão definindo os protocolos, ainda não existe nada oficial da Anvisa sobre o assunto, que está sendo discutido em Brasília”, disse, esperando por uma decisão o quanto antes.

A avaliação da Anvisa tem caráter de recomendação. A decisão final sobre a temporada dependerá do grupo interministerial, formado pelos ministérios da Justiça, Saúde e Infraestrutura e pela Casa Civil. Segundo o ministério do Turismo, os trâmites e as negociações, pra viabilizar a temporada no Brasil, estão em andamento.

Nos próximos dias, reuniões entre os ministérios, órgãos de saúde e setor de cruzeiros vão discutir adequações nos protocolos de segurança apresentados pelo setor. De acordo com a associação de cruzeiros, os procedimentos foram adotados com sucesso em outros países e estão prontos pra possíveis ajustes conforme as exigências locais.

O ministério do Turismo divulgou estar confiante de que as viagens possam voltar com segurança no país. O órgão destaca que “a indústria de cruzeiros é vital para a recuperação econômica”. A estimativa é de que a temporada gere impacto de R$ 2,5 bilhões na economia nacional - em 2019/2020 foi de R$ 2,24 bilhões - além da geração de 35 mil empregos - em 2019/2020 foram 33.745.

Os protocolos das empresas preveem testagens antes e durante a viagem, cabines reservadas pra quarentena, pulseiras que detectam aglomerações e novo sistema de ventilação nos navios. Entre as adequações, estão previstas limitação de 70% na ocupação e a adoção dos protocolos também pelos terminais de passageiros.





Comentários:

JORGE66 Reis

14/09/2021 02:22

Totalmente contrário a o retorno dos cruzeiros , comprei em há quase 2 anos não conseguir fazer a viagem não tive devolução do valor pago fui obrigado a remarcar e não tenho coragem de entrar num navio. Um absurdo PROCON e governo deixaram consumidor com as calças no joelho !

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×






3.238.199.4

Últimas notícias

Solidariedade 

Mãe pede ajuda para alimentar os filhos

Flagra 

Homem com drogas  é preso em BC por pichação

BALNEÁRIO CAMBORIÚ

Aplicativo de estacionamento rotativo de BC passa por atualizações

PORTO BELO

7º edição do Festival de Camarão vai rolar em Porto Belo 

Prisão 

Traficante é preso com pedras de crack após perseguição

PENHA

Mãe arranca parte da orelha de funcionária de abrigo

Bora participar 

Passeio ciclístico de BC será neste domingo

BARRA VELHA

Sequestrador é emboscado com tiros no portão de casa; ele está entre a vida e a morte 

LUTO

Morre o ex-atleta olímpico Celso Scarpini

DESCONTAÇO

Últimos dias de ingressos a R$ 89,90 no Parque Beto Carrero



Colunistas

JotaCê

Véio da Havan interesseiro?!

Jackie Rosa

Show de Armando

Na Rede

Confira as notícias que foram destaque nas redes do DIARINHO

Canal 1

Na Globo a leitura de horário para novelas segue outro padrão

Clique diário

Pesca solitária

Coluna Esplanada

STF eleitoreiro

Direito na mão

Erros no cálculo da aposentadoria: é possível corrigir?

Gente & Notícia

Moeda exclusiva de BC

Coluna do Janio

Aposta alta

Coluna Exitus na Política

O gênero da política

Coluna do Ton

Fiori

Via Streaming

“Estrelas Além do Tempo”

Coluna Fato&Comentário

Arnaldo Brandão: centenário do escritor de Itajaí

Vinicius Lummertz

SC: propostas para o debate sobre o futuro

Artigos

Marco do sesquicentenário do município destruído

Instituto Ion | Informando e Inovando

Um ano de Informando e Inovando

Coluna Tema Livre

Cuidado com os candidatos



TV DIARINHO


Entrevistão com Jorginho Mello Candidato à Governador de Santa Catarina pelo Partido Liberal





Especiais

Cidade histórica

São Chico tem o charme de 518 anos

Preços baixos

Atacarejos se multiplicam em Itajaí e disputam consumidor mais exigente

Balneário Camboriú

Construtora e morador disputam área histórica aos pés da roda-gigante

Bancada negacionista

Médicos que defenderam tratamento ineficaz contra a covid disputam a eleição

Morte misteriosa

Corpo do ‘índio do buraco’ passa por exames em Brasília



Blogs

A bordo do esporte

Brasileira disputa final do IQFoil Games na Itália

Blog do JC

Que se danem os anões!

Blog do Ton

Zezé Di Camargo & Luciano aterrissam em outubro no Expocentro BC

Blog Doutor Multas

5 golpes comuns que você deve ficar atento ao comprar um carro

Blog da Jackie

Spring Party

Blog da Ale Francoise

Tá com tosse aí?

Blog Clique Diário

Pirâmides Sagradas - Grão Pará SC I

Bastidores

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado



Entrevistão

Jorginho Mello

"O candidato do presidente Bolsonaro é o Jorginho Mello”

Odair Tramontin

“O Partido Novo defende a privatização de tudo que for possível”

Jorge Bornhausen

“As urnas são absolutamente seguras. Até hoje ninguém descobriu fraude. É história de quem está pensando que pode perder”

Simone Tebet

"Sou candidata à presidência da República porque eu ainda tenho a capacidade de me indignar e não aceito que um Brasil tão rico tenha um povo tão pobre”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯








Jornal Diarinho© 2022 - Todos os direitos reservados.
Mantido por Hoje.App Marketing e Inovação