Matérias | Geral


Balneário Camboriú 

Centro de Eventos pode ter gestão do município

Proposta é que comissão atue até que impasse com a licitação se resolva

Redação DIARINHO [editores@diarinho.com.br]

Licitação segue suspensa até que tribunal analise esclarecimentos de consórcio (Foto: Da Redação)


O centro de Eventos de Balneário Camboriú poderá ter uma gestão provisória até que o processo de licitação do empreendimento, suspenso pelo tribunal de Contas do Esta-do (TCE), seja concluído ou refeito. A proposta, já defendida pelo prefeito Fabrício Oli-veira (Podemos), foi debatida pela comissão de Turismo da assembleia Legislativa, em reunião, na quinta-feira, com o trade turístico em Balneário.

No encontro, foi definida a formação de um grupo de trabalho, reunindo representan-tes da prefeitura, de entidades municipais de turismo e da comissão da Alesc. O grupo vai atuar, junto à Santur, pra que seja formada uma comissão de gestão provisória municipal do centro de eventos, bem como coordenar ações pra que a licitação da concessão seja destravada. A Santur preferiu não se posicionar sobre a ideia.

O grupo também pretende buscar formas de tornar o empreendimento atrativo para empresas nacionais e internacionais do setor de eventos, caso a atual licitação seja cancelada e seja necessário lançar um novo edital, com a concorrência voltando à estaca zero. O processo licitatório foi suspenso, no início do mês, pelo TCE por suspeita de irregularidades na habilitação do consórcio vencedor, único a concorrer no edital.



Na semana passada, o prefeito Fabrício Oliveira tratou do futuro da concessão em reuniões no TCE e na Santur. Junto ao governo do estado, ele defendeu a criação de uma comissão entre membros do governo estadual, prefeitura e trade turístico pra avaliar alternativas no sentido de impedir que o centro de eventosseja fechado. O espaço espera pela abertura há três anos.

O grupo formado em Balneário, na quinta-feira, vai voltar a tratar do assunto no dia 13 de setembro, quando está previsto um ato simbólico de abraço ao centro de Eventos como forma de chamar a atenção do governo estadual para a questão.

Os membros também vão buscar recursos alternativos pra manutenção da estrutura e preparar um calendário referencial de eventos anuais. A ideia é que o cronograma sirva de base para uma possível nova licitação, ficando mais adequada à realidade local e regional do turismo.


As suspeitas sobre o resultado da licitação foram debatidas, em junho, pela comissão de Turismo da Alesc. Após esclarecimentos do secretário executivo de Parcerias Público-Privadas da SCPar, Ramiro Zinder, a comissão considerou o edital muito frágil e com poucas exigências, mas não constatou irregularidades formais no processo. Com a suspensão determinada pelo TCE, o presidente da comissão de Turismo, deputado Ivan Naatz (PL), analisa a necessidade de alternativas pra evitar mais prejuízos ao setor até que se resolva o impasse legal da concessão.

“A grande preocupação é termos um grande centro de eventos, o maior  do sul do país, com mais de R$ 140 milhões de investimentos públicos e paralisado, enquanto a retomada do setor já está acontecendo”, disse.

Tribunal aguarda esclarecimentos de empresa

O município ainda espera uma resposta da Santur sobre o andamento da licitação e as propostas discutidas pelo trade de Balneário. Sobre a comissão de gestão provisória, a Santur informou que não vai se manifestar no momento, com posicionamento só depois que o TCE tiver uma decisão sobre a licitação.

Conforme a autarquia estadual, o consórcio BC Eventos está no prazo de 60 dias pra se manifestar ao TCE e recorrer da suspensão. Com a resposta da empresa, o tribunal deve voltar a analisar a questão. A decisão pode ser pela continuidade da licitação, com a homologação do resultado, ou pelo cancelamento do processo, com determina-ção de novo edital.


