Colunas


Coluna Tema Livre

Por Rosan da Rocha - rrocharrosan@gmail.com

Falta de educação e fiscalização


Este verão o que vem se percebendo, pelo menos nesta virada de ano, é a volta de uma enxurrada de turistas mal-educados, baderneiros e violentos em Balneário Camboriú e Itajaí.

A maioria de visitantes são pessoas que pra cá vieram a fim de aproveitar as férias, praia e diversão, mas com respeito aos moradores.

Contudo, verifica-se que muitos chegaram para extravasar seus recalques, seu lado marginal, e acabam por incomodar e tentar deteriorar a bela imagem das cidades da região que sempre acolheram muito bem os turistas.

O prefeito de Balneário Camboriú agiu muito bem em proibir caixa de som ligada em locais públicos sem prévia autorização. Tem-se visto também uma atuação efetiva da Polícia Militar e Guarda Municipal coibindo abusos e vigiando permanentemente as praias e as ruas da cidade. O Poder Público colocou à disposição dos turistas uma equipe de funcionários de diversas secretarias municipais para atendimento na Praia Central, como também tem feito reuniões periódicas para aprimorar a segurança e fiscalização. Infelizmente, já o mesmo não se pode dizer de Itajaí, ao menos na sua praia mais badalada  e frequentada, a Brava. A baderna é geral. Caixas de som com volume nas alturas por toda a areia da praia; cobrança de consumação indevida em restaurantes; dezenas de cachorros na areia e tomando banho com seus donos; estacionamentos sem qualquer regulamentação; prática de esportes sem horários e definição de lugar; pessoas mergulhando da ponte que faz ligação com a praia do Canto do Morcego danificando-a, além de ser tal prática um perigo enorme, principalmente para as crianças; saída de voos de parapente motorizado da areia da praia, com cobrança ou fazendo “marketing”, sem qualquer credenciamento ou fiscalização; cabos de energia elétrica atravessando o chão da avenida principal para ligar aparelhos dos restaurantes na areia da praia; esgoto transbordando, por boca de lobo, há vários dias, deixando um cheiro insuportável; não se vê um fiscal do município caminhando pela praia a fim de orientar, notificar ou coibir irregularidades. É uma esculhambação, uma verdadeira balbúrdia por culpa única e exclusiva da negligência, falta de planejamento e fiscalização dos gestores públicos da cidade. O que é uma pena, uma vez que o lugar tem ótimos restaurantes, a praia é de água limpa e quente, moradores ordeiros e frequentada por pessoal de bom poder aquisitivo, sendo um dos locais mais caros para aquisição de imóveis. Se continuar assim, o prejuízo será pra todos. Ainda é tempo de corrigir, é o que se espera.


Comentários:

Deixe um comentário:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.

Leia mais

Coluna Tema Livre

Cuidado com os candidatos

Coluna Tema Livre

Não é fácil ser mulher

Coluna Tema Livre

Armadilha política

Coluna Tema Livre

Tristeza na academia

Coluna Tema Livre

A propaganda eleitoral ilegal

Coluna Tema Livre

Semana Santa de reflexão

Coluna Tema Livre

Fabrício ficou

Coluna Tema Livre

Saia dessa vala imunda

Coluna Tema Livre

A volta do dragão inflacionário

Coluna Tema Livre

Parabéns, prefeito!

Coluna Tema Livre

Maria vai com as outras

Coluna Tema Livre

Deus nos salve dos tiranos

Coluna Tema Livre

Petrópolis é mais uma vítima das autoridades

Coluna Tema Livre

Visita de Bolsonaro a Putim

Coluna Tema Livre

Triste Brasil

Coluna Tema Livre

Pais irresponsáveis, filhos doentes

Coluna Tema Livre

Nem guru e nem político de estimação

Coluna Tema Livre

Balneabilidade das praias

Coluna Tema Livre

Liberdade burra

Coluna Tema Livre

Renascimento



Blogs

A bordo do esporte

Recife (PE) pronta para receber a Globe 40

Blog Doutor Multas

Divisão de Registro de Veículos: entenda como funciona

Blog do JC

The Ocean Race

Blog da Ale Francoise

Moringa para imunidade

Blog do Ton

Festa The Box comemora 5 anos neste fim de semana em Balneário Camboriú

Blog da Jackie

Spring Party

Blog Clique Diário

Pirâmides Sagradas - Grão Pará SC I

Bastidores

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado



Entrevistão

Evandro Neiva

"Vila da Regata de Itajaí vai atrair mais de meio milhão de visitantes

Luíza Moreira

"Meu avô tinha uma marca de ferro na coxa. Hoje em dia eu me revolto ainda por causa da escravidão, porque ainda tem muito preconceito”

Alvim Sandri

"Levei a vida que a minha mãe ensinou: fé em Deus e andar certo

Marcelo Sodré

"A hora que entrar o contrato de arrendamento essa agonia se dissipa. As empresas vêm pra fazer o porto continuar crescendo”

TV DIARINHO

PROIBIDO ESTACIONAR! O principal acesso à praia do Cascalho, em Penha, voltou a ser palco do desrespeito ...




Especiais

Pesquisa de preços 

Sorvetes apresentam diferença de até 50,62% nos principais supermercados

80 ANOS

Sorveteria Seara chega à quarta geração unindo receitas de família e novas tendências

NA ESTRADA COM O DIARINHO

Sete dicas pra curtir Balneário Camboriú num fim de semana 

Dia no mar

O que levar para uma refeição perfeita al mare

Deixa o vento me levar

Veleiros alugados navegam com grupos para alto-mar



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯








Jornal Diarinho© 2022 - Todos os direitos reservados.
Mantido por Hoje.App Marketing e Inovação