Colunas


Coluna esquinas

Por Coluna esquinas -

Curto-circuito


 

“a verdade absoluta é, na verdade, obsoleta”

(André Pinheiro)

O curto-circuito ocorre quando uma corrente-elétrica com força acima do normal passa por um circuito elétrico com intensidade elevada, sofrendo uma queda e criando uma descarga que poderá danificar esse circuito.

Entramos em curto. Depois de tantos avisos sobre o caos em que nossa cultura estava e as confusões que nossa organização social andava causando em nossos cotidianos, estamos em curto.

Após as Guerras Mundiais o planeta entrou em colapso em um processo contemporâneo de mudanças significativas nas tendências artísticas, filosóficas, sociológicas e científicas.

Foram os anos 60 do Século XX que ouviram os primeiros gritos sobre o que estava por vir: movimentos de jovens antiguerra, ambientalistas avisaram sobre crises ambientais, mulheres chamam atenção sobre sua condição submissa ao patriarcado, negros reagiam a uma escravidão velada, organizações de trabalhadores denunciavam explorações.

Somados a esse contexto, vieram os avanços tecnológicos da era digital, a expansão dos meios de comunicações, a indústria cultural, bem como do sistema capitalista com sua cruel lei de mercado e consumo, e da globalização. Ou seja, passamos a ser educados para comprar qualquer forma de vida no shopping mais próximo.

Os resultados foram chegando com a lentidão necessária para que não percebêssemos o que estava acontecendo. E... veio um bombardeio de informações com um estilo de vida  baseada na efemeridade, no narcisismo e no hedonismo e na busca incessante pelo prazer.

Até aqui nenhuma novidade. Já sabemos disso tudo, não é? O que ainda estamos tentando entender é como as bolhas criadas em redes sociais deram uma rasteira na chamada democracia e estão elegendo candidatos com ideias e ações de extermínio, exclusão, xenofobia e homofobia, com votos e aval de “cristãos” que se autodenominam cidadãos de bem. A partir daí, tudo muda não é mesmo? Uma volta – de supetão – para o passado pode assustar até os mais comportados revolucionários de redes sociais.

Estamos em pleno curto circuito em um mundo estimulado por sinais confusos que atrapalham fronteiras e pensamentos, sinais confusos que embaralham conceitos a ponto de cristãos defenderem fascistas, sinais que tiram as referências das gerações novas e deixa tudo propenso a mudar com rapidez e de forma imprevisível.

Resultado: tudo explode. Quando falo ‘tudo’ estou dizendo que pode explodir tanto a vida privada quanto a pública, o que já dá sinais em nossa prática social: o individualismo e a efemeridade das relações determinam o que é verdade ou não é.  O resto é consumo e as incertezas continuam rondando nossas vidas.


Comentários:

Deixe um comentário:

Somente usuários cadastrados podem postar comentários.

Para fazer seu cadastro, clique aqui.

Se você já é cadastrado, faça login para comentar.

Leia mais

Coluna esquinas

Grasna, pato, grasna

Coluna esquinas

Quinquilharias

Coluna esquinas

Touch, mentiras e uma hashtag

Coluna esquinas

Os 10 dias em que ouvimos a palavra GRITO

Coluna esquinas

Ferida aberta

Coluna esquinas

Proa da palavra

Coluna esquinas

Breve história de um muro

Coluna esquinas

A mão invisível da realidade

Coluna esquinas

O segredo dos dias

Coluna esquinas

Pantufas para pisar na lua

Coluna esquinas

Exercício de ser criança

Coluna esquinas

O instante antes do escuro

Coluna esquinas

Dentro da noite

Coluna esquinas

Bolhas

Coluna esquinas

Imagino, logo existo

Coluna esquinas

Hoje é quase horizonte

Coluna esquinas

Língua Solta

Coluna esquinas

Posso dar um pitaco?

Coluna esquinas

Tirando poeira das ideias

Coluna esquinas

Qual é a sua felicidade?



Blogs

A bordo do esporte

Vela estreia nos Jogos Sul-Americanos no domingo (2)

Blog do JC

Eleições

Blog do Ton

Zezé Di Camargo & Luciano aterrissam em outubro no Expocentro BC

Blog Doutor Multas

5 golpes comuns que você deve ficar atento ao comprar um carro

Blog da Jackie

Spring Party

Blog da Ale Francoise

Tá com tosse aí?

Blog Clique Diário

Pirâmides Sagradas - Grão Pará SC I

Bastidores

Grupo Risco circula repertório pelo interior do Estado



Entrevistão

Jorge Boeira

“A saúde de Santa Catarina está esperando vaga na UTI”

Esperidião Amin

"Eu não quero colocar o Bolsonaro dentro da minha gaiola - que é o que alguns querem, ser o dono do Bolsonaro. Já foram até repreendidos por isso”

Décio Nery de Lima

"Vou retomar os investimentos que o Bolsonaro negou para Santa Catarina”

Jorginho Mello

"O candidato do presidente Bolsonaro é o Jorginho Mello”

TV DIARINHO

Oba! Faltam só 6 dias pra maior festa do pescado do Brasil! Vem aí a Marejada! #marejada #itajai #santacatarina ...



Podcast

Minuto DIARINHO - 30/09/2022

Publicado 30/09/2022 15:40


Especiais

Fique ligado

Confira as orientações, regras e serviços para o dia da eleição

ENTREVISTA

“Já atingimos ponto de não retorno” em algumas regiões da Amazônia, diz pesquisadora

ELEIÇÕES 2022

Partidos em Santa Catarina receberam quase R$ 194 milhões

ELEIÇÕES 2022

Confira quanto cada candidato da região recebeu do fundão eleitoral

Pesquisa DIARINHO

Preço da carne pode variar até 145%



Hoje nas bancas


Folheie o jornal aqui ❯








Jornal Diarinho© 2022 - Todos os direitos reservados.
Mantido por Hoje.App Marketing e Inovação