Colunas


Coluna esquinas

Por Coluna esquinas -

A mão invisível da realidade


Houve um tempo em que os sinais da narrativa ficcional começavam com o “era uma vez...” e, inevitavelmente, encerrava com o final feliz.  Houve um tempo... porque as narrativas que andam por aí confundem muita gente e confrontam a realidade com a ficção.

 

Bora virar assinante para ler essa e todas as notícias do portal DIARINHO? Usuários cadastrados têm direito a 10 notícias grátis.


Esqueci minha senha




Se você ainda não é cadastrado, faça seu cadastro agora!


 







 





Família imperial afronta uma rede de comunicação ao dizer que a representação do príncipe fere a honra por tratá-lo como defensor de pautas progressistas. Não olho novelas e, muito menos, sei da vida dos decadentes herdeiros da família imperial, mas a notícia embaralha o que poderíamos imaginar que fosse realidade.

Noutra notícia um jogador de vôlei faz piadas homofóbicas, é demitido do clube em que joga por exigência das grandes empresas que o patrocinam e, pasmem, pessoas vão às redes e à porta do clube para apoiá-lo.  O mundo capitalista empresarial, como um camaleão, adaptou-se às orientações sexuais do século XXI para não perder lucros (claro) e um conhecido partido político com pautas de extrema esquerda sai em defesa do jogador afirmando que estamos em uma fase inquisitória.  E pasmei quando vi que a discussão começou quando o assunto era o beijo que o superman deu em outro menino. Quem é ficção? Qual a fronteira da realidade?

Não pararia aqui se tivéssemos espaço para tanto. Poderia falar no acidente de trânsito em que curiosos se envolveram tanto na discussão a ponto de um homem decepar o dedo de uma mulher. E, como foi noticiado nos jornais, os envolvidos no acidente propriamente não se envolveram na briga.

Assim fica difícil escrever ficção. A ficção sempre foi sedutora para quem escreve diariamente por décadas. Ouço, diversas vezes, a pergunta recorrente: de onde vem a inspiração para criar essa história? De onde surgiu tal personagem? Como você concebeu aquele enredo? Você viveu aquela história que narra em seu conto? Para escrever algo no reino da ficção um dos recados recorrentes é de que exerçamos a nossa humanidade ou que a ficção, não imita a realidade e sim nos permite vê-la melhor. E temos aquela pergunta que considero a melhor: Será que tudo é o que parece?

Nós, escritores, estamos sempre propensos  a ousar e inventar, na ficção, mesmo que isso reporte a quem nos lê para os problemas da realidade. Agora, quando a realidade supera, de longe, muitas narrativas ficcionais, eu fico a pensar o que será daqueles que têm a escrita como profissão? Já não basta o baixo consumo de livros no país e agora a realidade está ganhando cores de ficção? Estaríamos contrariando aquele personagem de um filme antigo: “É curioso como as cores do mundo real parecem muito mais reais quando vistas no cinema.”

O fato é que a ficção está ganhando o status de verdade enquanto que a realidade... ahhh a realidade não está mentindo como podem suspeitar. A realidade está narrando exatamente o que é e se apropriando dos segredos da ficção para nos parecer uma brincadeira descrita em um livro qualquer.

A ficção é mais estranha que a realidade porque a ficção é obrigada a lidar com nossa humanidade e a realidade parece que não está nem aí.


Comentários:

Deixe um comentário:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.

Leia mais

Coluna esquinas

Grasna, pato, grasna

Coluna esquinas

Quinquilharias

Coluna esquinas

Touch, mentiras e uma hashtag

Coluna esquinas

Os 10 dias em que ouvimos a palavra GRITO

Coluna esquinas

Ferida aberta

Coluna esquinas

Proa da palavra

Coluna esquinas

Breve história de um muro

Coluna esquinas

O segredo dos dias

Coluna esquinas

Pantufas para pisar na lua

Coluna esquinas

Exercício de ser criança

Coluna esquinas

O instante antes do escuro

Coluna esquinas

Dentro da noite

Coluna esquinas

Bolhas

Coluna esquinas

Imagino, logo existo

Coluna esquinas

Hoje é quase horizonte

Coluna esquinas

Língua Solta

Coluna esquinas

Curto-circuito

Coluna esquinas

Posso dar um pitaco?

Coluna esquinas

Tirando poeira das ideias

Coluna esquinas

Qual é a sua felicidade?



Blogs

A bordo do esporte

Vela estreia nos Jogos Sul-Americanos no domingo (2)

Blog do JC

Eleições

Blog do Ton

Zezé Di Camargo & Luciano aterrissam em outubro no Expocentro BC

Blog Doutor Multas

5 golpes comuns que você deve ficar atento ao comprar um carro

Blog da Jackie

Spring Party

Blog da Ale Francoise

Tá com tosse aí?

Blog Clique Diário

Pirâmides Sagradas - Grão Pará SC I

Bastidores

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado



Entrevistão

Jorge Boeira

“A saúde de Santa Catarina está esperando vaga na UTI”

Esperidião Amin

"Eu não quero colocar o Bolsonaro dentro da minha gaiola - que é o que alguns querem, ser o dono do Bolsonaro. Já foram até repreendidos por isso”

Décio Nery de Lima

"Vou retomar os investimentos que o Bolsonaro negou para Santa Catarina”

Jorginho Mello

"O candidato do presidente Bolsonaro é o Jorginho Mello”

TV DIARINHO

Oba! Faltam só 6 dias pra maior festa do pescado do Brasil! Vem aí a Marejada! #marejada #itajai #santacatarina ...



Podcast

Minuto DIARINHO - 30/09/2022

Publicado 30/09/2022 15:40


Especiais

Fique ligado

Confira as orientações, regras e serviços para o dia da eleição

ENTREVISTA

“Já atingimos ponto de não retorno” em algumas regiões da Amazônia, diz pesquisadora

ELEIÇÕES 2022

Partidos em Santa Catarina receberam quase R$ 194 milhões

ELEIÇÕES 2022

Confira quanto cada candidato da região recebeu do fundão eleitoral

Pesquisa DIARINHO

Preço da carne pode variar até 145%



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯








Jornal Diarinho© 2022 - Todos os direitos reservados.
Mantido por Hoje.App Marketing e Inovação