A suspensão foi decidida após o TCE apontar falta de qualificação técnica do consórcio BC Eventos, formado pelas empresas Insight Engenharia e Quality Empresarial. Segundo o tribunal, o atestado de capacidade técnica, referente à Quality Empresarial, foi fornecido pela Arena Petry Produções e Eventos, que seria controladora da empresa, mas o documento não comprovaria a competência pra gestão de eventos exigida no edital.




Comentários:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.


Envie seu recado

Através deste formuário, você pode entrar em contato com a redação do DIARINHO.

×






3.238.199.4

Últimas notícias

Solidariedade 

Mãe pede ajuda para alimentar os filhos

Flagra 

Homem com drogas  é preso em BC por pichação

BALNEÁRIO CAMBORIÚ

Aplicativo de estacionamento rotativo de BC passa por atualizações

PORTO BELO

7º edição do Festival de Camarão vai rolar em Porto Belo 

Prisão 

Traficante é preso com pedras de crack após perseguição

PENHA

Mãe arranca parte da orelha de funcionária de abrigo

Bora participar 

Passeio ciclístico de BC será neste domingo

BARRA VELHA

Sequestrador é emboscado com tiros no portão de casa; ele está entre a vida e a morte 

LUTO

Morre o ex-atleta olímpico Celso Scarpini

DESCONTAÇO

Últimos dias de ingressos a R$ 89,90 no Parque Beto Carrero



Colunistas

JotaCê

Véio da Havan interesseiro?!

Jackie Rosa

Show de Armando

Na Rede

Confira as notícias que foram destaque nas redes do DIARINHO

Canal 1

Na Globo a leitura de horário para novelas segue outro padrão

Clique diário

Pesca solitária

Coluna Esplanada

STF eleitoreiro

Direito na mão

Erros no cálculo da aposentadoria: é possível corrigir?

Gente & Notícia

Moeda exclusiva de BC

Coluna do Janio

Aposta alta

Coluna Exitus na Política

O gênero da política

Coluna do Ton

Fiori

Via Streaming

“Estrelas Além do Tempo”

Coluna Fato&Comentário

Arnaldo Brandão: centenário do escritor de Itajaí

Vinicius Lummertz

SC: propostas para o debate sobre o futuro

Artigos

Marco do sesquicentenário do município destruído

Instituto Ion | Informando e Inovando

Um ano de Informando e Inovando

Coluna Tema Livre

Cuidado com os candidatos



TV DIARINHO


Entrevistão com Jorginho Mello Candidato à Governador de Santa Catarina pelo Partido Liberal





Especiais

Cidade histórica

São Chico tem o charme de 518 anos

Preços baixos

Atacarejos se multiplicam em Itajaí e disputam consumidor mais exigente

Balneário Camboriú

Construtora e morador disputam área histórica aos pés da roda-gigante

Bancada negacionista

Médicos que defenderam tratamento ineficaz contra a covid disputam a eleição

Morte misteriosa

Corpo do ‘índio do buraco’ passa por exames em Brasília



Blogs

A bordo do esporte

Brasileira disputa final do IQFoil Games na Itália

Blog do JC

Que se danem os anões!

Blog do Ton

Zezé Di Camargo & Luciano aterrissam em outubro no Expocentro BC

Blog Doutor Multas

5 golpes comuns que você deve ficar atento ao comprar um carro

Blog da Jackie

Spring Party

Blog da Ale Francoise

Tá com tosse aí?

Blog Clique Diário

Pirâmides Sagradas - Grão Pará SC I

Bastidores

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado



Entrevistão

Jorginho Mello

"O candidato do presidente Bolsonaro é o Jorginho Mello”

Odair Tramontin

“O Partido Novo defende a privatização de tudo que for possível”

Jorge Bornhausen

“As urnas são absolutamente seguras. Até hoje ninguém descobriu fraude. É história de quem está pensando que pode perder”

Simone Tebet

"Sou candidata à presidência da República porque eu ainda tenho a capacidade de me indignar e não aceito que um Brasil tão rico tenha um povo tão pobre”



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯








Jornal Diarinho© 2022 - Todos os direitos reservados.
Mantido por Hoje.App Marketing e Inovação